12 de março de 2014

Depois de dois cancelamentos, Paulo Garcia recebe recursos para mobilidade em Brasília


O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia (PT), vai a Brasília nesta quinta-feira para participar de solenidade de entrega dos recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC da Mobilidade). Um convênio será assinado com a presidente Dilma Rousseff para a liberação de R$ 390 milhões para a construção do corredor exclusivo BRT Norte/Sul e dos preferenciais nas avenidas T-7, T-9, 85, 24 de outubro, Independência e T-63.

O investimento total previsto é de R$ 545,3 milhões no plano de mobilidade da administração municipal. Paulo Garcia explica a importância das obras. “A expectativa é muito positiva porque são recursos substanciais para obras infra estruturais na área da mobilidade urbana, que nós definitivamente estamos preparados para executá-las,” destaca.

De acordo com a presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), Patrícia Veras, a instalação dos corredores vai melhorar, inclusive, o transporte de massa. “É um problema estrutura do transporte. Hoje, quando há uma forte chuva, o transporte não consegue cumprir as suas viagens. São esses os pilares que nós constatamos. Vários já estão em encaminhamentos, como o caso da questão estrutura, que a prefeitura já tinha feito todos os projetos, e a presidente Dilma vai anunciar R$ 320 milhões para os corredores e este será um passo muito grande para melhorar a qualidade do transporte,” analisa.

A expectativa da prefeitura para o eixo Norte Sul é de que 120 mil passageiros sejam atendidos por dia em seis terminais de integração e 40 estações de embarque e desembarque por 28 ônibus articulados.

Fonte: Portal 730

Veja o Projeto do BRT Norte-Sul de Goiânia Aqui