18 de dezembro de 2013

Governo garante que empréstimo de quase R$ 2 bilhões é solução definitiva para CELG


A Assembleia Legislativa aprovou o pedido do governo estadual de contração de novo empréstimo para a Companhia Energética de Goiás (CELG). A contratação será feita junto à Caixa Econômica Federal no valor de R$ 1,9 bilhões, que serão destinados à recuperação da CELG Participações.

O prazo para pagamento é de 15 anos, com juros de 6,8% ao ano, mas com 36 meses de carência. O secretário estadual da Fazenda, José Taveira Rocha, explicou, em entrevista exclusiva à Rádio 730, que este recurso vai solucionar definitivamente a situação financeira da Companhia, com o objetivo de finalizar a transferência acionária para a Eletrobrás. “Após o aporte dos recursos, o patrimônio líquido se tornar positivo, o governo do Estado estará em condições de transferir para o sistema Eletrobrás 51% das ações”, diz.

Durante a tramitação do pedido de empréstimo na Assembleia, a oposição fez críticas à gestão da CELG pelo governo estadual. O deputado Mauro Rubem (PT) cobrou exatamente a finalização da transferência à Eletrobrás. “Está faltando concluir o negócio feito com o governo federal, e que até o momento não aconteceu. A Celg deve ser entregue imediatamente, nas condições que foram acertadas há dois anos”, conclui.

Fonte: Portal 730