7 de março de 2015

Tarifa de táxi em Goiânia pode aumentar até 15%


O presidente da Câmara Municipal de Goiânia, vereador Anselmo Pereira, do PSDB, recebeu um grupo de taxistas para discutir um possível reajuste na tarifa do serviço disponibilizado para a categoria. Os trabalhadores defendem um aumento de até 15%.

Para o presidente do Sindicato dos taxistas, Silone Pacheco, a proposta de uma nova tarifa ou reajuste, em torno de 15%, visa apenas, alcançar a reposição de 30,7% de inflação de 2008/2015, período em que novos aumentos ficaram congelados. Silone comparou os atuais valores das tarifas cobradas em Goiânia, de 2,30 reais para a bandeira 1, e 2,87 reais para a bandeira 2, com as de outras capitais e apontou a capital goiana, na 44ª posição, em relação a preços de tarifas de táxis. “Mesmo com os 15% propostos pela categoria, ainda assim, Goiânia ficaria na posição 28, muito distante de uma tarifa razoável para um serviço essencial, como o do transporte de passageiros”, justificou.

Também, os vereadores Djalma Araújo e Felisberto Tavares (PR), ferrenhos defensores dos motoristas de táxis, entendem que é preciso haver unidade da categoria, pois juntos, os interesses se aglomeram em um só objetivo, conquistas de melhorias para todos.

Fonte: Portal 730