20 de outubro de 2013

Goiânia: HGG inaugura CTI com padrão de primeiro mundo


O Hospital Geral de Goiânia Alberto Rassi (HGG) coloca em funcionamento, a partir de hoje, seu novo Centro de Terapia Intensiva (CTI), disponibilizando aos usuários 29 leitos equipados com máquinas de tecnologia de ponta e, com eles, totaliza 40 leitos de CTI (somados aos outros 11 já em funcionamento) e 233 leitos no total. De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Antônio Faleiros, trata-se de um padrão de primeiro mundo. “São equipamentos modernos e da melhor tecnologia existente no mundo. Seguramente não existe nenhum outro nesse padrão no Estado de Goiás e, com padrão semelhante, são poucos no Brasil”, garante.

De acordo com o responsável técnico pela unidade, Marcelo Fauad Rabahi, os equipamentos do novo Centro tornarão o tratamento mais rápido e com intervenções menores e menos dolorosas aos pacientes. Entre os equipamentos, um dos destaques é o VScan, um ultrassom de bolso que permite a visualização imediata do interior do corpo.

O CTI possui ainda equipamentos como respiradores mecânicos; bombas para infusão de medicamentos (feitas sob velocidade programada); monitores touchscreen (para cálculos essenciais); módulos suspensos que facilitam a higienização e a movimentação dos profissionais. O Centro disponibilizará um tratamento por eletroestimulação, para prevenir a perda de força muscular, além de um cicloergômetro que estimula a função muscular e respiratória dos pacientes. Além de camas que permitem diversas posições aos pacientes.

Fonte: Diário de Aparecida