Prefeito recebe Missão do BID e da Coréia do Sul para Plataforma de cidade Sustentável

10:42 1 Comments A+ a-


Goiânia está entre as 500 cidades da América Latina e Caribe, com população entre 200 mil e 20 milhões de habitantes, para concretização da plataforma de cidade sustentável

O prefeito Paulo Garcia recebeu na manhã desta quarta-feira, 26, o grupo de representantes do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e do Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Sul. O grupo, que está em Goiânia desde o dia 24, com o intuito de conhecer e avaliar a infraestrutura da cidade, além dos recursos utilizados na área de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC).

A comitiva, com 11 integrantes da Coreia do Sul e dois representes do BID, conferiu in loco alguns pontos da capital que auxiliarão nos resultados para implantação do projeto Plataforma de Cidades Emergentes e Sustentáveis. Goiânia está entre as 500 cidades da América Latina e Caribe, com população entre 200 mil e 20 milhões de habitantes, para concretização da plataforma de cidade sustentável.

O prefeito disse que é uma satisfação imensa para Goiânia receber mais uma etapa de avaliação do BID para desenvolvimento da plataforma. "Estamos tendo a oportunidade de receber uma comissão de sul-coreanos que fez um levantamento e conheceu na prática as necessidades para que possamos desencadear e desenvolver toda a cadeia produtiva da área da tecnologia e informação", afirmou. Paulo disse ainda que essa é a oportunidade de Goiânia tornar uma cidade conectada.

"Nós, goianienses, desenvolveremos a conectividade em um sentido mais amplo para trazer bem-estar e qualidade de vida a toda a população. O nosso objetivo é que com o resultado dessa missão, cheguem até nós projetos e investimentos para município e que permitam a toda população acesso a banda larga e tecnologias de informação", ressaltou. Para o prefeito, todos os desenvolvimentos tecnológicos que a Coreia do Sul já detém há alguns anos são ofertado a Goiânia. "Aguardo ansioso os resultados da missão que teve essa participação especial ao projeto do BID dos sul-coreanos que tornará a nossa cidade ainda mais emergente e sustentável", conclui.

Responsável em acompanhar o grupo para conhecer a capital, o presidente da Agência Municipal de Tecnologia e Inovação (Amtec), Nelcivone Soares de Melo, disse que a visita é extremamente importante para Goiânia. "Hoje a Coreia do Sul é destaque em relação às tecnologias de telecomunicações, eles utilizam internet com um velocidade media de 100 megabytes e estamos tendo a oportunidade de em um futuro próximo nos desenvolver ainda mais em tecnologia", afirmou.

Integrante do BID na missão, Maurício Bouskela, disse que leva uma observação muito importante e positiva de Goiânia para as outras avaliações que ainda acontecerão. "Por tudo que conhecemos a nossa impressão foi muito positiva, nós do BID e os empresários sul-coreanos teremos muito ao que ajudar no desenvolvimento dessa cidade tão bonita", avaliou.

O chefe da delegação da Coreia do Sul, Sang Keon Lee, falou por meio de um intérprete que pelo pouco tempo que ficou na cidade, o grupo conseguiu visualizar algumas possibilidades de implantação na área de TIC. "Aqui em Goiânia na área do trânsito é possível um grande desenvolvimento de tecnologia de informação, além da implantação de vários pontos de internet gratuita que difundirá o acesso às tecnologias". Sang elogiou a capital sobre os pontos de internet wi fi já existentes.

O projeto de Cidades Emergentes e Sustentáveis vem sendo executado em Goiânia desde abril desse ano. Recentemente o prefeito Paulo Garcia esteve em Bruxelas, na Bélgica, onde participou de um encontro promovido pelo BID e conheceu os detalhes sobre a Plataforma de Cidades Emergentes.

Autor: Mauro Júnio (Prefeitura de Goiânia)
Foto: Domingos Elias

1 comentários:

Write comentários
Anônimo
AUTHOR
27 de outubro de 2011 15:12 delete

Se eles souberem a sucata que Paulo Garcia e Iris Rezende deixaram acontecer com Goiânia, ficariam horrorizados.

Reply
avatar