24 de março de 2014

Aparecida de Goiânia terá primeiro vestibular de medicina em julho


O primeiro vestibular de medicina de Aparecida já tem data para acontecer: 7 de julho. O anúncio foi feito pelo reitor da Universidade de Rio Verde, Sebastião Lázaro Pereira, que foi recebido pelo prefeito Maguito Vilela na tarde desta sexta-feira, 21. “É com imensa satisfação que recebemos a Universidade de Rio Verde em nosso município. O curso de medicina não só irá concretizar a transformação que Aparecida está vivenciando como também irá auxiliar na melhoria da qualidade de vida da população”, agradeceu o prefeito.

Inicialmente o curso de medicina da Universidade de Rio Verde irá funcionar no prédio da Associação dos Empregados do Banco do Estado de Goiás (ASBEG) que fica no Jardim dos Buritis. O acesso é feito pela Avenida das Palmeiras, uma via de pista dupla que será revitalizada. “Vamos recapear toda aquela avenida desde a BR-153, só estamos esperando o período chuvoso”, ressaltou Maguito.

De acordo com o reitor, a instituição está dialogando com construtoras que possuem áreas no município para que a universidade seja construída. “Aparecida está de parabéns por caminhar satisfatoriamente rumo ao desenvolvimento. Uma faculdade de medicina traz para o município benefícios em todas as áreas e aumenta a qualidade do atendimento no Sistema Único de Saúde”, assegura o reitor.

A universidade irá ofertar em Aparecida 60 vagas por semestre, a mesma quantidade que o curso de medicina do Campus Rio Verde. A previsão da instituição, segundo o reitor, é abrir as inscrições para o vestibular em abril. “Estamos prontos para começar a atuar em Aparecida e queremos iniciar o período de inscrições já no próximo mês”.

ESTÁGIO – Com a primeira turma de Medicina instalada e após o início das aulas, a Reitoria da Universidade e a prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, estudam assinar um convênio que possibilitará o acesso dos acadêmicos ao estágio no Sistema Único de Saúde (SUS). “O curso de Medicina mobiliza a cidade. Atuando no SUS, o aluno conhece o ambiente de trabalho e, juntamente com o professor, aumenta a qualificação do atendimento”, explica.

A reunião entre o reitor e o prefeito também contou com a presença do médico e professor na universidade José Roberto Alvarenga; secretário municipal de Comunicação, Ozéias Laurentino Júnior; secretário de Governo e Integração Institucional, Euler de Morais e diretor de Controle e Planejamento da SMS de Aparecida, Alessandro Magalhães.

HISTÓRIA – Fundada em 1973, a Universidade de Rio Verde é uma das principais instituições de ensino superior do Estado de Goiás. Seu campus administrativo está localizado na Fazenda Fontes do Saber, no município de Rio Verde, a 238 km de Goiânia. Com mais de 40 anos em funcionamento, a faculdade ficou conhecida naquele município como FESURV (Fundação do Ensino Superior de Rio Verde). No dia 24 de fevereiro de 2003, por meio da Lei nº 4.541, passou a se chamar Universidade de Rio Verde.

Em 2007, a universidade começou a implementar um plano de expansão com a instalação de unidades em cidades do interior goiano. Atualmente, a instituição possui quatro campi (Rio Verde, Caiapônia, Cristalina e Nerópolis) e mais de cinco mil alunos matriculados em 25 cursos de graduação, pós-graduação e Mestrado.

Fonte: Prefeitura de Aparecida de Goiânia