30 de agosto de 2014

Aparecida terá um Centro de Convenções


O prefeito Maguito Vilela assinou na tarde da última quinta-feira (21), no Centro Cultural José Barroso, decreto N° 195 de 21 de agosto de 2014 que regulamenta a desapropriação do imóvel ao lado do Hotel 10 para a construção do Centro de Convenções de Aparecida. O evento foi realizado junto com o lançamento do Diário Oficial Eletrônico do município. A área onde será o centro, possui mais de 52 mil metros quadrados e está localizada no setor Santo André.

O decreto foi publicado na manhã desta sexta-feira (22) no Diário Oficial da cidade. “É no sentido de trabalhar pela modernização e acompanhar o crescimento acelerado de Aparecida que estamos reservando este espaço para a construção de um Centro de Convenções”, explica o prefeito Maguito.

Os recursos para construção do Centro de Convenções serão captados junto aos governos estadual e federal. “Considerando o desenvolvimento econômico e social, o crescimento do turismo, além dos avanços industriais no município, entendemos que é fundamental que Aparecida tenha Centro de Convenções a sua altura”, destaca o secretário de Governo Euler de Morais.

A construção do novo Centro de Convenções também faz parte da política de ocupação dos espaços urbanos vazios que tem sido adotada pela atual administração. O critério de escolha da área se deu pela localização estratégica. O terreno fica às margens da BR-153, perto do Centro da cidade e próximo ao polo empresarial, ou seja, de acesso fácil e rápido. O espaço vai atender à cidade e toda região metropolitana.

A lei federal n° 3.365, de 21 de junho de 1941, permite que, mediante declaração de utilidade pública, todos os bens possam ser desapropriados pela União, Estados, Municípios, Distrito Federal e Territórios, por meio de compra ou permuta. “A partir de agora vamos elaborar e estruturar um projeto moderno de construção e buscaremos recursos junto a união e o governo estadual”, completa Euler.

Fonte: O Parlamento