19 de março de 2014

Maguito solicita ao ministro dos Transportes desvio da BR-153 e conclusão do Anel Viário


Prefeito de Aparecida e governador de Goiás se reuniram com ministro César Borges em Brasília e apresentaram o pleito para melhorar a mobilidade urbana.

Desvio da BR-153 no perímetro urbano de Aparecida de Goiânia e a capital pode sair do papel. O assunto foi discutido em reunião nesta quarta-feira, 19, em Brasília, entre o prefeito Maguito Vilela (PMDB), governador Marconi Perillo (PSDB) e o ministro dos Transportes, César Borges. “O projeto está sendo discutido e agora queremos acelerar a implantação desse desvio para proteger vidas e melhorar a mobilidade urbana em Aparecida e Goiânia”, sublinhou o peemedebista que agendou o encontro. Em seguida, o governador e o prefeito se reuniram com o diretor-geral da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Jorge Bastos.

Ainda no Ministério dos Transportes, foi feita a solicitação da obra de extensão do Anel Viário e a redução do prazo (de 7 para 2 anos) para a construção do desvio da BR-153. O anel viário  contornará a região leste chegando ao Posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), na saída para Anápolis. O desvio da BR-153  sairá do posto Terra do Boi, acima do posto da PRF em Hidrolândia até o posto da PRF na saída de Anápolis, passando por fora da cidade.

“Segundo o edital de concessão da BR-153 para a empresa Triunfo, a empresa teria sete anos para a construção da via de desvio da BR, passando por fora de Aparecida e com isso diminuindo o tráfego e consequentemente o número de acidentes no trecho da rodovia que corta as cidades de Aparecida e Goiânia. Assim a BR-153 será transformada em uma avenida do município e receberá toda a urbanização necessária”, explicou o prefeito Maguito Vilela.

O projeto já está em andamento e, segundo o prefeito, é preciso que as obras tenham início o mais rápido possível, devido ao aumento do número de polos industriais na cidade e a construção do aeroporto executivo e da UFG. “Precisamos que as obras tenham início o quanto antes, devido a importância da via para o município, que a cada dia recebe mais industriais e tráfego na BR-153 fica mais e mais intenso”, afirmou Maguito.

O secretário de Infraestrutura de Aparecida, Mario Vilela, informou que o ministro César Borges conversará com a empresa Triunfo e repassará a demanda solicitada pela prefeitura de Aparecida e o governo estadual. “O ministro se comprometeu em repassar a demanda do desvio para a empresa que venceu a concessão de uso da BR-153 e também solicitar que a obra seja feita no período de dois anos e não em sete, como estava no edital”, disse o secretário.

VIADUTO DO BILL – Durante a reunião com o ministro dos Transportes, César Borges, o prefeito Maguito Vilela solicitou ao diretor-geral do DNIT, Jorge Ernesto Fraxe, a continuidade das obras do Viaduto da Manoela, na entrada de Aparecida de Goiânia. De acordo com o prefeito, as obras das alças do viaduto precisam ser reiniciadas logo, pois a paralisação atrapalha a vida dos motoristas que precisam entrar na cidade.

“Foi feito até agora a obra da pista do viaduto e as alças ainda estão sem conclusão, por isso solicitamos ao diretor do DNIT que dê continuidade ao serviço e ele informou que assim que passar o período chuvoso as obras serão retomadas”, frisou o prefeito Maguito Vilela.

As reuniões contaram ainda com a presença do diretor-geral do DNIT, Jorge Ernesto Pinto Fraxe; senador pelo DF, Gim Argelo (PTB); presidente da Câmara de Aparecida, Gustavo Mendanha (PMDB); represe

Fonte: Prefeitura de Aparecida de Goiânia
Foto: Joventino Neto