Radares já funcionam no perímetro urbano da BR-153

23:39 1 Comments A+ a-


Começaram a funcionar nesta sexta-feira (17) os 19 radares eletrônicos que foram instalados no perímetro urbano de Goiânia na BR-153. A expectativa é reduzir em até 70% o índice de acidentes, principalmente atropelamentos, nessa região.

Os instrumentos colocados fazem parte do Plano Nacional de Controle de Velocidade, que será executado em Goiás, por meio da instalação dos equipamentos de fiscalização eletrônica. “Estamos com mais de 200 pontos de controle em todo o Estado. Para se iniciar um bom trabalho, fizemos uma parceria com a Polícia Rodoviária Federal para que a gente definisse tecnicamente quais seriam os pontos de maior importância”, informou o Superintendente do departamento Nacional de Trânsito em Goiás, Alfredo Sobihê Neto.

Os equipamentos já foram instalados há algumas semanas em outros pontos da BR-153 e o Superintendente do DNIT destaca que “multar” não é o principal objetivo do órgão. “O nosso usuário precisa ser conscientizado. Quando a gente coloca os equipamentos, mesmo não estando funcionando, as pessoas já diminuem a velocidade por medo de serem autuadas”, pontua.

“Temos que ter uma consciência pra ajudar o usuário e o pedestre a não se enfrentarem. A gente não quer autuar ninguém. A gente só quer preservar a vida”, complementou.

O dinheiro arrecadado com as multas será encaminhado ao Tesouro Nacional e será gerido pelo Ministério do Planejamento para programas de pesagem e controle de velocidade.

O Estado de Goiás será o primeiro Estado a efetivamente colocar em funcionamento este plano de controle de velocidade.

Fonte: Portal 730

1 comentários:

Write comentários
Anônimo
AUTHOR
26 de outubro de 2011 23:14 delete

Estes aparelhos não são para reduzir acidentes,mais sim para aumentar contas correntes.Ridiculo vc está em uma rodovia e ter que reduzir a velocidade pela metade.Tinha q ser com países desenvolvidos,que tem velocidade maxima e minima também.
Se querem reduzir acidente,tem e q investir em rodovias não em radares.

Reply
avatar