12 de junho de 2014

Governo inicia entrega de netbooks para estudantes


Programa Escola Digital será lançado nesta sexta-feira (13) pelo governador Marconi Perillo e pela secretária de Educação, professora Vanda Siqueira; na primeira etapa, mais de 150 mil estudantes e 2,3 mil professores da rede pública estadual de 173 escolas em 41 cidades goianas serão atendidos; pelo programa, salas de aulas serão equipadas com dispositivos que permitem processamento local de aplicativos e conexão em rede sem fio; computadores de alunos e professores estarão conectados entre si; investimentos totalizam R$ 100 milhões

O governador Marconi Perillo e a secretária de Estado da Educação, professora Vanda Dasdores Siqueira Batista, lançam nesta sexta-feira (13) o programa “Escola Digital”. Nesta primeira etapa, mais de 150 mil estudantes e 2,3 mil professores da rede pública estadual serão beneficiados. O número de escolas atendidas é 173, localizadas em 41 cidades goianas, com investimento de R$ 100 milhões. O evento será às 14 horas, no Oliveira’s Place, localizado à Rua T-36, nº 3.588, no Setor Bueno.

Com o programa, o Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), disponibilizará uma moderna metodologia de ensino às unidades da rede pública estadual, por meio da tecnologia da informação. Para isso, serão disponibilizados netbooks para todos os estudantes contemplados. Os professores, por sua vez, receberão notebooks.

As salas de aulas serão equipadas com dispositivos que permitem processamento local de aplicativos e conexão em rede sem fio. Por meio de softwares de suporte ao professor, será gerada uma conexão entre o notebook do professor e os netbooks dos alunos em sala de aula. Ou seja, será criado um ambiente que permitirá o compartilhamento de dados (arquivos, vídeos e atividades), além facilitar o acompanhamento do aprendizado dos estudantes.

Além do software pedagógico, os notebooks e netbooks contarão com Windows 7 e Office, bem como email gratuito para todos os alunos beneficiados pelo programa, através da ferramenta Office 365. Estes programas foram adquiridos pelo governo por meio de convênio com a Microsoft.

Importante ressaltar que os professores serão preparados para construir essa relação entre área pedagógica e tecnologia. Eles serão treinados para planejar e desenvolver suas aulas por meio de softwares educacionais. Os programas, além de aumentar o interesse dos alunos, possibilitam ao professor fazer avaliação e auxiliar no aprendizado. A nova tecnologia também permitirá agregar as ferramentas já desenvolvidas pela Seduc, como o Sistema de Apoio ao Professor (SIAP), Sala dos Professores e Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA).

Fonte: Goias 247