5 de fevereiro de 2015

Presidente da SMT sugere que goianiense deve se acostumar a usar transporte coletivo


Os motoristas que utilizam carros particulares para circularem por Goiânia devem usar o transporte coletivo na capital. Foi essa a sugestão que o secretário municipal de Trânsito, Transportes e Mobilidade (SMT), José Geraldo Freire, deu aos goianienses na segunda-feira (2/2).

“Estão acostumadas a usar muito, individualmente, o veículo particular para se movimentar pela cidade. A gente espera que, ao longo do tempo, esse conceito mude, para que possamos ter uma cidade melhor para viver, com menos trânsito [de veículos] e mais fluxo de pessoas”, argumentou o titular da pasta.

Ele fez a indicação quando questionado sobre o novo corredor preferencial de ônibus a ser instalado na Avenida T-7. “Eles estão sendo executados para dar mais fluxo ao transporte coletivo. Só o da Avenida 85 vai favorecer mais de 170 mil pessoas em 18 linhas”, detalhou. Freire destacou que a intervenção da prefeitura diminui o tempo de viagem em até 20 minutos.

Ajustes

Presidente da Companhia Metropolitana de Transporte Coletivo (CMTC), Patrícia Veras disse ao Jornal Opção Online que equipes da SMT e do consórcio estão avaliando os pontos com maior lentidão registrados em alguns trechos do corredor preferencial da 85, que entrou em seu segundo dia útil de operação hoje.

“Estamos prontos para ajustar os tempos de semáforo onde for necessário, além de estarmos fazendo campanha de educação para que possamos melhorar [a situação] cada vez mais”, destacou.

O Setor Serrinha, que teve alteração no sentido da Rua Laudelino Gomes, e o cruzamento da Avenida Ricardo Paranhos com a 85 necessitam de atenção especial. Os estrangulamentos ocorrem na parte da manhã e do fim da tarde.

Fonte: Jornal Opção