13 de fevereiro de 2015

Prefeitura aguarda presença de Dilma Rousseff para lançar BRT


Detalhes burocráticos ainda impedem a assinatura da ordem de serviço para a obra do BRT Norte-Sul, que será lançada pela Prefeitura de Goiânia neste mês ou, no máximo, até o fim de março, como adiantado à Xadrez pelo coordenador, Ubirajara Abud. No entanto, não apenas questões técnicas influenciam a escolha da data para o lançamento, já que o prefeito, Paulo Garcia (PT), ainda aguarda confirmação de agenda da presidente Dilma Rousseff (PT) para organizar evento.

“Nós estamos aguardando uma decisão, porque recebi um comunicado que a presidenta quer vir a Goiânia no dia da assinatura. Estou aguardando pra saber se ela virá para assinarmos a ordem de serviço. Não vai demorar, está tudo pronto”, explica o petista ao destacar que os “recursos estão garantidos, licitação feita, ganhadores conhecidos e processo burocrático em fase final”. Durante a visita que fez a Goiânia, para lançamento da reforma da Praça Cívica, o ministro das Cidades, Gilberto Kassab (PSD), também afirmou que estaria presente para lançar o BRT. A conferir.

Incerteza

A presença de Dilma Rousseff em Goiás foi coisa rara no primeiro mandato e mesmo durante 2014, ano eleitoral, a petista desmarcou ao menos quatro visitas à capital. A crise de imagem pode mudar a postura da presidente neste ano.

Fonte: Coluna Xadrez/O Hoje