29 de agosto de 2014

Mais da metade dos goianos estão na capital e entorno do DF


Goiás atinge a marca de 6,5 milhões de habitantes, 52% se concentra em duas regiões do Estado. Já a população brasileira passa de 200 milhões de pessoas

Mais da metade da população goiana, 52%, vivem na Região Metropolitana de Goiânia e no Entorno do Distrito Federal. O dado é do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que divulgou ontem a estimativa populacional de todos os 5.570 municípios brasileiros. Ao todo, Goiás alcançou a marca de 6.523.222 habitantes, ocupando a 12º posição entre os 27 Estados da Federação. Goiânia já superou os 1,4 mil habitantes e, considerando toda a região metropolitana, que conta com 18 municípios, o número chega a 2.296.678 milhões de pessoas. Gerente de assessoramento do IBGE em Goiás, Alessandro de Siqueira Arantes credita a concentração à busca por emprego e estudos.

Segundo o gerente, isso ocorre em todos os Estados e é natural, visto que as empresas e universidades geralmente estão próximas aos grandes centros. A história da diarista Maria Izabel dos Santos Ramos, de 39 anos, é um exemplo disso. Em Goiânia desde os 10 anos de idade, ela adotou a capital como sua cidade. “A escolha da minha mãe foi por conta de estudo e emprego. Hoje, só volto para minha cidade, Barreiras (BA), para passeio”.

Maria Izabel acrescenta que o Estado de Goiás foi acolhedor e que, por isso, mesmo quando esteve em Brasília e São Paulo, na tentativa de vida melhor, não conseguiu permanecer. Hoje, ela mora em Aparecida de Goiânia, que compõe a região metropolitana da capital. “Além de emprego, estudo em escolas e universidades é bem acessível por aqui. São muitas questões que me fizeram optar por permanecer em Goiás.”

Conforme Alessandro Arantes, a maioria dos municípios manteve a média de crescimento do ano passado para cá. Em Goiás, a cidade goiana de Anhanguera figura em quinto no ranking dos menores do País, com 1.093 habitantes, ficando atrás de Oliveira de Fátima (TO), com 1.091 moradores; Araguainha (MT), com 1 mil; Borá (SP), com 835; e Serra da Saudade (MG), com 822 habitantes.

Aparecida

Com exceção das capitais, no ranking dos municípios mais populosos, Goiás é representado apenas por Aparecida de Goiâniam que aparece em 19º lugar, com 511 mil habitantes. Nessa lista, Guarulhos (SP) está na primeira colocação, com 1,3 milhão de habitantes. Em seguida, aparecem Campinas (SP) e São Gonçalo, todas com mais de um milhão de moradores. Na lista, que tem 25 cidades, nenhuma outra cidade do Centro-Oeste é citada. Entre as capitais, São Paulo continua na frente, com 11 milhões de moradores, seguida por Rio de Janeiro, com 6 milhões. Goiânia aparece em 12º na lista, com 1,4 milhão.

As estimativas populacionais são, segundo o gerente de assessoramento do IBGE, fundamentais para o cálculo de indicadores econômicos e sociodemográficos nos períodos entre as coletas de dados do Censo, que são levantados a cada dez anos. Além disso, são números utilizados como parâmetros pelo Tribunal de Contas da União para a distribuição do Fundo de Participação de Estados e Municípios. Esta divulgação é anual obedece à lei federal.

Estados

Entre as regiões metropolitanas (RM), a de São Paulo continua sendo a mais populosa, com 20,9 milhões de habitantes, seguido da RM do Rio de Janeiro (11,9 milhões de habitantes), da RM de Belo Horizonte (5,8 milhões de habitantes), da RM de Porto Alegre (4,2 milhões de habitantes) e da Região Integrada de Desenvolvimento (Ride) do Distrito Federal e Entorno (4,1 milhões de habitantes). A Região Metropolitana de Goiânia também está em 12º no ranking, com 2,2 milhões.

Estima-se que o Brasil tenha 202,7 milhões de habitantes e uma taxa de crescimento de 0,86% de 2013 para 2014. Os 25 municípios mais populosos somam 51 milhões de habitantes, representando 25,2% da população total do País. No ranking dos Estados, os três mais populosos localizam-se na Região Sudeste, enquanto os três Estados menos populosos localizam-se na Região Norte.

O Estado de São Paulo é o mais populoso, com 44,0 milhões de habitantes e 21,7% da população total do País, seguido de Minas Gerais, com 20,7 milhões de habitantes (10,2% da população total), e Rio de Janeiro, com 16,5 milhões de habitantes (8,1% da população total). O estado de Roraima é o menos populoso, com 496,9 mil habitantes (0,2% da população total), seguido do Amapá, com 750,9 mil habitantes (0,4% da população total), e Acre com 790,1 mil habitantes (0,4% da população total).

Fonte: Jornal O Hoje
Foto: Julian Stella