13 de junho de 2013

Nova promessa da Infraero: reiniciar obras do aeroporto de Goiânia em julho


O presidente da Infraero, Gustavo do Vale, disse hoje em audiência com o governador Marconi Perillo (PSDB) que as obras do aeroporto de Goiânia devem ser retomadas até o início de julho. Após a reunião, com a presença de representantes da Odebrechet/Via Engenharia, consórcio responsável pelas obras, o tucano disse que a "novela está chegando ao fim".

Segundo a assessoria do governador, Gustavo do Vale disse que está marcada para terça-feira uma reunião com representantes do consórcio, da Infraero e do Tribunal de Contas da União (TCU) para fechar os últimos ajustes sobre a retomada das obras, quando também deve ser anunciado o valor. O TCU recebeu em 10 de maio o projeto do novo terminal de passageiros.

Gustavo do Vale disse que tem "absoluta certeza" de que o caso caminha, enfim, para um desfecho e reafirmou a previsão de conclusão da primeira etapa em dezembro de 2014. O ministro da Aviação Civil, Moreira Franco, disse ao Fantástico há duas semanas que os aeroportos de Vitória e de Goiânia são "pedra no sapato" na Infraero. O presidente da estatal usou o mesmo termo. "Ele é uma pedra no sapato da Infraero e precisa ser retirada porque tem nos machucado muito. O aeroporto atual está bem aquém do potencial econômico de Goiânia e de todo o Estado. A sociedade de Goiânia já suportou muito o desconforto que nós causamos ao longo desse tempo. Portanto, tudo o que nós temos que fazer daqui pra frente é no sentido de pagar essa dívida que nós temos com o povo goiano. Estou absolutamente convencido de que vamos fazer isso dentro do prazo.”

Após a divulgação das informações, a assessoria da Infraero afirmou que a estatal evita falar em data para a retomada das obras porque não depende do TCU e não quer interferir no trabalho do tribunal.

Fonte: Jornal O Popular