30 de abril de 2015

Faixa de pedestre transversal é implantada no Centro de Goiânia


Faixa de pedestre transversal é implantada no Centro de Goiânia

Sinalização em formato de X foi feita na noite desta quarta-feira no cruzamento da Avenida Araguaia com a Rua 3, no Centro com objetivo de facilitar a travessia. Educadores de trânsito realizam ação de conscientização durante todo o dia de hoje

A Prefeitura de Goiânia implantou na noite desta quarta-feira, 29, em caráter experimental, duas faixas de pedestre na transversal e em formato de X no cruzamento da Avenida Araguaia com a Rua 3, no Centro da capital goiana. A nova sinalização horizontal vai permitir ao usuário, além de uma redução no tempo da travessia em 30 segundos, a possibilidade de chegada à calçada oposta em uma única etapa. Durante todo o dia de hoje, 30, educadores de trânsito realizam ações de conscientização no local.

O cruzamento, segundo a Secretaria Municipal de Trânsito, Transporte e Mobilidade (SMT), foi escolhido devido ao grande fluxo de pedestres, por ser um centro comercial , possuir semaforização somente com dois estágios e sentido único de tráfego para cada via, o que facilitou a implantação”. O titular da SMT, José Geraldo Freire, explica que os semáforos para veículos do cruzamento continuarão funcionando com dois tempos. Segundo ele, o modelo surgiu em Tóquio, no Japão, foi também instalado em São Paulo e chega a Goiânia com o objetivo de facilitar a vida dos pedestres que 'antes tinham que fazer a travessia em duas etapas distintas para atingir a esquina oposta, poderão atravessar com uma etapa apenas, o que também reduzirá o tempo em aproximadamente 30 segundos”, ressalta.

Além da sinalização horizontal, haverá também a instalação de sinalização vertical específica para indicar o novo modelo. “Novo semáforo para quem irá fazer o trajeto à pé, mais conhecido como porta-foco, também será instalado”. Conforme o secretário, é importante lembrar que o porta-foco para pedestres indicará, com um alerta piscante no vermelho, quando o pedestre não deverá iniciar a travessia. Ele conclui ainda que se os testes com a nova sinalização apresentarem resultado positivo, a iniciativa poderá se expandir para outros pontos da cidade.

Mauro Júnio, da Diretoria de Jornalismo – Secretaria Municipal de Comunicação (Secom)

Fonte: Prefeitura de Goiânia