11 de março de 2015

Quanto custa ter uma casa de condomínio em 12 capitais


Quem não abre mão do espaço amplo, área externa e privacidade oferecidos por uma casa, mas, ao mesmo tempo, busca viver com mais segurança nas grandes capitais, tem a opção de adquirir casas em condomínios fechados.

Segundo levantamento feito pelo site de classificados imobiliários VivaReal, a pedido de EXAME.com, os preços desses tipos de imóveis podem variar de 418 mil reais a 3 milhões de reais em bairros valorizados de 12 capitais brasileiras.

O imóvel mais barato se refere a uma casa com 148 metros quadrados no bairro Morro das Pedras, em Florianópolis (SC). Já a casa com o maior preço tem 478 metros quadrados e está localizada no Morumbi, em São Paulo.

De acordo com dados do VivaReal, o preço médio das casas de condomínio à venda no site é mais alto no Rio de Janeiro (1,2 milhão de reais). A cidade é seguida por Curitiba (1,1 milhão de reais), Goiânia (1 milhão de reais), e Florianópolis (990 mil reais).

Em Brasília, esse tipo de unidade custa, em média, 895 mil reais. Em Salvador, a média de preços é de 750 mil reais, enquanto em São Paulo gira em torno de 545 mil reais; em Porto Alegre, cai para 495 mil reais e, em Fortaleza, atinge 450 mil reais.

São Paulo é a cidade que possui o maior número de casas de condomínio à venda no VivaReal. A maior diversidade de unidades faz com que a média de preços na cidade seja menor. No entanto, nos bairros nobres da cidade, é comum encontrar unidades à venda por mais de 1 milhão de reais.

As cidades de Vitória, Recife e Belo Horizonte não registram uma quantidade de anúncios suficientes que permita ao VivaReal calcular uma média de preços oferecidos, mas ambas tiveram imóveis incluídos no levantamento.

Preço médio:

Rio de Janeiro - 1,2 milhão de reais
Curitiba - 1,1 milhão de reais
Goiânia - 1 milhão de reais
Florianópolis - 990 mil reais
Brasília - 895 mil reais
Salvador - 750 mil reais
São Paulo - 545 mil reais
Porto Alegre - 495 mil reais
Fortaleza - 450 mil reais

Fonte: Exame