4 de março de 2014

Goiânia Carnaval 2014: Escolas e blocos fecham desfiles




Desfile da Escola Lua-Alá, na Estação Cultura, na Região Central de Goiânia. Apresentações de encerramento do carnaval de rua de Goiânia serão na Estação Cultura hoje à noite.

Escolas de samba e apresentação de blocos encerram, hoje à noite, o Carnaval de Rua de Goiânia. A concentração está marcada para as 20 horas, na Estação Cultura, de onde sai o Bloco Socialista, seguido dos desfiles das agremiações Mocidade do Samba e Brasil Mulato, na Avenida Goiás Norte.

Ontem, a Lua-Alá abriu a festa, que apresentou na Avenida o enredo Carlos Brandão e o Mundo das Artes. “É ele na passarela, Brandão e sua trupe invadiram a Estação”, cantavam os cerca de 500 integrantes da agremiação, em homenagem ao escritor, jornalista e atual diretor do Teatro Goiânia.

AUTOR

O presidente honorário da escola tricampeã do carnaval de rua, Antônio Delgado, explicou a escolha. “Além dele ser um grande articulador cultural da cidade, o Brandão é o compositor da escola há mais de 12 sambas. Em três anos que a gente venceu, foi com sambas dele.”

Carlos Brandão é reconhecido por, durante a sua gestão à frente do Centro Cultural Martin Cererê, ter transformado o espaço no principal palco dos festivais de rock alternativo da cidade. Por isso, uma das alas representou o estilo, com a participação de roqueiros goianienses.

A Beija-Flor fechou a primeira noite de desfiles. Com o enredo De Pouso de Boiada a Tonéis de Petróleo, a escola homenageou a cidade de Senador Canedo. “É um município importante e uma das principais arrecadações de Goiás”, diz a secretária-geral da escola, Sueli Marques.

Gato Pingado agita Setor Pedro Ludovico



Pelo quarto ano consecutivo, o bloco Gato Pingado agitou a folia no Setor Pedro Ludovico, ontem em Goiânia. De acordo com a Polícia Militar, cerca de 500 pessoas participaram da festa.

Os foliões se concentraram em frente ao Mercado Municipal Pedro Ludovico, na Avenida Circular, de onde saíram, por volta das 17 horas, atrás do trio elétrico. O grupo passou por parte da Avenida T-63, cantando o samba-enredo Miau, Miau, Miau, só Alegria Nesse Carnaval. No viaduto da Praça do Chafariz, o bloco retornou à Avenida Circular, onde a festa seguiu até a noite.

Moradora do setor, a vendedora Aline Gomes Mendonça, de 24 anos, pulou carnaval no bloco pela primeira vez e aprovou. “Está muito legal, eu não sabia o que estava perdendo.”

Fonte: Jornal O Popular