13 de fevereiro de 2015

Sem subsídio das gratuidades, passagem de ônibus vai aumentar para R$ 3,30 na Grande Goiânia


A passagem do transporte coletivo da Região Metropolitana de Goiânia passará de R$ 2,80 para R$ 3,30 a partir das 5h da próxima segunda-feira (16). De acordo com a Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), o reajuste de R$ 0,50 foi definido após um estudo tarifário, ratificado pela Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR).

A nova tarifa foi aprovada pela Câmara Deliberativa de Transportes Coletivos (CDTC), durante reunião realizada na manhã desta sexta-feira (13). De acordo com a CMTC, a medida foi necessária depois que o governo estadual não cumpriu um acordo, firmado em abril do ano passado, para arcar com os metade dos custos das passagens gratuitas.

O acordo foi feito durante as discussões para o último reajuste, ocorrido no dia 3 de maio do ano passado, quando a tarifa passou de R$ 2,70 para R$ 2,80.

Na época, para evitar que o reajuste fosse ainda maior, o governo do estado anunciou um repasse mensal de R$ 4 milhões para cobrir 50% do custo das passagens gratuitas, que são usuários que têm direito a utilizar o transporte público sem custos, como idosos, portadores de necessidades especiais e estudantes. No entanto, segundo a CMTC, o governo não fez os aportes.

Além disso, também foi acordado que os outros 50% seriam repassados pelas prefeituras que compõe a Região Metropolitana ao longo deste ano. Porém, as administrações municipais alegam que não podem arcar com esses custos.

Sendo assim, segundo a CMTC, esse não pagamento das gratuidades “modificou a estrutura de custo fixada originalmente no contrato de concessão do serviço”. O órgão ressaltou, ainda, que a operação do transporte coletivo "receberá o incremento de mil viagens diárias".

O G1 tentou contato com a AGR, para que o órgão detalhasse a aprovação do aumento das passagens, mas as ligações não foram atendidas até a publicação desta reportagem.

O útlimo aumento no preço da passagem do transporte coletivo na Grande Goiânia ocorreu em maio do ano passado, quando passou de R$ 2,70 para R$ 2,80. Na época, o reajuste de 10 centavos desencadeou uma série de protestos na capital.

Fonte: G1 GO