29 de novembro de 2010

White Party 2010


Data: 23/12/2010
Local: Oliveira's Place
Fone: (62) 3954-0710

Vem aí a 7ª Edição da festa mais requintada do ano!

Atrações Convidadas:
- Crossover
- Leilah Moreno
- Renato Borges
- Ruben Fontes
- VJ Fabinho

"Traje Branco Obrigatório"

Open Bar:
- Smirnoff
- Skol
- Refrigerante
- Suco
- Água
- Salgados Finos

Valores:
Masculino - R$ 100,00
Feminino - R$ 50,00

- Valores acima referentes ao 1º Lote.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.
- Censura 18 anos.
- Ingresso feminino à título promocional.

Postos de Venda:
- Elementais (Goiânia Shopping)
- Trupe do Açaí
- Academia Dalmo Ribeiro (Galeria do Cinema 1)

Site Oficial:
- Oquerola.com

Oscar Niemeyer não poderá abrigar eventos, decide MP



O Ministério Público de Goiás decidiu nesta sexta-feira (26) que o Centro Cultural Oscar Niemeyer não poderá abrigar eventos. O governador eleito Marconi Perillo (PSDB), que prometeu durante a campanha reabrir o centro no primeiro dia de sua gestão, planejava realizar show de réveillon e exposição de arte no local a partir do dia 2 de janeiro.

A promotora de justiça da área de meio ambiente Marta Moriya Loyola reuniu na tarde de hoje representantes da Agência Municipal de Meio Ambiente (Amma) e das agências de Cultura (Agepel) e Obras (Agetop) do Estado, quando, segundo a assessoria do MP, foram constatadas a ausência de alvará de funcionamento e de construção, além de licença ambiental e do Corpo de Bombeiros.

Os representantes dos órgãos e do MP assinarão um termo de ajuste de conduta (TAC) que prevê providências para finalizar as obras do centro e obter as devidas licenças.

Fonte: Goiás Net

28 de novembro de 2010

Reveillon 3 Ranchos




Data: 31 de dezembro 2010 a 2 de janeiro de 2011.
Hora: Check in às 16h
Local: Marina Resort Hotel - Três Ranchos - GO

Atrações:

- Crossover (Amon Lima (violino) + Julio Torres)
- 4Forehand
- Rafael Ramalho (GO)
- Mex (GO)
- Thiago Pena (GO)
- Gu Morum (GO)

Programação:

31 de dezembro, sexta-feira:
16h: Check in.
20h: Welcome guests.
22h: Reveillon.
Dj Rafael Ramalho, Forehand e Dj Mex.

1º de janeiro, sábado
08h: Café da manhã.
14h: Sunset on board (flutuante).

Obs.: Somente para hóspedes.
Dj Rafael Ramalho.
21h: Jantar
23h: Happy New Year
Dj mex, Crossover e Dj Rafael Ramalho.

02 de janeiro, domingo
08h: Café da manhã
16h: Late check out
Haverá queima de fogos

Ingressos:

PACOTE HOSPEDAGEM:
Hospedagem Marina Resort 2º lote
Quarto para um casal (esgotado): R$ 1.300,00
Quarto para dois casais (esgotado): R$ 1.200,00
Quarto quádruplo feminino (esgotado): R$ 400,00 (por pessoa)
Quarto quádruplo masculino: R$ 800,00 (por pessoa)

Hospedagem pousada 3 Ranchos 2º lote
Quarto para um casal: R$ 1.300,00
Quarto quádruplo feminino: R$ 400,00 (por pessoa)
Quarto triplo masculino: R$ 800,00 (por pessoa)

Hospedagem: Incluso 2 diárias, café da manhã, 2 festas Reveillon Happy New Year, Sunset On Board com churrasco, Open Bar em todas as festas.

*Obs.: Pousada 3 Ranchos é necessário levar roupa de cama e banho.

PACOTE FESTAS

Reveillon
Feminino: R$ 90,00
Masculino: R$ 180,00

*Bebidas: Champagne, whisky, vodka, cerveja, suco, refrigerante e água.
*Buffet: Jantar especial, petiscos finos e sobremesas.

Happy New Year
Feminino: R$ 40,00
Masculino: R$ 80,00

*Bebidas: Vodka, cerveja, suco, refrigerante e água.

Pacote Reveillon + Happy New Year
Feminino: R$ 120,00
Masculino: R$ 240,00

Camarote Reveillon
12 pessoas: R$ 2.500,00

*Obs.: Não inclui os ingressos do Reveillon Limitados.
Incluso: Serviço de segurança, garçon, bebidas e buffet.
Bebidas: 5 Perrier Jouet, 2 vodkas, Wiborova, 3 Chivas, 15 energéticos Red Bull, buffet de mesa de frios, salgados finos e sobremesa

Postos de Vendas:
Em breve

Info:
Telefones: Em breve
Classificação: 18 anos
Valores dos ingressos sujeitos à alteração sem aviso prévio

23 de novembro de 2010

Goiânia Fashion Week pela Educação 2010



Acontece nos dias 23, 24 e 25 de novembro, à partir das 21hs, a 4ª edição do Goiânia Fashion Week (GFW).

Com a direção técnica de Marcos Grabowski. O evento é uma produção da agencia Fox-7, e contará com a presença de mais de 10 artistas da Mídia Nacional, além de várias marcas conceituadas.

A cantora pop Wanessa fará o show de encerramento do GFW. De acordo com o modelo e empresário Marcos Grabowski:

“O evento tem como objetivo a responsabilidade social com a educação e contará ainda com feira de negócios“.

Marcas como Carmen Steffans, Maria Filó, TNG, Saad, Chilli Beans e Patachou fazem parte do line-up dos desfiles, que também contará com a presença dos atores Sophie Charlote, Joana Balanguer, Adriana Birolle e Humberto Carrão, além dos ex-BBB’s Cacau, Eliezer e Lia Khey

Serviço:

Evento: Goiânia Fashion Week pela Educação

Datas: 23 a 25 de Novembro de 2011

Local: Mansão Boullevard
Contatos : (62) 3642 9452
– Marcos Grabowski (compositemarcos@hotmail.com)

ExaltaSamba em Goiânia


Data: 19/12/2010
Local: Atlanta Music Hall
Telefone: 62 - 3257 7000

De Volta ao Atlanta

Show com:
- ExaltaSamba

Área VIP:
Inteira - R$ 30,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.
* valor referente à meia entrada.

Camarote FrontStage:
Individual - R$ 60,00
* incluso whisky, cerveja, refrigerante, água, vodka c/ suco, caldos e frios.

Camarote Empresarial:
Individual - R$ 200,00
* incluso whisky, cerveja, refrigerante, água, vodka c/ suco, caldos e frios.

Mesas:
Amarela - R$ 600,00
Azul - R$ 500,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

- Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
- Os valores das Mesas são de acordo com sua localização.
- O valor do Camarote Empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso.

Postos de Venda:
- Rival Calçados
- Atlanta Music Hall
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Maiores informações pelos telefones de contato!

22 de novembro de 2010

Prefeito adia posição sobre Eixo


O prefeito de Goiânia, Paulo Garcia, disse ontem que ainda há muito prazo para que a Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo da Região Metropolitana de Goiânia (CDTC-RMG) decida-se sobre a concessão do Eixo Anhanguera. "Temos até 31 de dezembro para tomar uma decisão", afirmou o prefeito, em entrevista ontem de manhã. "Vamos apresentar nossa proposta em tempo hábil", acrescentou. A concessão da linha - a maior de Goiânia - à estatal Metrobus vence no dia 31 de dezembro e não há tempo suficiente para realizar uma licitação, que demandaria no mínimo seis meses.

Durante a entrevista, Paulo Garcia foi questionado sobre as declarações do presidente da CDTC, o secretário de Cidades, Paulo Gonçalves, ao POPULAR. O secretário avaliou que a prorrogação emergencial da concessão à Metrobus é "inevitável", diante da falta de tempo para realizar uma licitação e da necessidade de manter o serviço em funcionamento. O Eixo Anhanguera transporta diariamente cerca de 200 mil passageiros, com passagem subsidiada pelo governo do Estado em 50%. "Não conversamos sobre esse assunto", disse Garcia sobre as declarações de Gonçalves. Cuidadoso, o prefeito falou duas vezes que a CDTC tem autonomia para tomar a decisão, mas destacou que "o Município de Goiânia não vai se furtar a apresentar seu posicionamento". "A CDTC deverá votar o que a maioria decidir e nós vamos seguir". Garcia não adiantou qual é a posição da Prefeitura de Goiânia em relação ao impasse. A Metrobus solicitou à CDTC, há um ano e meio, a prorrogação da concessão do Eixo por mais 20 anos. "Eu só anuncio posições no momento e no local oportunos. Não tenho o hábito de divulgar antecipadamente nada do que vamos fazer", disse.

Garcia deixou claro que a Prefeitura de Goiânia estuda até mesmo a possibilidade de assumir a operação do Eixo Anhanguera a partir de 1º de janeiro de 2011, caso não haja um acordo com o Estado para a prorrogação do contrato. "Todas as possibilidades estão em aberto", admitiu. "Existem várias possibilidades e nosso posicionamento será anunciado em momento oportuno". O prefeito lembrou que logo depois de assumir o cargo - em abril deste ano, com a saída de Iris Rezende - procurou o governador Alcides Rodrigues com uma carta de intenções para melhorar o transporte coletivo, incluindo o Eixo Anhanguera.

"A validade das propostas apresentadas por nós ainda é atual", acrescentou o prefeito. Estudos da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) mostram que o novo concessionário do Eixo Anhanguera terá de investir pelo menos R$ 200 milhões, só para a troca da frota atual, de 120 ônibus (com 12 reservas), sem o prolongamento do Eixo Anhanguera até o Conjunto Vera Cruz, a Vila Mutirão e o Jardim das Oliveiras, em Senador Canedo, conforme prevê o projeto.

O impasse sobre o Eixo Anhanguera se arrasta desde 2007, quando foi realizada a licitação para operação das linhas da Região Metropolitana. A pedido do governador Alcides Rodrigues, a linha ficou fora da concorrência. Desde então, o assunto foi tratado diretamente entre o governador e o prefeito de Goiânia (primeiro, Iris Rezende e depois, seu sucessor, Paulo Garcia), sem uma definição.

Fonte: O Popular

21 de novembro de 2010

Eduardo Costa em Goiânia - Atlanta Music Hall



Data: 01/12/2010
Local: Atlanta Music Hall
Telefone: 62 - 3257 7000

O Fenômeno do sertanejo nacional!

Show com:
- Eduardo Costa

Horário: 22h.

Área VIP:
Inteira - R$ 30,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.
* valor referente à meia entrada.

Camarote FrontStage:
Individual - R$ 60,00
* incluso whisky, cerveja, refrigerante, água, vodka c/ suco, caldos e frios.

Camarote Empresarial:
Individual - R$ 200,00
* incluso whisky, cerveja, refrigerante, água, vodka c/ suco, caldos e frios.

Mesas:
Para 4 Pessoas - R$ 500,00
Para 4 Pessoas - R$ 800,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

> Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
> Os valores das Mesas são de acordo com sua localização.
> O valor do Camarote Empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
> Valores sujeitos a alteração sem aviso.

Postos de Venda:
- Rival Calçados
- Atlanta Music Hall
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Maiores informações pelos telefones de contato!

O Atlanta Music Hall e a EC 13 Produções Ltda representante do artista Eduardo Costa vem a público esclarecer que, devido a forte chuva (tromba dágua) que caiu durante a apresentação do artista Eduardo Costa foi necessária a interrupção do espetáculo e devolução dos ingressos ao público presente para nova apresentação do artista que será realizado no dia 01 de dezembro de 2010, às 22:00 hs.
Esclarecemos que em vistoria realizada pelo Corpo de Bombeiros após o incidente, ficou comprovado que o Atlanta Music Hall encontra-se apto a dar prosseguimento na realização dos shows, tendo o fato se tratado de questões naturais de força maior.
Apresentamos nossas desculpas pelos transtornos ocasionados e colocamo-nos a inteira disposição para esclarecimentos.
Demais informações na sede do Atlanta Music Hall, no site www.atlanta.art.br e no fone 62 3257-7000.

ATLANTA MUSIC HALL.
EC 13 PRODUÇOES LTDA


Lembrando que o Blog " Goiânia - no Coração do Brasil" não faz parte e não tem nenhum contato com a organização desse evento...

20 de novembro de 2010

Teatro: Como Passar em Concurso Público


Data: 28/11/2010
Hora: 20h30
Local: Colégio Santo Agostinho - Teatro Madre Esperança Garrido

Sobre:
A Comédia Como Passar em Concurso Público retorna a Goiânia depois do sucesso em Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo e mais 10 capitais do Brasil o espetáculo Como Passar em Concurso Público retorna a Goiânia para única apresentação.
O espetáculo já foi assistido por mais de 800.000 espectadores pelo Brasil.

Ingressos:

Meia: R$30,00 (estudantes, idosos, professores e clientes claro)
Inteira: R$60,00
Promoção: 50% de desconto na Inteira para Assinantes de O Popular com acompanhante

Postos de Vendas:

Bilheteria do Teatro: (62) 3223-1328 / 3223-1326
Zastras Brinquedos: (62) 3582-0009

Info:
Telefones: (62) 3223-1326
Classificação: 14 anos
Valores dos ingressos sujeitos à alteração sem aviso prévio

Gilberto Gil e Macaco Bong em Goiânia


Data: 21/11/2010
Local: UFG

Em homenagem aos 50 anos da UFG o projeto Música no Câmpus traz a Goiânia, no dia 21 de novembro (domingo), às 19 horas, o show: FUTURÍVEL: GILBERTO GIL * MACACO BONG. O evento também é parte da programação da 16ª edição do Goiânia Noise. Os ingressos custarão R$ 40,00 (inteira) e R$ 20,00 (meia). Os ingressos estão à venda nas Livrarias da UFG e no Sesc-Goiás, Tribo restaurante, Hocus Pocus, Ambiente Skate Shop e Monstro disco. Pagam meia estudantes, professores e técnico-administrativos da UFG, comerciários e dependentes do SESC, professores da Rede Pública de Ensino ou quem doar 1 kg de alimento não perecível.


Gilberto Gil e Macaco Bong - No final da década de 60, à frente da Tropicália, Gilberto Gil abraçou a fusão da música brasileira com os ritmos internacionais. Inspirado pelas ideias dos modernistas antropofágicos, décadas antes, deu a elas consequências populares e midiáticas inesperadas. Depois, exilado em Londres, com Caetano Veloso, viu em primeira mão os desdobramentos da contracultura em sua fase mais densa. De volta ao Brasil, estabeleceu diálogos musicais com questões culturais, comportamentais e políticas, no espaço entre a arte e a tecnologia.

Corta para o final de 2010. Gil encontra o Macaco Bong, o power trio instrumental de Cuiabá, mais potente expressão da nova produção independente. Representante de um mundo que os tropicalistas vislumbraram, o grupo é praticante dos preceitos coletivistas, solidários, descentralizadores e tecnológicos do circuito Fora do Eixo, a continuação inusitada da aventura contracultural brasileira. Apesar de seus 52 albuns lançados, 12 discos de ouro, 5 discos de platina, 7 Grammy Awards e mais de 4 milhões de discos vendidos, Gil é, antes de tudo, um pensador e um ativista sociocultural e político. É por isso que seu diálogo com o Macaco Bong – um único álbum, mas que álbum, considerado o melhor do rock nacional de 2008 pela revista Rolling Stone Brasil – é um diálogo de iguais.

Se Gil encontra neles o apoio para reeditar sua época mais roqueira, circa Expresso 2222 (quando era acompanhado por então músicos de rock como Lanny, Tuti Moreno etc – lançando-os em experimentos com o forró, reggae, funk, samba e outros gêneros), dá aos rapazes do Macaco Bong algo valioso em troca. É que o trio alia a linguagem das harmonias tradicionais da música brasileira com jazz, fusion e rock-pop, e em seguida ao CD Artista Igual Pedreiro aventurou-se em um show surpreendente, abrindo ainda mais o leque sonoro e estético com convidados como o rabequeiro Siba, o pianista pop-erudito Vitor Araújo e os metais dos Móveis Coloniais de Acajú.

Esse show foi um dos três finalistas do Prêmio Bravo!, ao lado do de Maria Bethânia, a da Orquestra Imperial apresentando Caetano Veloso, Jane Birkin e o maestro de Serge Gainsbourg, Jean-Claude Vannier. É nessa busca do Macaco Bong que se insere agora o encontro com Gilberto Gil, ampliando mais e mais seus horizontes experimentais e expressivos. A parceria estreia no dia 14/11, em São Paulo, no espetáculo Futurível, celebrando o encerramento do Fórum Internacional Geopolítica da Cultura e da Tecnologia (com curadoria do próprio Gil e de Laymert Garcia dos Santos), e simultaneamente abrindo do ll Fórum da Cultura Digital Brasileira, que se realiza na Cinemateca Brasileira.

E, em seguida, a parceria continua no Festival Goiania Noise, a já tradicional mostra da produção roqueira e independente, trazendo agora Gilberto Gil ao território do Macaco Bong. Mas os territórios se confundem, se completam e se interseccionam: de gerações e backgrounds diferentes, tanto Gil quanto o Macaco são representantes da grande música negra, da grande música elétrica, da grande música misturada brasileira, um dos símbolos mais notáveis da potência transformadora do país no mundo.

19 de novembro de 2010

Victor e Léo em Goiânia 2010


Data: 10 /12/2010
Hora: Em breve
Local: Atlanta Music Hall

Show com Victor & Léo Lançando seu novo CD!

Área VIP:
Inteira - R$ 30,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.
* valor referente à meia entrada.

Camarote FrontStage:
Individual - R$ 60,00
* incluso whisky, cerveja, refrigerante, água, vodka c/ suco, caldos e frios.

Camarote Empresarial:
Individual - R$ 150,00
* incluso whisky, cerveja, refrigerante, água, vodka c/ suco, caldos e frios.

Mesas:
Amarela - R$ 6 00,00
Azul - R$ 400,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

> Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
> Os valores das Mesas são de acordo com sua localização.
> O valor do Camarote Empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
> Valores sujeitos a alteração sem aviso.

Postos de Venda:
- Rival Calçados
- Atlanta Music Hall
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Maiores informações pelos telefones de contato!

Goiás recebe R$ 429 mi do Governo Federal para saneamento


O Governo Federal liberou para Goiás o total de R$ 429 milhões em recursos do Programa de Aceleração do Crescimento – PAC II. A liberação dos recursos foi publicada no Diário Oficial da União desta semana e o dinheiro deverá ser aplicado em Saneamento.

De acordo com a Saneago, serão R$ 302 milhões para execução de obras de saneamento no Estado de Goiás e 127 milhões para obras de saneamento integrado que serão feitas através de contrato estabelecido entre Saneago e prefeituras.

Técnicos da área de planejamento vão emitir para a Caixa Econômica Federal, ainda nesta semana, laudo de avaliação das obras de água e esgoto que serão executadas com esses recursos. Espera-se que o contrato entre Governo do Estado e União seja assinado ainda neste ano, e as obras iniciadas a partir de abril de 2011.

Fonte: Goiás Agora

Agnelo busca recursos do PAC para trem ligando Brasília a Goiânia


Governador eleito diz ser possível concluir obras em 4 anos e que o transporte de cargas e passageiros seria realizado em uma hora

O governador eleito do Distrito Federal (DF), Agnelo Queiroz (PT), disse nesta quinta-feira que vai tentar obter recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) do governo Federal para a construção de uma ramal férreo ligando Brasília a Goiânia-GO (cerca de 210 km). Os trilhos seriam utilizados para o transporte de cargas e passageiros e, acredita o petista, podem ficar prontos em até quatro anos.

“Vou defender junto ao governo Federal para incluir no PAC a extensão da ferrovia Norte-Sul até o Distrito Federal. O ramal que vai a Goiânia fazer Goiânia -Brasília. Esse ramal seria de cargas e passageiros”, disse.

De acordo com Agnelo, a ideia difere da dos governos anteriores pois não se trata de um trem-bala, mas sim de um transporte de média velocidade em que a tecnologia seria mais acessível e possibilitaria a construção num curto espaço de tempo.

“Qual a semelhança dele com as idéias anteriores, trem-bala, trem-pequi, ou coisa que o valha? Não é isso. Essa proposta é de trem de velocidade média, 180 a 200 km por hora (...) Está se falando de grau tecnológico acessível, barato e que pode fazer isso num mandato, ter os 200 km de ferrovia, essa é a diferença de um negócio dessa dimensão ao trem de alta velocidade que tem preço exorbitante e é fora de nossa realidade”, explicou.

O governador eleito ainda disse que a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) deu carta branca para que um projeto ligando as duas capitais seja feito e que o mesmo se enquadra na política ferroviária do governo Lula.

Fonte: Ultimo Segundo (IG)

Orçamento da prefeitura de Goiânia será 10% maior


A prefeitura de Goiânia terá em seu orçamento para o próximo ano R$ 2,4 bilhões, o que representa aproximadamente 10% a mais que o valor estipulado para 2010. A previsão orçamentária foi apresentada em audiência pública na Câmara Municipal de Goiânia, pelo secretário municipal de planejamento, Sebastião Ribeiro, na manhã desta terça-feira (16).

Segundo ele, cerca de 60% desse montante virá do próprio tesouro municipal e o restante, de outras fontes, como recursos da saúde, da previdência e convênios com o governo federal.

Na Câmara, a polêmica ficou por conta do direito que o prefeito Paulo Garcia (PT) tem de remanejar 30% dos recursos de uma área para outra, o que foi questionado pelo vereador oposicionista Elias Vaz (PSOL).

Para o vereador Agenor Mariano (PMDB), o remanejamento é benéfico, pois permite ao gestor melhor aplicação do dinheiro público. O orçamento municipal ainda deve ser aprovado em plenário pela Câmara Municipal.

Segundo o cronograma do relator do orçamento, Clécio Alves (PMDB), os vereadores têm até 17 de novembro para apresentação de emendas ao Orçamento/2011. No dia 23 de novembro, está prevista uma Reunião da Comissão Mista para apresentação do Relatório e Votação, e nos dias 24 e 25 de novembro, a votação no plenário.

Fonte: Goiás Net

16 de novembro de 2010

Críticas a falhas no Enem


Mais de 50 estudantes se reuniram ontem no Parque Vaca Brava, em Goiânia, para protestar em favor de melhorias na educação do Brasil. O protesto foi impulsionado devido aos vários problemas apresentados nas provas do último Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A passeata teve início às 16 horas, quando os manifestantes deram a volta pelo parque, usando nariz de palhaço e segurando faixas e cartazes.

O movimento aconteceu simultaneamente em outras seis capitais do País, entre elas Belo Horizonte, São Paulo, Pernambuco e Recife. O manifesto foi realizado por iniciativa dos próprios estudantes, que cursam o ensino médio ou cursos preparatórios em instituições particulares de Goiânia. Eles se organizaram com o auxilio da internet (redes sociais).

Pedro Augusto, 18, vestibulando, explicou que o objetivo da manifestação não é o cancelamento do Enem e sim a melhoria na segurança e no processo de desenvolvimento das próximas provas. “Educação é coisa séria, o que aconteceu com o Enem é um desrespeito, estudamos o ano inteiro, deixamos de fazer inúmeras coisas e fomos prejudicados.”

“O Enem é passado, estamos reivindicando melhorias para os próximos exames”, disse Sara Gabriela da Costa, 17. Agora ela acredita que as autoridades devem se preocupar com a base, “com a educação, não só com a economia”. Ainda contou que houve confusão no dia da prova. “Na minha sala um celular tocou.” A frase preferida dos manifestantes era: “Como apagar essa vergonha sem borracha?”, diziam, se referindo também à proibição de lápis e borracha no último Enem.

Fonte: Jornal O Hoje

11 de novembro de 2010

Apocalipse 16 em Goiânia 2010





Data: 10/12/2010
Local: Goiânia Arena
Fone: (62) 3257-7000

Horário: em breve

Show com:

Apocalipse 16 - Ultimo Show Gospel do ano de 2010

Valores:
Pista: R$ 15,00
Camarote: 25,00*
* Open Bar (água, Refrigerante, Suco e Buffet de Salgados

Breve Mais Informações

China pode investir até US$ 7 bi na agricultura goiana


O Termo de Cooperação assinado ontem pelo Governo de Goiás com a China, durante solenidade realizada no Ministério da Agricultura, em Brasília, pode resultar em investimentos globais de US$ 7 bilhões na produção agrícola em Goiás. O foco principal será a produção de soja nas regiões Norte e Nordeste do Estado, ao longo do eixo da Ferrovia Norte-Sul.

Pelo Governo de Goiás, o documento foi assinado pelo secretário do Planejamento e Desenvolvimento, Oton Nascimento Júnior; e da parte da China, pelo presidente da empresa estatal China National Agricultural Development Group Corporation, ZhengQingzhi, com aval dos ministros da Agricultura da China, Han Changfu, e do Brasil, Wagner Rossi, e do governador Alcides Rodrigues Filho.

Logo após a assinatura, o governador disse que o acordo é fruto do trabalho desenvolvido ao longo dos últimos três anos, em decorrência das três missões que Goiás realizou à China e também das visitas que os chineses fizeram ao Estado no início deste ano e também agora. Conforme o governador, os investimentos chineses em Goiás podem ser ainda mais expressivos nos próximos anos, uma vez que a China tem necessidade crescente de alimentos e Goiás tem potencial para produzir muito mais.

O governador destacou que este acordo é só o começo, para implantação de até 2 milhões de hectares de lavouras de soja, mas terá outras metas que vão culminar com grande avanço econômico de Goiás nos próximos anos. “O mais importante é que essa parceria da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás - Faeg e da Federação das Indústrias do Estado de Goiás - Fieg, está sendo direcionada para o desenvolvimento de regiões até então menos aproveitadas para a agricultura, que são o Norte e o Nordeste do Estado”, afirmou.

Alcides lembrou que essa cooperação é de fundamental importância para o Estado, tanto que vem recebendo integral apoio do Governo Federal. “Prova disso foi o acompanhamento da missão goiana à China em abril deste ano, e agora, a assinatura do Termo de Cooperação no gabinete do ministro Wagner Rossi, juntamente com o ministro da Agricultura da China”, acrescentou.

Memorando
O documento assinado prevê o estabelecimento de uma parceria de longo prazo, em que a China deverá fazer investimentos em Goiás no desenvolvimento agrícola e agroindustrial, financiando novos empreendimentos produtivos. Também poderá estabelecer joint ventures com empresas brasileiras. Além de capital, a China poderá ainda fornecer insumos como fertilizantes, defensivos e sementes para incremento da produção agrícola no Estado. Também caberá à China ampliar as importações de soja e subprodutos.

A cooperação entre Goiás e China não se limita à produção de soja. Pode haver investimentos em criação de aves, processamento de produtos agrícolas e em outras indústrias voltadas para o desenvolvimento da agricultura de Goiás, por meio de investimentos em novos empreendimentos, fusões e aquisições de participação acionária em empresas agrícolas e agroindustriais.

Ao Estado de Goiás cabe selecionar áreas, produtores interessados e métodos adequados para investimentos na agricultura, utilizando esses recursos conforme as políticas de investimentos e leis de ambos os países. Caberá também a Goiás efetuar avaliações e tomar decisões sobre projetos agrícolas que resultem em cooperação efetiva para o aumento da produção agrícola. Todas as atividades vão ser coordenadas pelo Grupo de Trabalho específico já instituído em essa finalidade, na China e em Goiás.

Fonte: Goiás Agora

9 de novembro de 2010

Obra do Terminal Bandeiras fica para Réveillon


CMTC prevê entregar Terminal bandeiras em 31 de dezembro, com seis meses de atraso

Iniciadas com mais de um ano de atraso em relação ao primeiro cronograma, as obras do novo Terminal Bandeiras, na Região Sudoeste de Goiânia, deverão ser entregues com seis meses de atraso em relação à estimativa da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC) feita no início da construção, em janeiro deste ano. A nova previsão de entrega do terminal, cuja construção está bem adiantada, é para o dia 31 de dezembro. "Para começar o ano de 2011 de terminal novo", informou ontem ao POPULAR o engenheiro de planejamento e obras da CMTC, Benjamin Kennedy Machado.

A última previsão feita pelo presidente da CMTC, Marcos Massad, em 10 de outubro deste ano, era de entregar o terminal no prazo de 40 dias. Kennedy explica que a empresa vencedora da concorrência para a construção teve problemas financeiros e atrasou os salários dos operários, o que prejudicou a manutenção do cronograma. "A obra estava realmente em ritmo bem devagar", reconhece o engenheiro. "De uns 40 dias para cá, ela ganhou outro ritmo, acelerado", afirma.

Previstas para setembro de 2008, as obras do novo Terminal Bandeiras tiveram início em janeiro deste ano. A estrutura existente foi toda demolida e a CMTC instalou um terminal provisório para acomodar os passageiros em uma área distante poucos metros do terminal antigo. As obras agora estão na fase final de acabamento. Os operários estão trabalhando nas instalações elétricas e na parte de revestimento, colocando pisos e louças, além do acabamento das plataformas para embarque e desembarque de passageiros. "Está ficando excelente", diz Kennedy, acrescentando que acredita que o novo Terminal Bandeiras ficará melhor do que o Cruzeiro, em Aparecida de Goiânia.

No próximo dia 30, as empresas concessionárias iniciarão a estrutura telemática, sistema de som e de informações, além de câmeras de monitoramento, a exemplo do Terminal Cruzeiro, medida que agradou os usuários e reduziu o número de ocorrências de crimes dentro daquele espaço. A CMTC está investindo R$ 10,132 milhões na construção do terminal. Kennedy destaca que ele receberá um piso de granitina de alta resistência e que as plataformas lineares são melhores do que as do Terminal Cruzeiro, em formato de L. "Ele não terá placas que impedem a visibilidade de quem está de fora".

Terminal Garavelo

Anunciada para ter início na mesma época, a construção do novo Terminal Garavelo, em Aparecida de Goiânia, será iniciada, em 2011, com mais de dois anos de atraso. O engenheiro da CMTC revelou que ela só terá início depois que o Terminal Bandeiras estiver pronto, porque a companhia vai aproveitar a estrutura do terminal provisório, formado por aço e concreto, para acomodar os usuários do Terminal Garavelo durante as obras. Ele também será demolido e dará lugar a outro terminal, novo e maior. Para isso, a prefeitura de Aparecida de Goiânia desapropriou cinco imóveis e indenizou os antigos proprietários.


A área construída do Terminal Garavelo passará dos atuais 6,7 mil metros quadrados para 13 mil metros quadrados. "Esse terminal provisório ficou muito bom e permite acomodar o usuário com o respeito com que ele merece ser tratado", avalia Kennedy. Na primeira obra, do Terminal Cruzeiro, o terminal provisório foi duramente criticado pelos usuários, pois não oferecia condições mínimas de conforto. Não havia nem calçamento e a situação era agravada em períodos de chuva.

Kennedy observa que o Terminal Garavelo tem grande demanda de usuários e precisa dessa ampliação. "Hoje ele está totalmente saturado, tanto na capacidade operacional como para os usuários", justifica. Ainda não há data estimada para o início das obras. O cronograma da CMTC, na época da licitação do transporte coletivo de Goiânia, previa reformar todos os terminais.

Usuários querem mais conforto e segurança

Usuários do Terminal Bandeiras, ouvidos ontem pelo POPULAR, reclamam da falta de conforto no terminal provisório, instalado em uma área próxima à do terminal demolido. "Deveria ter mais conforto e segurança, com câmeras de monitoramento", sugere o vendedor Anderson Reis Lima, de 22 anos.

Com a filha Amanda, de 1 ano, no colo, a empregada doméstica Adriana da Luz de Jesus Carneiro, de 28, também apontou desconforto nas instalações. "Não há um banco para sentar ou um lugar onde beber. Álém disso, os banheiros são muito ruins", afirma.

A costureira Madalena Dourado Nascimento, 19 anos, diz que gasta mais tempo para retornar para casa, no Residencial Itaipu, do que ir ao trabalho. "Quando chove, nem parece coberto. Molha tudo".

Fonte: O Popular

Inflação histórica em Goiânia

André Passos

O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) atingiu a maior alta da história em Goiânia, para um mês de outubro, desde o início da série em abril de 1987. O indicador saltou de 1,05% em setembro para 1,44% no mês seguinte. No ano, a variação acumulada alcança 6,47% ante os 3,54% de igual período do ano anterior.

A maior inflação histórica na capital foi puxada pelos grupos de alimentação e transportes, com altas de 3,7% e 2,71%, respectivamente. Entrada do período de entressafra dos principais itens aponta para mais elevações nos próximos meses, segundo análise feita pela Secretaria Estadual de Planejamento e Desenvolvimento do Estado (Seplan) que divulgou, ontem, a inflação.

Dos 205 produtos e serviços pesquisados, 101 tiveram alta de preços, 38 ficaram estáveis e 66 tiveram queda. Dentro do grupo de alimentação, comer em casa ficou 4,41% mais caro em outubro. Entre os produtos que mais oneraram o orçamento doméstico, o feijão carioca subiu 21,72% e acumula alta de 131,63% no ano. O preço médio saltou de R$ 1,92 em janeiro para R$ 4,54 em outubro. Em seguida, aparecem feijão preto (16,80%) e açúcar (21,58%).

O maior reajuste, mas com menor peso no orçamento, ficou com o tomate: 28,7%. Os preços do alface (22,98%), maçã (21,74%), banana maçã (12,79%), carne bovina (coxão mole: 6,72%) também subiram. O quilo do frango aumentou 6,23% Em contrapartida a carne suína sofreu queda de 0,74%. Já os preços da alimentação fora do domicilio subiram em 1,69%. No grupo transportes, a elevação de 2,71% foi motivado pelo reajuste, principalmente, do preço do litro do etanol (18,71%).

Além de sentir no bolso, a podóloga Núbia Oliveira, 35, acredita que as altas interferem nos resultados de outras atividades. “Com tudo mais caro, as pessoas controlam mais os gastos e deixam de lado alguns costumes, como os cuidados pessoais”, diz. Com isso, ela computa queda de cerca de 20% nos atendimentos que fez nos últimos meses. Como atende a domicílio, viu seu lucro reduzir sensivelmente. após os sucessíveis aumentos nos preços dos combustíveis. “É o que mais tem pesado.
Chego a gastar R$ 1 mil por mês”, conta Núbia.

As previsões para os próximos meses não são animadoras. Segundo o gerente de Indicadores Econômicos e Sociais da Seplan, Marcelo Eurico de Sousa, os combustíveis, principalmente o etanol, em período de entressafra, continuarão subindo.

Cesta básica

Influenciada pela alta nos alimentos, o valor da cesta básica saltou de R$ 190,30 para R$ 202,66, ultrapassando, pela primeira vez, os R$ 200. O valor corresponde a 39,74% do salário mínimo (R$ 510). Em 2010, a cesta necessária para alimentar uma pessoa subiu 18,03%. De setembro para outubro a alta foi de 6,5%. Foram necessárias 87 horas e 25 minutos para o trabalhador adquirir os 12 itens da cesta básica goianiense.

Fonte: Jornal O Hoje

7 de novembro de 2010

Gusttavo Lima em Anápolis - Especial de Natal


Data: 25/12/2010 (Sábado)
Local: Anapolis – Stilus Hall
Telefone: 99789395

Gusttavo Lima

Especial de Natal em Anapolis

Valores:
Pista:
R$: 20,00 – Meia
R$: 40,00 - Inteira

Área Extra Vip Open Bar:
Feminino: R$ 40,00
Masculino: R$ 60,00

*Vodka,Suco,Cerveja,Refri,Agua

Mesa Open Bar
Para 4 Pessoas
*Vodka,Suco,Cerveja,Refri,Agua
*Visao Privilegiada,Banheiro Exclusivos E Servico De Garcom

Reservas De Mesas: 62-84176463 (Paulo Godoy)

Postos de Vendas Anápolis :

-Super X
-Banco dos Cartões
-Braza
-Brazil Park Shopping(Café Do Ponto)
-Jaiara Eurotur
-Nobel(Vendas a Cartão)

Postos de Vendas Goiânia :

Tribo Restaurante

Tele Entrega:62-99789395

Informações:
62-84172203/30987666

Realização:
-Rafael Carvalho Eventos
-Conceito Entretenimento
-Nobel

6 de novembro de 2010

Nando Reis e Os Infernais em Goiânia


Data: 19/11/2010
Local: Sol Music Hall
A partir das 23 horas

Valores:

Pista: R$ 30,00
Camarote: R$ 60,00
Mesa Premium: R$ 360,00
Mezanino: R$ 360,00

Vendas:
Bob’s e Tribo

Online: http://www.primeingressos.com/eventos_programados.php

Informações: 3269 8024 ou 7813 7680

*Valores de meia entrada

5 de novembro de 2010

Plano de Governo: Marconi Perillo



Alguns "compromissos" da proposta de governo para Goiás. Um resumo em alguns setores só para termos uma base do que será realizado ou não:

Urbanismo

Implantar um Centro Comercial Gastronômico 24 horas (restaurantes, churrascarias, bares, etc.) na antiga Estação Rodoviária de Goiânia, promovendo a integração com o Lago das Rosas;

Implantar o Complexo do Além (Morro do Além) com mirante, lojas, bares e escola (piso superior);

Implantar um Parque Ambiental no Morro do Serrinha com elevador panorâmico/mirante;

Criar o Memorial da Cidade de Goiânia na Praça Cívica (Local da Prefeitura de Goiânia);

Saneamento

Reestruturar e modernizar a SANEAGO, com ampliação de suas atividades (tratamento de resíduos sólidos e outros);

Concluir a 2ª etapa da Estação de Tratamento de Esgoto de Goiânia – ETE;

Universalizar o tratamento de água e esgoto em todos os municípios do Estado de Goiás;

Apoiar os municípios para criação de consórcios intermunicipais de prestação de serviços de saneamento básico, aterros sanitários e para captação de recursos (Federais e outros);

Criar programa para viabilizar a construção de poços artesianos em locais desprovidos de água tratada;

Concluir 100% da rede tratamento de esgoto de Goiânia;

Atenção especial na construção de estações de tratamento de água e esgoto em todos os municípios e distritos ribeirinhos ao Rio Araguaia visando a sua preservação.

Transportes

Duplicar todas as rodovias que saem de Goiânia: a) GO 020, inicialmente até Bela Vista e posteriormente até Catalão; b) Concluir a GO 040 até Aragoiânia e, em 30 dias, o viaduto no setor Madre Germana; c) Concluir a GO 070 até Inhumas e posterior até a Cidade de Goiás e demais municípios da região;

Duplicar todas as rodovias estaduais que dão acesso aos destinos turísticos do Estado (Caldas Novas, Pirenópolis, Cidade de Goiás, Aruanã e outros);

Construir 50 pistas de pouso nos municípios de médio porte e aprimorar/revitalizar as existentes (balizamento noturno e terminal de passageiros);

Implantar em Goiânia o Metrô de Superfície – VLT

Concluir a Plataforma Logística de Goiás (Anápolis), em parceria com a iniciativa privada atraindo grandes empresas de logística e centrais de distribuição;

Concluir o Anel Viário de Goiânia

Estender o Eixo Anhanguera aos municípios de Senador Canedo, Trindade e Goianira;

Cultura e Artes

Criar o festival de música do Araguaia, em Aruanã;

Incrementar a bienal do livro, com autores nacionais e internacionais;

Criar o Programa de Preservação do Patrimônio Histórico de Goiás em parceria com o IPHAN e iniciativa privada;

Criar o Salão Nacional de Arte Contemporânea de Goiás.

Efetivar o Fundo Estadual da Cultura;

Criar o Portal da Cultura;

Esporte e Lazer

Concluir o Centro de Excelência de Esportes.

Reformar e modernizar o Autódromo Internacional de Goiânia;

Reformar e modernizar o Estádio Serra Dourada;

Implementar ações de apoio esportivo as pessoas com deficiência – estruturas especiais, formação atlética, equipamentos e professores especializados.

Indústria, Comércio e Serviços

Oferecer tratamento tributário diferenciado às micro e pequenas empresas como instrumento de fortalecimento e possibilitando a ampliação da oferta de emprego e aumento da renda;

Reestruturar e fortalecer o Banco do Povo, retomando o seu papel de instrumento de inserção social e de geração de emprego e renda, com operação efetiva em todos os municípios goianos;

Contribuir para o fortalecimento e implantação de instituições de microfinanças, incluindo cooperativas de crédito que atuem junto a pequenos negócios;

Remodelar e adequar o Programa Produzir para atender a vocação econômica de cada município goiano;

Desenvolver e implantar um Portal de Produtos Goianos na internet, visando oportunizar às empresas de nosso Estado, acesso ao mercado digital de consumidores;

Implantar em Goiânia pólo tecnológico (indústrias de software, serviços e outros).

Proteção Social, Emprego e Formação Profissional

Revitalizar e fortalecer a Rede de Proteção Social, com melhoria e ajustes nos programas Renda Cidadã, Salário- Escola, Cheque Moradia, Bolsa Universitária e Banco do Povo e Restaurante Cidadão;

Implantar o Projeto “Um Passo à Frente” Estruturação de banco de dados para oferecer alternativas de saída dos
beneficiários dos programas sociais (capacitação, intermediação de emprego e crédito barato);

Criar o portal do emprego em Goiás;

Educação

Instalar 100 Colégios Tecnológicos – COTEC's;

Transformar 100% das unidades de ensino fundamental existentes em escolas de tempo integral;

Transformar o IEG no centro administrativo da Secretaria de Educação (edifício sede e capacitação e inovação pedagógica e tecnológica);

Consolidar a UEG com plano de carreira, concursos, qualificação dos professores, melhoria de laboratórios, bibliotecas e apoio à pesquisa e extensão;

Criar o Fórum da Educação do Estado de Goiás, com ampla representatividade dos setores;

Gestionar junto à União a criação de Universidades Federais em Catalão, Jataí e Entorno do DF.

Baseado nessa cartilha: http://www.scribd.com/doc/38071803/Cartilha-Stylo
Fonte: http://www.skyscrapercity.com/search.php?searchid=8639373
Resumo Feito Por: JrGec

4 de novembro de 2010

Que História é Essa? Com Felipe Andreoli


Data: 13/11/2010
Hora: 20h.
Local: Colégio Santo Agostinho - Teatro Madre Esperança Garrido

Felipe Andreoli com seu espetáculo solo “Que História é Essa?”

Exposição:
Depois do estrondoso sucesso em sua apresentação no início do ano.
Felipe Andreoli retorna à Goiânia com seu stand up “Que História é Essa?” revigorado e com muitas novidades.

Quem viu, não pode perder e quem não viu, não pode deixar escapar essa nova oportunidade de se divertir com uma das maiores revelações do humor brasileiro da atualidade.

“Não é um stand-up, é um pedaço da minha vida.” É assim que Felipe Andreoli define seu show - Que história é essa? Que foi eleito pela crônica paulista como um dos 5 melhores espetáculos de 2009.

No espetáculo ele conta suas aventuras profissionais, fatos marcantes de sua infância e adolescência, tudo com o humor e leveza. Além disso, o público é convidado para uma viagem ao redor do mundo com as fotos registradas por Felipe em suas viagens pelo planeta.

Ingressos:

Meia: R$30,00 (estudantes, idosos, professores e clientes claro)
Inteira: R$60,00
Inteira promocional antecipada: R$40,00 (levando 1 kg de alimento não perecível)

Pontos de Vendas:

- Ingressos á venda na bilheteria do teatro das 08h às 18h
- Zastras Brinquedos: (62) 3582-0009
- Chopp Time Street t 10: (62) 3088-2010
- La pizza: (62) 3247-4511
- Júnior Restaurante: (62) 3261-8784
- Panificadora della nova suíça: (62) 3251-6705

Informações:
- Telefones: (62) 3223-1326
- Classificação: 14 anos
- Valores dos ingressos sujeitos à alteração sem aviso prévio.

Frota está perto de 1 Milhão de Veículos


Uma capital próxima de ter 1 milhão de veículos – com uma média de 7 mil novos automóveis entrando em circulação todos os meses – e, ainda, sem apresentar opções que possam desafogar o trânsito em pontos considerados críticos. Hoje com quase 952 mil veículos em suas ruas, estima-se que Goiânia atinja a marca de 1 milhão em fevereiro de 2011.

“O mais alarmante é que, até então, toda política de transporte público adotada favorece apenas o aumento da frota”, afirma o presidente do Conselho Estadual de Trânsito de Goiás (Cetran), Antenor José Pinheiro.

Em palestra proferida nesta quarta-feira (03), na abertura do 2º Fórum de Transporte e Trânsito, Antenor Pinheiro buscou traçar projeções para uma mobilidade urbana sustentável em Goiânia, mesmo diante do diagnóstico atual preocupante.

“É preciso urgentemente cobrar mais ações para que se inverta a prioridade no transporte individual para um transporte público eficiente”, afirma Pinheiro. “Não adianta mais erguer viadutos, abrir praças ou proibir o estacionamento em algumas vias. Chegamos no ponto em que é preciso forçar a migração do transporte individual para o público”, sugere.

O presidente do Cetran alega que Goiânia segue na direção contrária a uma tendência que cresce nas principais cidades do mundo. “Em São Paulo, o Minhocão será destruído. Curitiba e Bogotá (COL) apresentam corredores de transporte público efetivos. Enquanto isso, em Goiânia, não se tem nem mesmo um estudo cicloviário”, alerta Pinheiro. “A bicicleta aqui é vista só como lazer enquanto em várias outras cidades, como em Paris, é incentivada também para o transporte diário, sendo bastante efetiva”, ilustra.

O alerta sobre mudanças necessárias no trânsito também é reforçado pela arquiteta e urbanista Fernanda Mendonça. “Já existem gargalos críticos, como na Marginal Botafogo com a Avenida 88, em que todo dia se formam engarrafamentos nos horários de pico e afetam todas as ruas em volta”, lembra a arquiteta.

“Há projetos de corredores exclusivos pelas Avenidas T-9 e T-7, que não foram executados. O Eixo Anhanguera também se encontra saturado e precisando de investimentos. Não dá mais para esperar a situação explodir. A vontade política precisa ser superior à emergência”, diz Mendonça.

A necessidade de corredores exclusivos para maior fluidez das vias também foi lembrada por Antenor Pinheiro. “Hoje um ônibus que leva 60 pessoas retira o equivalente a 46 veículos das ruas. Ainda assim os ônibus não têm sua via própria”, compara. “Enquanto isso, ouvimos promessas de liberação do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de carros. Por que, ao invés disso, não se aumenta o subsídio para baixar a tarifa do ônibus ou se investe na estrutura do transporte público?”, questiona.

Programação
Realizado pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Goiás (IFG), o 2º Fórum de Transporte e Trânsito segue até sexta-feira (05), com debates e palestras iniciando-se sempre às 19 horas, na Casa de Indústria da Feração da Indústria do Estado de Goiás (Fieg), na Vila Nova.

Nesta quinta-feira (04), Manuella da Rocha Brito, representante da Datatraffic – empresa de processamento de dados – realiza a palestra sobre Diversos Equipamentos de Fiscalização Eletrônica e suas Aplicações. Em seguida, o pesquisador do Centro Interdisciplinar de Estudos em Transportes (Ceftru), Heitor Pereira do Nascimento, proferirá outra palestra sobre as relações no trânsito.

Fonte: Goiásnet

Cidade goiana está entre os “pioneiros” para a nova identidade



A partir de dezembro deste ano começam a ser expedidos os primeiros 100 mil registros de identidade civil (RIC) – um cartão com chip que será a nova identidade brasileira. A Bahia, o Rio de Janeiro, o Distrito Federal e os municípios de Hidrolândia (GO), Ilha de Itamaracá (PE), Nisia Floresta (RN) e Rio Sono (TO), serão os primeiros locais a contarem com o novo RIC. A definição foi feita no dia 19 de outubro - por uma comissão técnica delegada pelo Comitê Gestor do RIC, ligado ao Ministério da Justiça.

Cerca de 60 mil registros vão ser expedidos pelo Distrito Federal, Rio de Janeiro e Bahia e outros 40 mil cartões RIC ficarão a cargo dos quatro municípios selecionados. "A definição dos locais, dentre aqueles que se habilitaram a expedir ainda em 2010 os primeiros cartões, foi feita de acordo com requisitos técnicos baseados na norma ISO para intercâmbio de dados biométricos”, explica o coordenador-suplente do Comitê Gestor do RIC, Sérgio Torres.

A comissão que definiu as primeiras regiões é composta por técnicos em tecnologia da informação do Ministério da Justiça, do Instituto Nacional de Identificação da Polícia Federal, do Instituto de Tecnologia da Informação da Casa da Civil da Presidência da República, do Tribunal Superior Eleitoral, do Serviço Federal de Processamento de Dados – Serpro, e de institutos de identificação dos estados brasileiros.

Fonte: Goiás Agora

3 de novembro de 2010

Fernando e Sorocaba em Goiânia - O Grande Encontro


Data: 18/12/2010
Local: Cel da OAB
Hora: 22:00
Site: http://www.grandeencontro2010.com.br/

Grande Encontro, Atrações:

- Fernando e Sorocaba
- João Carreiro e Capataz
- Henrique e Diego

Valores: 1° Lote

Camarote Vip Open Bar:
R$: 40,00
Open: Cerveja, Refrigerante, água

Extra Vip:
R$: 60,00
Em Frente ao Palco
Open: Vodka, Cerveja, Refrigerante, água

Camarote Santa Fé Hall:
Masculino: R$ 120,00
Feminino: R$ 80,00
Open: Wisky Importado, Vodka, Cerveja, Refrigerante, água, suco e Salgados

Camarote Empresarial Open Bar:
R$: 1000,00
Capacidade para 10 pessoas
Open: Vodka, Cerveja, Refrigerante, água

Postos de Vendas:

- Tribo Restaurante
- Savan Calçados
- Sete Mares
- Bob's
- Câmbio Negro
- Lima limão

Online: www.primeingressos.com

1 de novembro de 2010

Dilma Rousseff é eleita primeira mulher presidente do País


Foi preciso pouco mais de uma hora de apuração após o fechamento das urnas em todo o país para que a matemática confirmasse a eleição da primeira mulher à presidência do Brasil. E, às 21h30 deste domingo (31), os dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) confirmavam a vitória da candidata petista Dilma Rousseff, com 55,99% doa votos. O total de votos apurados é de 99,14%. José Serra (PSDB) registrou 44,01%. O índice de abstenção atingiu 21,45%.

Dilma é a primeira mulher eleita presidente do Brasil. Nascida em 14 de dezembro de 1947, em Belo Horizonte (MG), a presidente eleita é formada em Ciências Econômicas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul e trabalhou na Fundação de Economia e Estatística (FEE). Depois, organizou debates no IEPES (Instituto de Estudos Políticos e Sociais) e, com Carlos Araújo, de quem é divorciada, ajudou a fundar o PDT do Rio Grande do Sul.

Durante sua carreira, Dilma foi secretária da Fazenda de Porto Alegre, diretora-geral da Câmara de Vereadores de Porto Alegre, presidente da FEE, secretária de Minas, Energia e Comunicação, ministra de Minas e Energia e ministra Chefe da Casa Civil.

Prestes a terminar seu mandato, que durou oito anos, o presidente Lula viu-se incumbido a escolher um dos companheiros petistas para a sucessão no Palácio do Planalto. Preferiu olhar para dentro de seu governo e eleger um de seus ministros. Dilma Rousseff, hoje com 62 anos, ficou conhecida durante a gestão de Lula como "a mãe do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento)".

Filha de um búlgaro, Pétar Russév, e de uma mineira, de quem herdou o nome, Dilma viu-se ligada à política desde muito cedo, mesmo não sabendo disso. Seu pai, que se naturalizou brasileiro com o nome Pedro Rousseff, foi ligado aos movimentos de transformações na Europa e deixou à filha o espírito libertário, além do gosto pela leitura.

Dilma Vana Rousseff nasceu sete dias antes do Natal de 1947. Teve uma infância tranquila e sem muitas dificuldades financeiras, com jantares servidos à francesa, em uma casa em Belo Horizonte. Por lá, ao lado dos dois irmãos Igor e Zana, ela ficou até a juventude. Neste período, estudou em colégios particulares de freiras, exclusivos para moças.

Mais tarde, em 1964, ano do golpe militar, Dilma entrou no Colégio Estadual Central. Nesta escola, que era pública e tinha turmas mistas, iniciou a militância na Política Operária (Polop), organização de esquerda com forte presença no meio estudantil, à qual já pertencia seu namorado, Cláudio Galeno. Eles se casariam três anos depois, apenas no civil e sob os olhares de poucos amigos e familiares.
No mesmo ano de seu casamento, em 1967, Dilma ingressou no curso de Ciências Econômicas da Universidade Federal de Minas Gerais e aderiu ao Comando de Libertação Nacional (Colina) - organização que combatia a ditadura.

Tortura
As sessões de tortura e a prisão duraram por quase três anos. De janeiro de 1970 a dezembro de 1972, Dilma passou os dias nos porões da Operação Bandeirantes (Oban) e do Departamento de Ordem Política e Social (Dops).

Nestes dois departamentos, criados na Ditadura Militar, a jovem de vinte e poucos anos sofreu torturas, de diversas formas, e foi considerada pelos colegas de militância como uma pessoa bastante forte. Ao ser libertada, Dilma voltou à sua casa da infância para se recuperar ao lado da família.
Câncer e cara fechada

Considerada pela mídia como um "general", Dilma humanizou-se diante das câmeras ao relatar que estava com câncer linfático, em abril de 2009. A mulher com fisionomia sisuda e bastante séria teve de se submeter às sessões de quimioterapia e logo se recuperou.

A partir daí, começou a aparecer sempre ao lado do presidente Lula, que a considera "uma mulher competente e de fibra". Em 2009, a "mãe do PAC" foi considerada uma das 100 pessoas mais influentes do País pela revista Época.

O ar de "braveza" foi desaparecendo aos poucos, junto às suas mudanças fisionômicas, que começaram em 2008. Ajudada pelas cirurgias plásticas, as linhas de expressão, as olheiras e os olhos caídos deram espaço a um olhar mais vivo, um rosto mais liso e um corte de cabelo mais moderno, definido pelo hair stylist Celso Kamura como "iluminador".

Fonte: Terra

Marconi Perillo é eleito governador de Goiás pela terceira vez


Com 1,5 milhão de votos, tucano supera Iris Rezende (PMDB) e retorna ao Palácio das Esmeraldas depois de disputa acirrada

O senador Marconi Perillo (PSDB) é o novo governador de Goiás. O candidato recebeu 1,5 milhão de votos (53%) e vai ocupar o Palácio das Esmeraldas pela terceira vez. Seu adversário no segundo turno, o ex-prefeito de Goiânia Iris Rezende (PMDB) teve 1,4 milhão de votos (47%). A vitória de Perillo é mais uma de um período de sucessivos triunfos nas urnas que teve início em 1990, quando foi eleito deputado estadual de Goiás.

Perillo e Rezende travaram uma das mais acirradas disputas do segundo turno e os institutos de pesquisas sempre apontaram empate técnico entre os dois candidatos. Durante a campanha, eles procuraram reproduzir em Goiás a estratégia nacional de oposição entre os projetos de José Serra (PSDB) e Dilma Rousseff (PT).

Ao longo da campanha, Perillo prometeu que, caso fosse eleito, implantaria o piso salarial do professor, distribuiria um computador para cada professor e aluno da rede pública, construiria hospitais e criaria um disque-emergência unificado para a segurança pública. Além de promessas, o novo governador deu explicações. Ele é investigado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) por receber propina de frigoríficos para modificar leis para favorecer o setor.

Nascido em 1963 em Goiânia, Marconi Ferreira Perillo Júnior é casado com Valéria Jaime Peixoto e tem duas filhas. Cursou o ensino fundamental no município de Palmeiras de Goiás, município de 22 mil habitantes a 72 quilômetros de distância da capital, e o segundo grau em Goiânia. Na universidade, estudar Ciências Sociais, Engenharia Industrial e Engenharia Civil antes de se formar em Direito em agosto deste ano, em plena campanha eleitoral.

Sua carreira política teve início na década de 1980, quando foi apresentado ao senador Henrique Santillo durante viagem a Brasília para um encontro da juventude do partido. Perillo voltou para a capital de Goiás com um cargo de assessor do político, que eventualmente seria eleito governador. Durante esse período, Perillo também foi presidente do PMDB Jovem de Goiás e presidente nacional da Juventude do PMDB.

Ao lado de Santillo, Marconi candidatou-se – e foi eleito – à Assembleia e, em seguida, pelo PP, à Câmara, onde foi vice-presidente da Comissão Regulamentadora do Sistema Financeiro Nacional, membro da Comissão de Constituição e Justiça e membro da Comissão de Ciência e Tecnologia.

Nova vitória

A trajetória política de Marconi ganhou relevância com a vitória nas eleições ao governo do Estado em 1998, já pelo PSDB, sobre o até então favorito Iris Rezende. Após a chegada ao governo estadual, Marconi conseguiu ainda a reeleição no primeiro turno, em 2002.

Já em 2006, a vitória foi dupla: seu aliado, o então vice-governador Alcides Rodrigues (PP) foi eleito ao governo e Perillo garantiu uma cadeira no Senado, com quase 76% dos votos. Em 2007, no entanto, já começou a sentir o distanciamento do governador, que alegava ter recebido o Estado com déficit, embora evitasse fazer críticas diretas a Marconi.

As críticas fizeram a relação entre PSDB e PP azedar, o que culminou num “racha” na base aliada que colocou Marconi e Alcides em lados opostos nas eleições de 2010. Após apoiar o candidato do PR, Vanderlan Cardoso, no primeiro turno, o governador declarou apoio a Perillo na segunda etapa do pleito. Atualmente, ocupa o cargo de vice-presidente do Senado.

Fonte: Ultimo Segundo (Eleições IG)