27 de março de 2013

Paul McCartney em Goiânia: "Zezé Di Camargo foi o grande articulador", diz governador


Segundo Marconi Perillo, o cantor sertanejo o alertou sobre a possibilidade de inserir Goiânia no roteiro dos grandes eventos brasileiros
Demian Duarte
Mônica Carvalho
Durante o anúncio oficial do show do Paul McCartney em Goiânia, que será realizado no dia 6 de maio, no Estádio Serra Dourada, o governador Marconi Perillo (PSDB) revelou que o cantor Zezé Di Camargo foi quem o avisou sobre a possibilidade de inserir a capital goiana no roteiro da turnê “Out There” do ex-Beatle. “Esse show vai acontecer aqui por conta de um grande goiano que se preocupa com Goiás e que me arletou e ajudou a articular a vinda de Paul [McCartney]. Quero agradecer, mesmo na ausência, o cantor Zezé Di Camargo.”

Segundo Marconi, Zezé Di Camargo ligou para ele, em um domingo, indagando se o governador teria interesse em articular a vinda de Paul McCartney a Goiânia. “Paul e os Beatles são a maior referência da música dos últimos tempos e trazer um ex-Beatle a Goiânia certamente é muita honra e satisfação para todos nós”, completou.
O comunicado foi feito nesta quarta-feira (27/3) no Palácio Pedro Ludovico Teixeira e contou com a presença do empresário e produtor Luiz Oscar Niemeyer, da PlanMusic Entretenimento e do empresário Cristiano Câmara, que representou a TV Anhanguera, divulgadora oficial do evento. Os ingressos para assistir ao ex-Beatle Paul McCartney irão custar entre R$ 80 e R$ 600 (Confira aqui tabela completa) e a venda começa nesta quinta-feira (28) pelo site da Ingresso.com, a partir das 10h.   A expectativa é de que 45 mil pessoas assistam o show.
Marconi iniciou o discurso ressaltando que o governo do Estado vai contribuir para a realização do evento disponibilizando o Estádio Serra Dourada, melhorando a logística e infraestrutura da cidade e avalizando a participação de empresas privadas, que vão coparticipar dos investimentos necessários para a vinda do ex-Beatle. Segundo o governador, a expectativa é de que não haja necessidade de participação direta do governo estadual em relação a patrocínio.  “As prioridades são a segurança, a parte de logística e o estádio.” O governador também demonstrou interesse do governo em inserir este espetáculo no roteiro das comemorações de 80 anos de Goiânia.
Marconi ressaltou também a importância do evento para Goiás. Segundo ele, a vinda do ex-Beatle possibilitará a divulgação positiva e qualitativa do Estado, da nossa economia, da nossa cultura, da hospitalidade dos goianos e do nosso nível de profissionalização e capacitação pra sediar eventos dessa magnitude. “Há muito tempo desejamos inserir Goiás no roteiro dos grandes eventos brasileiros. A vinda do show do Paul McCartney significa a inserção definitiva de Goiás nessa rota.”