CMTC não tem previsão para início das obras do eixo BRT Norte-Sul

11:17 2 Comments A+ a-


A prefeitura de Goiânia iniciou o processo de desapropriação de imóveis para a construção do corredor de ônibus rápidos (BRT) Norte-Sul, no entanto, ainda não há previsão especifica de quando os trabalhos vão de fato começar para a construção. De acordo com o presidente da Companhia Metropolitana de Transporte Coletivo (CMTC), Ubirajara Abud, ainda falta o fechamento de um contrato de financiamento junto ao Ministério das Cidades. A prefeitura busca R$ 70 milhões para a obra junto ao governo federal.

O BRT vai ligar a Região Sul de Aparecida à Região Norte de Goiânia, desde o Terminal Cruzeiro até o Recanto do Bosque, com extensão de 22 quilômetros. O custo total é de cerca de R$ 390 milhões. Ubirajara detalha que não existe previsão para a contratação da empresa que deve executar a obra. “Não há previsão de assinatura de contrato. O que tem previsto para ser assinado é um dos contratos de financiamento, no valor de R$ 70 milhões, com recursos do Orçamento Geral da União,” diz.

A expectativa da CMTC é de que as obras do BRT Norte Sul sejam iniciadas ainda neste ano, mas não há garantias para isto.

Fonte: Portal 730

2 comentários

Write comentários
Ðú®
AUTHOR
23 de janeiro de 2014 13:28 delete

Essa linha na Av. Anhanguera é muito boa e util, mas a cidade ficou feia demais com essas cercas, sópor causa do Brasileiro que não respeita as coisa, além do mais a Av. era símbolo da cidade com sua guarirobas. Tudo depredado. Fico triste.

Reply
avatar
Anônimo
AUTHOR
24 de janeiro de 2014 16:08 delete

Concordo mt feio esse eixo mesmo. .e sem arborização alguma. .meio dia faz um calorrrr

Reply
avatar