19 de maio de 2016

Obras do BRT Goiás Norte-Sul chegam ao Terminal Cruzeiro


Adequação do terminal para receber a operação do BRT se inicia no próximo dia 23. Execução do projeto também avança na região Norte, com intervenções no terminal Recanto do Bosque e pavimentações das avenidas Goiás Norte e Lúcio Rebelo

Uma nova etapa de obras do BRT Goiás Norte-Sul será realizada na região Sul. A remodelação do Terminal do Cruzeiro, em Aparecida de Goiânia, começa no dia 23 de maio. A infraestrutura do Terminal do Cruzeiro receberá um bloco administrativo no local, e nova plataforma de embarque e desembarque com cobertura em telhas termo-acústicas. Esse material diminui a temperatura ambiente e o nível dos ruídos.

Segundo o engenheiro da Unidade de Coordenação do BRT Norte-Sul, Benjamin Kennedy Machado da Costa, a previsão é de que a obra seja concluída em 120 dias. Outro projeto que está concluído é o do novo Terminal dos Correios, cujas obras devem ser iniciadas em breve.

Na região Norte, a reforma do Terminal Recanto do Bosque está em andamento. As equipes do BRT Goiás Norte-Sul também pavimentam as canaletas centrais ao longo das avenidas Goiás Norte e Lúcio Rebelo. As travessias também estão recebendo a nova pavimentação.

Outro projeto que entrará em obras em breve é a trincheira no cruzamento das avenidas Goiás Norte e Perimetral Norte. O BRT e o tráfego geral da Avenida Goiás farão a transposição da Perimetral Norte através de uma trincheira. O tráfego na Perimetral Norte receberá um viaduto com o mesmo nível da atual rotatória existente.

As obras do BRT Goiás Norte-Sul devem ser concluídas no próximo ano.  O corredor exclusivo vai interligar a região Noroeste de Goiânia, a partir do Terminal de Integração Recanto do Bosque, à região Sul, no Terminal de Integração Cruzeiro do Sul, na divisa com Aparecida de Goiânia.

Em execução pela Prefeitura de Goiânia, esta obra é considerada um marco para a mobilidade urbana da Capital e dos demais municípios da região metropolitana. O BRT vai atender diretamente 148 bairros de Goiânia e Aparecida, beneficiando cerca de 120 mil usuários por dia.

“A grandiosidade desta obra não está apenas nos números, mas na melhoria que trará para as pessoas, que terão viagens mais rápidas e confortáveis e, consequentemente, mais tempo do seu dia para se dedicarem ao que desejarem”, afirma  o prefeito de Goiânia.

Também, com o objetivo de garantir cada vez mais a prioridade ao transporte coletivo em Goiânia, o prefeito Paulo Garcia está construindo uma malha de corredores preferenciais de ônibus que terá 46,5 quilômetros e integrará 66 linhas do transporte coletivo, favorecendo diariamente mais de 600 mil usuários com viagens mais rápidas.

Lourdes Souza, da editoria de Transportes – Secretaria Municipal de Comunicação (Secom)