23 de maio de 2015

Impostômetro é instalado no Centro de Goiânia


Ação tem como objetivo conscientizar consumidores sobre alta carga tributária cobrada no Brasil. Ferramenta ficará na Praça do Bandeirante

Um impostômetro, ferramenta que contabiliza os impostos cobrados no Brasil, é instalado provisoriamente no Centro de Goiânia  (21/5) em uma ação organizada pelo braço jovem da Associação Comercial, Industrial e de Serviços do Estado de Goiás (Acieg Jovem) e pelo Sindicato da Habitação do Estado de Goiás (Secovi).

O objetivo dessa ação, que é parte da programação do Dia da Liberdade de Impostos, comemorado no dia 25 de maio, é conscientizar consumidores sobre a alta carga tributária cobrada no país. De 1º de janeiro a 20 de maio deste ano, quase R$ 800 milhões foram pagos aos cofres públicos, seja à União, Estado ou município.

Segundo o Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT), o brasileiro precisa trabalhar em média 151 dias ao ano, ou seja, cinco meses, para pagar impostos. “Hoje, o brasileiro dedica o dobro de dias do que dedicava na década de 70 só para pagar tributos”, afirma Leopoldo Veiga Jardim, presidente da Acieg Jovem. “A falta de retorno em serviços de qualidade torna a carga tributária ainda mais injusta”, completa Marcelo Baiocchi, presidente do Secovi.

O impostômetro, instrumento idealizado pelo IBPT, será instalado na Praça do Bandeirante, localizada no cruzamento das avenidas Goiás e Anhanguera. Um ator caracterizado como o apresentador Silvio Santos distribuirá panfletos similares a notas de dinheiro como alusão às cifras milionárias pagas pelo cidadão ao cofres públicos.

Fonte: Jornal Opção