Hyundai produzirá ix35 em Anápolis

13:24 3 Comments A+ a-


Com pouco mais de três anos em operação, a fábrica da Hyundai em Anápolis está se tornando uma grande plataforma de produção da marca. A unidade, que já produz o caminhão leve HR e o utilitário-esportivo Tucson, também começará a montar caminhão HD, de 7 toneladas, no segundo semestre. Para lançar o caminhão, a fábrica receberá R$ 70 milhões em investimentos. No próximo ano, a unidade também deve começar a produzir o utilitário ix35, cujo modelo importado chega às concessionárias em breve.

A informação foi confirmada ontem com exclusividade ao POPULAR pelo presidente do Grupo Caoa, Carlos Alberto de Oliveira Andrade. Segundo ele, outros R$ 30 milhões serão investidos para finalizar a construção do prédio sede e de um amplo pátio para os carros na fábrica, totalizando R$ 100 milhões em investimentos este ano. O empresário lembra que já foram investidos quase R$ 1 bilhão na fábrica, localizada no Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia).

A unidade ganhará um pavilhão exclusivo para a montagem do caminhão HD de 7 toneladas, que exigirá a contratação de mais 200 funcionários de imediato. A expectativa é produzir 200 unidades mensais do novo caminhão este ano, contra cerca de 3 mil do Tucson e 2 mil do HR.
Carlos Alberto estima que o número de novos empregos em breve deve chegar a mil, com o aumento gradual na produção do caminhão de 7 toneladas. "Íamos construir uma fábrica no Uruguai, mas resolvemos investir mais em Anápolis. O motor do modelo também será produzido no Brasil."

A fábrica, que até junho de 2009 operava com apenas 280 empregos diretos pelo Grupo Caoa, passou a contar com mais de 1.500 para o início da produção do Tucson, em dezembro de 2009. Com os empregos indiretos, o número de trabalhadores na fábrica de Anápolis chega a 2.800.
Produção chega a 60 mil unidades este ano
Este ano, a produção total na unidade de Anápolis da Hyundai deve chegar a quase 60 mil unidades: cerca de 36 mil do Tucson e 22 mil do caminhão HR, que já é 68% nacionalizado e vendido exclusivamente no Brasil. Em 2009, vale lembrar, a produção do HR foi de 8 mil unidades, o que revela a grande expectativa de crescimento do mercado.

O diretor geral da unidade, Akira Yoshikawa, lembra que já foram investidos quase R$ 1 bilhão na fábrica, localizada no Distrito Agroindustrial de Anápolis (Daia).
A unidade ganhará um pavilhão exclusivo para a montagem do caminhão HD de 7 toneladas, que exigirá a contratação de mais 200 funcionários de imediato. A expectativa é produzir 200 unidades mensais do novo caminhão este ano, contra cerca de 3 mil do Tucson e 2 mil do HR.

Carlos Alberto estima que o número de novos empregos em breve deve chegar a mil, com o aumento gradual na produção do caminhão de 7 toneladas. "Íamos construir uma fábrica no Uruguai, mas resolvemos investir mais em Anápolis. O motor do modelo também será produzido no Brasil."
A fábrica, que até junho de 2009 operava comapenas 280 empregos diretos pelo Grupo Caoa, passou a contar com mais de 1.500 para o início da produção do Tucson, em dezembro de 2009. Com os empregos indiretos, o número de trabalhadores na fábrica de Anápolis chega a 2.800.

Produção chega a 60 mil unidades este ano

Este ano, a produção total na unidade de Anápolis da Hyundai deve chegar a quase 60 mil unidades: cerca de 36 mil do Tucson e 22 mil do caminhão HR, que já é 68% nacionalizado e vendido exclusivamente no Brasil. Em 2009, vale lembrar, a produção do HR foi de 8 mil unidades, o que revela a grande expectativa de crescimento do mercado.

O diretor geral da unidade, Akira Yoshikawa, lembra que ainda há muito o que crescer, já que a fábrica foi projetada para produção de 130 mil carros por mês no futuro, o que resultará em 6 mil empregos diretos.
Segundo ele, a mão-de-obra está sendo praticamente toda contratada em Anápolis, graças à parceria com instituições profissionalizantes como o Senai. Mas Akira lembra que a evolução da produção dependerá muito mais da demanda do mercado.

Carlos Alberto Andrade, presidente da Caoa Hyundai, admitiu que a empresa estuda novo grande investimento, que começará a ser feito ainda este ano na unidade de Anápolis, para ampliar a produção dos modelos HR e Tucson. "Hoje, as vendas só não são maiores porque a produção não suporta", explica.
Com isso, o crescimento da demanda pela marca deve ser absorvido pelas vendas dos modelos ix35 e Santa Fé. Com o investimento a ser iniciado, parte da produção dos dois modelos começará a ser exportada. O ix35 deve chegar ao mercado por cerca de R$ 85 mil.

Fonte: O Popular

3 comentários

Write comentários
Anônimo
AUTHOR
24 de junho de 2010 18:13 delete

Sugestão: Coloque um "Fale conosco" no blog para enviar sugestões"

Caravana Brasil apresenta Goiânia a agentes de viagens
http://www.noticiasdegoias.go.gov.br/index.php?idMateria=81551&tp=positivo

Reply
avatar
E. Gyn News
AUTHOR
25 de junho de 2010 10:10 delete

o nosso Email é : goianianocoracaodobrasil@hotmail.com

Reply
avatar
E. Gyn News
AUTHOR
25 de junho de 2010 10:16 delete

Obrigado Pela Sugestão.... Contamos sempre com o Apoio de vocês Leitores.

Reply
avatar