18 de março de 2014

Prefeitura prepara vias exclusivas


Corredores de circulação prioritária serão implantadas em outros cinco pontos estratégicos, garantindo redução do tempo de viagem

A expansão dos corredores preferenciais de ônibus está contemplada nos recursos federais liberados para a Prefeitura de Goiânia. Com o financiamento oriundo do PAC-2 Grandes Cidades/Programa Pró-Transportes e do PAC-50, a administração municipal investirá mais de R$ 145 milhões nas obras de implantação e manutenção de vias prioritárias para o transporte coletivo nas avenidas T-7, T-9, 85, 24 de Outubro, Independência e T-63.

Com esses corredores preferenciais, Goiânia terá 46,5 km destinados à circulação dos ônibus, que vão promover a integração de 66 linhas, beneficiando mais de 600 mil usuários do transporte coletivo por dia. Atualmente, dois corredores estão em funcionamento – o Universitário e o da T-63 – e o da Avenida 85 já está em fase de implantação da sinalização.

De acordo com o prefeito de Goiânia, Paulo Garcia, a administração municipal irá implantar outros quatro corredores preferenciais para atender à população que circula de ônibus pelas regiões das avenidas T-7, T-9, 24 de Outubro e Avenida Independência.  “A implantação desses corredores é fundamental para que tenhamos melhorias efetivas para o cidadão, que deixará de enfrentar longo tempo de espera, e no serviço prestado pelas empresas concessionárias”, afirma.

O prefeito explica que os corredores preferenciais são interligados e assim que estiverem todos prontos vão permitir que a circulação dos ônibus tenha cada vez mais eficiência e agilidade. “Garantir menor tempo de viagem, segurança no trânsito e abrir espaços para as bicicletas e pedestres favorecem a qualidade de vida da população e garantem mobilidade urbana com sustentabilidade”.

Projetos para 16 novos corredores e quatro terminais

A Prefeitura também vai realizar projetos para a ampliação dos corredores de ônibus e terminais de integração para outras regiões da cidade. Com recursos na ordem de R$8,7 milhões, as vias preferenciais serão projetadas para as avenidas 3ª Radial, Castelo Branco/Mutirão, São Francisco, Pio XII, T-10, Consolação, Mangalô, Marechal Rondon, Leste-Oeste, Bernardo Sayão, Manto, Fued José Sebba, 115, Fort Ville, BR-060 e Aderup.

Outros R$1,31 milhão em investimentos vão contemplar a elaboração de quatro projetos para novos terminais de integração, nos bairros Vera Cruz, Santa Rita, Campus e Parque Atheneu.

Fonte: DM