31 de outubro de 2016

Goiânia tem chuva acima da média no mês de outubro


A tempestade que caiu em Goiânia no início da noite de domingo (30) causou muitos estragos e foi o terceiro maior volume de chuva no Brasil entre 10 horas do dia 30 e 10 horas de 31 de outubro de 2016. Os dados foram divulgados pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

De acordo com o Inmet, Goiânia acumulou 209,2 mm de chuva no mês de outubro. Esse valor é 22% superior a média para o mês, que é de 171 mm. O mês de novembro também deve começar chuvoso. O primeiro dia de Novembro, deve ficar entre 21ºC e 31ºC, com pancadas de chuva à tarde e à noite. No feriado de Finados (2), o dia começa com sol entre nuvens, chuva à tarde e tempo aberto à noite, com previsão de 21ºC à 32ºC.

Na quinta-feira (3), temperatura oscila entre 22ºC e 32ºC, com sol e nuvens de manhã, pancadas de chuva à tarde e à noite. Já na sexta-feira (4), tempo nublado com chuva a qualquer hora e previsão de 22ºC à 31ºC.

O final de semana permanece com pancadas de chuva à tarde e à noite e temperatura varia entre 23ºC e 32ºC. Somente na segunda-feira (7) a chuva dará trégua.



Goiânia é a 8ª capital que mais reduziu crimes, aponta anuário


A 10ª edição do Anuário brasileiro de segurança pública, cujos números começaram a ser divulgados nesta sexta-feira (28), aponta que Goiânia apresentou quedas nas ocorrências de crimes em todos os indicadores do estudo. Crimes violentos letais intencionais em Goiânia tiveram redução de 13%, sendo que a capital goiana ficou na oitava posição de maiores reduções no período de 2014 para 2015.

Além disso, houve redução de 50,6% nas lesões corporais seguidas de morte, e redução de 4,5% nos latrocínios, que são os casos de roubo seguido de morte.

Porém, dados da Secretaria de Segurança Pública e Administração Penitenciária (SSPAP), apresentados pela Superintendência Executiva de Ações Integradas e a Gerência do Observatório de Segurança Pública apontam números ainda mais significativos relativos ao ano de 2016.

Fonte: Jornal O Hoje
Foto: Google Imagens

Iris promete melhorar o transporte no primeiro ano de gestão em Goiânia


O prefeito eleito de Goiânia, Iris Rezende (PMDB), afirmou nesta segunda-feira (31) que vai resolver os problemas do transporte coletivo no primeiro ano de governo. Em entrevista à TV Anhanguera, o peemedebista também firmou o compromisso de asfaltar todos os bairros sem pavimentação até 2018. Ele falou ainda sobre segurança pública, alagamentos, habitação e relação com os governos estadual e federal.

"Tomando posse, no dia seguinte eu estarei com tudo nas mãos para reunir com os concessionários, incluindo o governo estadual para saber o que pode ser feito imediatamente, acrescentando ônibus novos, abrindo novas linhas, construindo pontes e viadutos nos locais mais críticos para deslanchar o trânsito e consequentemente permitir maior velocidade aos ônibus. Antes de um ano é um tempo suficiente para abrirmos licitação e realizarmos este trabalho”, afirmou.

Fonte: G1 GO

Marconi vai propor a Iris parceria na Segurança, Saneamento e Mobilidade Urbana


Em bate papo com internautas no Facebook, o governador de Goiás comentou mais detalhes sobre a possivel parceria

O governador Marconi Perillo afirmou, na tarde desta segunda-feira (31), em bate-papo com internautas transmitido pelo Facebook, que vai propor ao prefeito eleito, Iris Rezende, parcerias nas áreas de Segurança Pública, Saneamento Básico e Mobilidade Urbana.

“O prefeito eleito falou muito na eleição de Segurança Pública. Acredito que podemos começar por aí uma parceria boa entre governo e a prefeitura. A prefeitura pode, inclusive, fazer como outras fazem, comprando banco de horas dos policiais. Há uma chance boa de termos uma relação próxima convergente na área da segurança pública”, disse.

Com relação à área de Saneamento Básico, ressaltou que a Câmara acabou de aprovar uma lei concedendo mais tempo de vigência na concessão de água e de esgoto. “Nós temos feito investimentos muito fortes. Só na Região Noroeste de Goiânia nós acabamos de realizar 600 quilômetros de novas redes coletoras de esgoto”, frisou.

Em seguida, disse que o governo estadual e prefeitura podem construir uma grande cooperação na área de Mobilidade Urbana. “Hoje nós temos aqui um sistema de transporte que precisa ser melhorado, a questão da acessibilidade; e também pode haver muita convergência em relação à melhoria viária, trânsito, transportes públicos”, disse.

Questionado se há uma receita para se obter êxito nas eleições, “um pulo do gato”, já que é o único político que se elegeu quatro vezes governador, Marconi afirmou que a receita é o trabalho árduo. “O pulo do gato é algo fácil de descrever, é o trabalho. Trabalhar muito. Trabalhar com seriedade, ser sensato, equilibrado, corajoso em momentos que exigem coragem”, explicou.

Indagado sobre projeto político para 2018, o governador Marconi Perillo disse que ainda não sabe se disputará cargo eletivo, mas que pretende andar o país e auxiliar o PSDB a formular um projeto para o Brasil que o partido acredita. Ele disse que poderá, futuramente, pleitear a presidência do PSDB.

Fonte: O Hoje

19 de outubro de 2016

17ª unidade: Prefeito de Aparecida de Goiânia inaugura mais um Cmei


Bairro beneficiado com a 17ª unidade de educação infantil é o Internacional Park, na região Leste do município

Aparecida de Goiânia, 18 de outubro de 2016 – Foi realizada no final da tarde desta terça-feira, 18, a solenidade de inauguração do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Benedita Maria do Nascimento que fica no setor Internacional Park. A solenidade contou com a presença do prefeito Maguito Vilela e da primeira dama Flávia Teles, do secretariado municipal, pais e dos familiares da homenageada que deu nome ao Cmei. A unidade estava em funcionamento desde o início de outubro.

A unidade foi construída com recursos no valor de R$ 500 mil do Tesouro Municipal em parceria com a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) e será administrado pela Educação Municipal. Ao todo o Cmei irá beneficar 100 crianças de seis meses a cinco anos nos cinco agrupamentos. “Essas crianças iniciam aqui o seu futuro educacional e profissional. O Cmei é o alicerce, pois aqui elas começam o seu aprendizado e um bom alicerce é fundamental na construção de um futuro mais digno”, destacou o prefeito.

O Cmei conta ainda com salas de aula dos agrupamentos 1 ao 5,, bercário, brinquedoteca, diretoria, secretaria, sala de professores, cozinha, lavanderia e espaço de lazer. Ao todo são servidas cinco refeições diárias acompanhadas por nutricionistas. “Eu vou trabalhar tranquila, sabendo que meus filhos estão sendo bem cuidados enquanto ajudo na educação de outras crianças”, relatou a professora e agente educativa, Luciene Padilha, mãe das gêmeas de oito meses que viraram xodó de todos.

Quem também estava feliz com o novo Cmei era a pequena Ana Luísa de seis anos. Ao lado dos coleguinhas do agrupamento cinco, ela enfatizou que o que mais gosta de fazer é estudar e que antes ela ficava apenas em casa sem fazer nada. “Estou gostando do Cmei porque eu gosto de estudar e estou aprendendo o alfabeto. Gosto também das brincadeiras, dos amiguinhos e das tias (professoras)”, contou a menina que acompanhou a solenidade da primeira fileira.

Para o secretário de Educação de Aparecida, Domingos Pereira, a educação no município deu um salto de qualidade nesses últimos oito anos. “Nunca se investiu tanto na educação de Aparecida como foi investidos nesses últimos anos. Foram Cmeis, escolas, quadras e também na atração de universidades. E não estamos apenas construindo prédios, estamos construindo um futuro para nossas crianças e jovens, com ensino de qualidade e professores capacitados”, sublinhou o secretário.

O diretor do Cmei Benedita Maria do Nascimento, Márcio José disse que desde o início do mês estão recebendo as crianças e que este era um anseio muito grande da sociedade. “Todos, moradores e pais, ansiávamos por esta obra, pois muitos pais e mães precisam trabalhar e não tem com quem deixar os filhos mais pequenos. Esta obra veio para melhorar a vida de todo mundo”, comentou o gestor ao lado do vereador Cláudio Batista (PSC) e do vereador eleito, Lélis Pereira.

Inaugurações – Até o final deste mês a prefeitura de Aparecida de Goiânia irá inaugurar mais duas unidades de Educação Infantil nos setores Buriti Sereno e Madre Germana e restará apenas a unidade do setor Village Garavelo para ser inaugurada. Com isso Aparecida contará com 29 novos Cmeis entregues nesta administração que somados aos 23 Centros de Educação Infantil (CEI), totalizam 52 unidades de educação infantil, beneficiando mais de seis mil crianças. “No início de 2009, apenas mil eram atendidas nas antigas creches”, finaliza o secretário Domingos. 

Homenagem - O neto da senhora Benedita Maria do Nascimento, Júnior do Nascimento, agradeceu à homenagem prestada à sua avó que deu nome ao Cmei no Internacional Park. "Estamos, todos da minha família, contentes e realizados com essa homenagem. Minha avó saiu de Pernambuco no sertão nordestino para fazer a vida com o meu avô em Goiás. Quando ela ficou viúva mudou-se para um terreno em Aparecida, onde sozinha conseguiu terminar de criar os 10 filhos e netos e tataranetos, além de ajudar toda a gente que morava ao seu redor aqui no Internacional Park. Ela era uma mulher muito guerreira e um exemplo para todos nós", disse emocionado o neto de dona Benedita. 

Presenças - Estavam


Governo federal repassa recursos para a Saúde em Goiás


O Ministério da Saúde assinou na manhã desta quarta-feira, dia 19,  portarias que destinam recursos federais para Unidades de Pronto Atendimento (UPA´s) que vão  beneficiar  seis municípios goianos. As portarias repassam R$ 13,8 milhões para seis entidades filantrópicas, incluindo hospitais e santas casas, no valor anual de R$ 4,5 milhões, e de quatro UPA’s, cujo custeio com recursos federais será de R$ 9,3 milhões por ano. Também serão enviados R$ 3,6 milhões em emendas para entidades assistenciais de saúde.

Em Goiás, serão beneficiadas as seguintes unidades: UPA´s e entidades filantrópicas de Goiânia, Aparecida de Goiânia, Anápolis, Rio Verde, Goianésia e Luziânia, além do Centro de Reabilitação e Readaptação Henrique Santillo (CRER). O secretário de Saúde, Leonardo Vilela, explicou que os recursos são repasses adicionais, que não existiam anteriormente e que a partir da assinatura da portaria passarão a ser regulares: “As instituições receberão mensalmente esses valores. Todas as unidades têm serviços específicos que já foram analisados e aprovados pelo Ministério da Saúde”.

Melhorar a qualidade
Durante a solenidade o governador Marconi Perillo afirmou que o governo federal demonstra empenho para elevar a qualidade dos serviços de Saúde no país. “O que o Ministério demonstra hoje é esse compromisso republicano para elevar a área da Saúde a um patamar muito alto, para melhorar a qualidade do serviço um dia importante para a Saúde e das pessoas que precisam de atendimento público. Sei que esse valor é fruto de uma gestão eficiente e das economias que estão sendo feitas no Ministério de Saúde”, ressaltou o governador ao representante do Ministério, na solenidade, o secretário de Gestão, Rogério Abdalla.

Abdalla disse que os recursos são frutos de uma economia de R$ 1 bilhão que o Ministério da Saúde realizou nos primeiros 100 dias da nova gestão comandada pelo ministro Ricardo Barros. “Fizemos uma reforma administrativa, cortamos cargos, reduzimos gastos e negociamos com os laboratórios os custos dos medicamentos. Em todo o país, 2.216 entidades filantrópicas serão beneficiadas com a garantia de repasse de R$ 371,9 milhões por ano. Essas unidades são responsáveis por 43% das internações que ocorrem no país”, afirmou.

Presente no evento, o prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela, comemorou os recursos do Ministério para o município. “Aguardávamos essa participação do governo federal. Já estamos com duas UPA´s funcionando 24 horas por dia. E nos próximos dias será inaugurada mais uma. E estamos concluindo também o Hospital Municipal de Aparecida de Goiânia, que vai beneficiar Aparecida, Goiânia e também o Estado,” disse.

Participaram da solenidade representantes das santas casas de Goiânia e Anápolis, o secretário de Saúde de Goiânia, Fernando Machado, e o secretário de Saúde de Anápolis, Luiz Carlos Teixeira.


Chuvas isoladas podem diminuir calorão


O calorão dessa semana e a umidade baixa podem dar lugar ao tempo nublado a partir desta quarta-feira (19), aponta o Inmet. Segundo o órgão, uma frente fria que está se deslocando, do Sul do País para o Sudeste, influenciará o Centro-Oeste. Além disso, a umidade vinda do Norte também pode gerar áreas de instabilidade em Goiás.

Em consequência dos dois fenômenos, podem ocorrer pancadas isoladas hoje a partir do fim da tarde em Goiânia. A temperatura pode ter máxima de 35ºC e mínima de 23ºC. Já a umidade relativa do ar pode variar entre 35 e 70%. O órgão alerta que as chuvas podem vir acompanhadas de raios, trovões e rajadas de vento. A tendência é que as chuvas continuem até o inicio da próxima semana.

Segundo o Inmet, a previsão até a segunda quinzena de novembro, quando deve começar o período chuvoso, é que as pancadas de chuvas sejam intercaladas. Ainda de acordo com o órgão essa época do ano não é de frio, mas com a chuva pode aumentar a umidade e dar uma aliviada no calorão.

Fonte: Jornal O Hoje (Ingrid Reis)

15 de outubro de 2016

Sem Prazo: Obra do VLT de Goiânia 'não vai sair'


Apesar de articulações intensas nos últimos anos junto ao governo federal e outras possíveis fontes de recursos e financiamentos, o Governo do Estado deu como certo o cancelamento da obra do Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) no eixo da Avenida Anhanguera, em Goiânia.

Ao menos foi o que garantiu em entrevista exclusiva o secretário do Meio Ambiente, Cidades, Infraestrutura e Assuntos Metropolitanos, Vilmar Rocha (PSD).

“Eu acho muito difícil, nesse período governamental, o VLT sair. Não vai sair. Sabe por que? Não tem recursos”, afirma Vilmar ao lembrar que o Estado deveria investir mais de R$ 1 bilhão.

“Tem obras muito mais prioritárias, como na saúde, do que a construção do VLT. Eu acho que o projeto está aí, está mantido, mas no momento não tem condições financeiras de executá-lo. Nem prazo para isso”, define.

A Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma) concedeu a licença ambiental para a obra depois de exigir alterações na contrapartida da Odebrecht, empreiteira que venceu a licitação em consórcio com a Rede Metropolitana de Transporte Coletivo (RMTC).

Mudanças

O projeto original já previa um novo sistema de drenagem para a Avenida Anhanguera, mas a intervenção será ampliada e prevê ainda a construção de sistemas semelhantes nos cinco vales cortados pelos 14 quilômetros da avenida.

No entanto, nem mesmo a boa relação do governador Marconi Perillo (PSDB) com a cúpula do governo interino de Michel Temer (PMDB) alteram a expectativa apresentada por Vilmar. O VLT não vai sair tão cedo.

Fonte: Portal 730

Aparecida de Goiânia: Construção do Hospital Municipal chega na reta final


Os aparecidenses têm mesmo motivos para acreditar na melhoria da saúde pública de Aparecida de Goiânia. É que a maior obra de saúde do município está quase pronta e será referência no estado de Goiás. Mais de 90% das obras do Hospital Municipal já estão concluídas e a primeira etapa está prevista para dezembro deste ano.

O Hospital Municipal será o maior legado da administração Maguito Vilela para Aparecida. São seis blocos, que incluem pediatria, geriatria, dois para clínica médica e dois para pós-cirurgia. O HMAP terá ainda 220 leitos, sendo 90 leitos clínicos, 60 leitos cirúrgicos, 20 leitos pediátricos, 30 leitos de UTIs, 10 leitos de recuperação anestésica e 10 leitos de reanimação e observação.

Segundo a secretária de Saúde, Vânia Cristina Rodrigues, o Hospital será colocado em funcionamento em três etapas. “Na primeira etapa vamos colocar para funcionar vinte leitos de UTI e um centro cirúrgico. Uma obra tão grande como essa do Hospital requer muito recurso financeiro para compra de equipamentos e por isso não é possível o funcionamento pleno de imediato”, explicou a secretária.

O Hospital está sendo construído na Avenida V-5, áreas 01 a 04, no setor Cidade Vera Cruz 1. A obra está orçada em R$ 63.899.514,13, sendo R$ 60.479.851,92 do Ministério da Saúde e R$ 3.419.662,21 contrapartida da Prefeitura. Serão 17.437,25 mil metros quadrados de área construída.

A unidade também possuirá área de pronto-atendimento; atendimento de urgência e área de apoio terapêutico, ambulatório, apoio diagnóstico, raio-x, eletrocardiografia, ultrassonografia, endoscopia, tomografia computadorizada, laboratório, apoio técnico e administrativo, apoio logístico, farmácia, serviço de nutrição e dietética, lactário, internação geral (adulta e pediátrica), e centro cirúrgico com 10 salas. 

Hospital Municipal terá um bloco para maternidade

Sabendo da demanda do município, a Secretaria de Saúde conseguiu liberação do Ministério da Saúde para que o Hospital Municipal tenha um bloco destinado à maternidade. O projeto está na Vigilância Sanitária do município e será financiado pela Rede Cegonha, do governo federal. O bloco da maternidade será interligado com os outros blocos do Hospital.

Com toda infraestrutura necessária, e oferecendo saúde pública de qualidade, o Hospital promete ser referência na saúde pública. Após a entrega da unidade, a gestão do prefeito Maguito Vilela espera completar a rede de atenção à saúde pública em Aparecida. O HMAP oferecerá à população atendimento de alta complexidade, já que o município ainda depende exclusivamente de prestadores de serviços privados e de unidades públicas de outras cidades, pactuadas com Aparecida.

Fotos:





Prefeitura instala painel “Eu ❤ Goiânia” na Praça do Sol


90% das obras da requalificação do espaço já foram concluídas; reinauguração deve acontecer em breve

A prefeitura de Goiânia concluiu, neste sábado (15/10), a instalação do painel “Eu Amo Goiânia" na Praça do Sol, no Setor Oeste. O monumento faz parte da requalificação do espaço, que está na fase final. As obras chegaram a 90% de execução, informa a Companhia de Urbanização (Comurg).

A intervenção é um dos marcos da gestão do prefeito Paulo Garcia (PT) e será entregue em breve à população. A praça possuiu uma área de mais de 12,5 mil metros quadrados e foi dividida em vários ambientes, caracterizados como raios de Sol.

O novo conceito da praça inclui um anfiteatro com arquibancada em alvenaria revestida de granito; um parque infantil com piso em placas de borracha anti-impacto e drenante, com brinquedos adaptados para crianças com deficiência; uma academia ao ar livre com equipamentos de ginástica adaptados aos portadores de necessidades especiais; e um espaço reservado para os animais de estimação, denominado pet place, com equipamentos para atividade física, lazer e adestramento dos animais.

A praça também recebeu novas mudas de Palmeiras Jerivá e mudas ornamentais de Trapoeraba, Alpinia, Moreia, Mini Camará. Também foram plantadas mudas de Cipó – Alho, Sete – Léguas, Heliconia, Moréias, Sálvia Vermelha e Hera Roxo.

Para manter a irrigação das plantas, a Comurg expandiu a malha hidráulica da praça. Novos pontos de engate rápido para irrigação via minipoço-artesiano foram instalados.

Após a conclusão da obra, a feira passará a funcionar somente nas calcadas que contornam a praça, alargadas em um metro e meio com novos pontos de energia subterrânea, adequadas para receber os feirantes. O local também recebe novas vagas de estacionamento, com espaço reservado para idosos e pessoas com deficiência. (Com informações da Secom da Prefeitura de Goiânia)

Fotos:

10 de outubro de 2016

Maior parque aquático do Brasil será construído em Hidrolândia


Com lançamento marcado para o próximo mês, o Dream Park será o primeiro parque aquático conceitual próximo a Região Metropolitana de Goiânia. E já chega impondo. O investimento de R$ 75 milhões, numa área de 109 mil metros quadrados, localizada no município de Hidrolândia, desbanca seus pares: o Beach Park, em Fortaleza (CE) e o goiano Hot Park. Previsto para três etapas, a inauguração da primeira está prevista para novembro de 2017.

Localizado a 20 minutos da capital, o Dream Park promete preencher uma lacuna da vida de lazer do goianiense, além, claro, de ser visto com bons olhos pelo setor hoteleiro da capital. Acostumados a atender públicos atraídos para eventos, congressos, além da pegada sertaneja e de agronegócios da capital, o setor hoteleiro deve se beneficiar com o turismo de fim de semana. “Temos uma taxa de ocupação de fim de semana de 40%, que é considerada muito baixa. Nossa força está entre terça-feira e quinta-feira e, por isso, um empreendimento como esse, é maravilhoso para nós”, diz a presidente da Associação Brasileira da Indústria Hoteleira (ABIH-GO), Vanessa Pires.

O projeto conta com 57 mil metros quadrados de área construída, com praia de areia com 12 mil metros quadrados, falésias artificiais, piscinas de ondas de 3,2 mil metros quadrados, brinquedos aquáticos de baixa, média e alta taxa de adrenalina. Para tanto, serão gerados 170 empregos diretos e 510 empregos indiretos. Em pleno funcionamento, serão cerca de 700 postos de trabalho. Todo o complexo deve ficar pronto até o final de 2018. São 6 mil metros quadrados só para as crianças de 2 a 6 anos de idade, que contará com monitores e recreadores. A novidade para as crianças de 6 anos e 12 anos será um escorregador infantil no formato de asa delta, permitindo movimentos de subida e descida até chegar piscina.

Se é para radicalizar, o projeto conta com simulador de surf, slide com boias coletivas e toboáguas. São mais de 11 mil metros quadrados para esta área. Todo esse empreendimento vai mudar a vista próxima ao Restaurante Banana Menina. “A região foi escolhida pela proximidade com a Região Metropolitana, além do município ter característica aquífera e sítios de lazer”, afirma o presidente da Companhia de Negócios, Bruno Tavares.


6 de outubro de 2016

Tradicional Show da Virada da Rede Globo será gravado em Goiânia



Luan, Ivete e Anitta estão confirmados

O tradicional Show da Virada transmitido pela Rede Globo como especial de fim de ano será gravado em Goiânia no próximo dia 1º de novembro. As apresentações de grandes nomes da música brasileira serão realizadas em uma estrutura que será montada no Estádio Serra Dourada.

De acordo com o escritório Workshow, responsável pelo evento, os shows começam às 22 horas e o público terá que ir vestido de branco. Entre as atrações confirmadas estão Henrique e Juliano, Maiara e Maraísa, Anitta, Luan Santana, Ivete Sangalo e Thiaguinho. Os valores dos ingressos ainda não foram divulgados.

Fonte: A Redação

2 de outubro de 2016

Paulo Garcia vota em Goiânia e diz que PT foi “massacrado” nos últimos anos


Atual prefeito comentou baixos índices de intenção de voto de sua candidata, a petista Adriana Accorsi

O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), votou bem cedo na manhã deste domingo (2/10) no colégio Ávila, no Setor Bueno.

Acompanhado da esposa, Tereza Beiler, e de auxiliares, o petista afirmou que o mau desempenho de sua candidata nas pesquisas de intenção de voto, Adriana Accorsi (PT), se deve a um “massacre” promovido nos últimos anos contra o PT.

A deputada estadual apareceu com 5% na última pesquisa Ibope, divulgada na noite do último sábado (1º) pela TV Anhanguera; ocupando o quarto lugar, empatada tecnicamente com Francisco Jr. (PSD). “É um resultado quase que esperado por todos nós, não há nada surpreendente”, disse o prefeito, em relação a pouca oscilação no quadro desde o começo da campanha.

Segundo ele, em todo o Brasil, o PT sofre tal desgaste, mas, em Goiânia, a traição do principal aliado — o ex-prefeito e candidato Iris Rezende (PMDB) — também contribuiu para os baixos índices.

“Tentaram introjetar na população que nosso partido é o responsável por todos os males que vivenciamos. Como se a estrutura política nacional não fizesse com que todos os partidos fossem responsáveis”, completou.

Questionado sobre o legado que deixa para a capital, Paulo Garcia elencou avanços promovidos por sua gestão, como os corredores de ônibus, as ciclovias e o Parque Linear Macambira Anicuns. “Nenhum prefeito fez tantas obras como eu”, reiterou.

Outro ponto abordado por ele é a saúde financeira da prefeitura: “Deixaremos daqui a três meses com a casa arrumada, preparada para novos investimentos, que podem chegar a R$ 2 bilhões”.

Ao final, ele alfinetou políticos que se enriquecem no cargo público. “Muito interessante isso: eu moro aqui no mesmo lugar há 20 anos. Saio da prefeitura como entrei, com integridade e dignidade. Não participei da atos ilícitos”, arrematou.



Lixo eleitoral ainda é desafio na cidade apesar das leis


Neste domingo (2) de eleições a capital não conseguiu se livrar do lixo eleitoral. Por todas as ruas e calçadas próximas a pontos eleitorais os famosos santinhos estão espalhados em diversos locais causando sujeira e transtornos pelas vias da capital.

A legislação eleitoral afirma que a distribuição de santinhos e folhetos de campanha no dia das eleições é crime previsto por lei. A pena para este tipo de ação varia entre seis meses e um ano de reclusão, com multa variando entre RS 5.320,50 a R$ 15.961,50.  

Embora nestas eleições as leis estejam mais rigorosas ainda é possível observar a propagação desenfreada de lixo eleitoral. Para o eleitor José Ronaldo Jr, ainda é preciso punir com maior rigidez este tipo de ação “Ele [lixo eleitoral], só existe porque a punição ainda é fraca, acredito que seja fácil encontrar os responsáveis afinal, são contratados pelo próprio candidato.” Afirma.



Em Aparecida, Gustavo Mendanha é eleito no primeiro turno


Peemedebista foi eleito neste domingo (2/10) com 59,99% dos votos, segundo colocado, Marlúcio Pereira teve 21,11%

O candidato a prefeito do PMDB em Aparecida de Goiânia, Gustavo Mendanha, foi eleito neste domingo (2/10) com 59,99% dos votos. Nas últimas pesquisas, Mendanha apresentou uma rápida ascensão, apresentando um crescimento de 11,4% nas intenções de voto entre agosto e setembro.

Nos últimos dias, o peemedebista intensificou a campanha para garantir a vitória já no primeiro turno. Enquanto ele saia em campanha com o atual prefeito, Maguito Vilela (PMDB), seu vice, Veter Martins (SD), e sua esposa, Mayara Mendanha, puxavam carreatas para atingir todas as zonas eleitorais da cidade.

Em segundo lugar, ficou o pessebista Marlúcio Pereira (21,11%) e em terceiro, o peessedebista Professor Alcides (18,91% dos votos). Os votos brancos foram 4,17% e os nulos 8,49%. A abstenção foi de 17,01%.



Iris e Vanderlan continuam embate no segundo turno



Com mais de 93% das urnas apuradas, Iris garantiu o maior número de votos, com mais de 39,92%. Vanderlan chega logo atrás com mais de 32,19%

Os candidatos à prefeitura de Goiânia Iris Rezende (PMDB) e Vanderlan Cardoso (PSDB) se enfrentarão no segundo turno. Com 93% das urnas apuradas, Iris obteve mais de 253.667 mil votos, correspondente a 39,92% do total. Vanderlan chega logo em seguida, com 204.530 votos, um total de 32,19%.

Delegado Waldir garantiu o terceiro lugar em número de votos, com 10,51%, seguido por Francisco Júnior, 9,39% votos, e Adriana Accorsi, com 6,79%. Flávio Sofiati e Djalma Araújo tiveram 0,85% e 0,36% dos votos, respectivamente.

Fonte: Jornal O Hoje