Preta Gil em Goiânia - Noite Preta

11:55 0 Comments A+ a-


Data: 05/03/2010
Local: Moon Black Beer House
Fone: (62) 3093-3339
Site: www.moonblack.com.br

Show completo de Preta Gil pela 1ª vez em Goiânia!

Horário: 23h.

Show com:
- Preta Gil e Banda

Line Up:
- DJ Érica Lins (GYN)
- DJ Aline Ribeiro (BSB)

Valores:
Antecipado - R$ 25,00
Bilheteria - R$ 35,00

- Valores sujeitos a alteração e disponibilidade sem aviso prévio.
- Os valores acima são promocionais.

Postos de Venda:
- Akazzo
- Bar da Help
- Acapulco
- Sete Mares
- Moon Black

Endereço: Av. T-9 com T-29 - Setor Bueno

Mais informações pelo telefone ou pelo site.

Iris anuncia viaduto entre Avenida 136 e Marginal Botafogo

12:19 1 Comments A+ a-


A capital goiana deve receber viaduto entre a Avenida 136 e o início da Marginal Botafogo até outubro deste ano. O anúncio da obra foi feito ontem pelo prefeito Iris Rezende, em companhia do secretário de Desenvolvimento da Região Centro-Oeste, Carlos Henrique Sobral. Parte dos custos da benfeitoria já foi entregue e o restante deve ser repassado em até 45 dias.

De acordo com o prefeito, a licitação para a obra deve ser aberta nos próximos dias e o início depende unicamente da estiagem. “Estamos só esperando o fim do período chuvoso para dar início às obras.” O custo total do viaduto está orçado em cerca de R$ 56 milhões, dos quais R$ 22 milhões já foram entregues em novembro de 2009. O restante, de acordo com o secretário do Desenvolvimento, depende apenas de análises da viabilidade do projeto para a liberação.

Ainda segundo o prefeito, a obra deve dar continuidade aos trabalhos da Avenida 85, onde os viadutos foram indispensáveis para a melhor fluidez do trânsito. “A notícia é muito importante para cidade. Hora de concluir os grandes projetos elaborados para a Marginal Botafogo e que devem ajudar a melhorar o trânsito em Goiânia.” (Vinicius Mamede)

Fonte: Jornal o Hoje

Dia com 25 Horas: Termina Horário de verão Hoje

12:55 0 Comments A+ a-


Moradores do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal devem atrasar seus relógios em uma hora, a partir da meia-noite deste sábado (20). O horário de verão, em vigor desde 18 de outubro de 2009, termina hoje.

De acordo com o Ministério de Minas e Energia, a medida teve o objetivo de reduzir o consumo de energia elétrica entre 18h e 20h no verão e na primavera, com um melhor aproveitamento da luz natural.

A estimativa é de que esta edição do horário de verão tenha levado a uma economia total da energia de 0,5%, o que corresponde a cerca de 490 GWh no Sudeste e Centro-oeste e 136 GWh no Sul. Já a previsão de redução da demanda para esta edição deve ficar em 4,4% nas regiões Sudeste e Centro-oeste, ou seja, 1.780 MW. No Sul, a previsão deve ficar em 4,5% de redução na demanda, o que representa 490 MW.

O balanço oficial dos valores da redução da demanda no horário de pico e do consumo de energia será realizado nas primeiras semanas após o término do horário de verão.

Histórico

Nos últimos dez anos, segundo o Ministério de Minas e Energia, a adoção do horário de verão possibilitou uma redução média de 4,7% na demanda de energia no horário de maior consumo, chamado horário de "pico", que ocorre entre 18h e 21h. Essa redução significa que as usinas deixaram de gerar, no horário de pico da carga, cerca de 2.000 MW a cada ano.

O horário de verão é adotado sempre nesta época do ano por causa do aumento na demanda, resultado do calor e do crescimento da produção industrial às vésperas do Natal. Nesse período, os dias têm maior período com luz solar e essa luminosidade natural pode ser melhor aproveitada.

De acordo com um decreto de 2008, em todos os anos a mudança no horário ocorrerá no terceiro domingo de outubro e terminará no terceiro domingo de fevereiro. Se a data coincidir com o domingo de carnaval, o fim do horário de verão é transferido para o domingo seguinte. Nos anos anteriores, o governo estipulava anualmente o período de vigor do horário de verão.

Fique Atento: A Meia-Noite deste Sábado (20/02) Atrase seu Relógio em 1 Hora

Banco Mundial doa US$ 3 mi a projetos ambientais goianos

12:51 0 Comments A+ a-

Um projeto da Secretaria Estadual do Meio Ambiente - Semarh foi aprovado pelo Global Envirommental Facility – GEF, uma repartição do Banco Mundial de apoio a projetos de proteção ecológica e recuperação ambiental. Isto significa, na prática, que o Estado vai receber uma doação de US$ 3 milhões, o equivalente a R$ 5,46 milhões, pela cotação do dia (o dólar comercial operava hoje, até às 10:45, a 1,83 reais).

O instrumento do contrato já está sob análise da Procuradoria Geral do Estado. Não havendo quaisquer reparos a fazer, o documento será assinado no próximo dia 26 de fevereiro, na sede brasileira do Banco Mundial, em Brasília.

Segundo o secretário do Meio Ambiente, Roberto Freire, este é um projeto de proteção à biodiversidade, elaborado no âmbito do Programa Iniciativa Cerrado Sustentado, desenvolvido em pareceria com o Ministério do Meio Ambiente, com abrangência em todo o Estado de Goiás e no Estado do Tocantins.

Os recursos serão aplicados em dois grandes projetos. O primeiro é o corredor Paraná-Pirineus, que cobre uma vasta área do norte e Nordeste goiano; e o segundo é a Área de Proteção Ambiental – APA do Ribeirão João Leite, visando a preservação das áreas circundantes da Barragem do João Leite.

Roberto Freire diz que os fatores que pesaram na decisão do GEF foram as ações desenvolvidas pelo Estado de Goiás na consolidação dos parques estaduais. Uma delas culminou no pagamento, ano passado, das indenizações aos antigos proprietários rurais do Parque da Terra Ronca, no Nordeste goiano. O Estado investiu mais de R$ 12 milhões para cobrir esta despesa.

Fonte: Goiás Agora

Bielorussos querem Goiás como porta de entrada na América Latina

12:41 1 Comments A+ a-

A missão oficial de Goiás esteve na Polônia e na Bielorússia nesta primeira parte da viagem ao Leste Europeu e encontrou um fator comum nos dois países: a vontade de fechar negócios com o Estado. Hoje, essa intenção ficou clara na visita feita à maior fábrica de caminhões da Bielorússia, que procura uma porta de entrada na América Latina e aposta suas fichas que Goiás pode ser essa porta.

E há uma explicação comercial para isso, a correção de rumos tomados pelo governo bielorruso, que havia fechado acordos com a Venezuela e tem naquele país uma montadora dos caminhões. Mas medidas do governo de Hugo Chavez desagradam o mercado internacional e dificultam a expansão de negócios além da Venezuela. Daí a importância de Goiás no planejamento estratégico comercial da Bielorrúsia.

A vontade de intensificar os negócios ficou evidente na audiência concedida pelo presidente bielorusso, Alexander Lukashenko ao governador Alcides Rodrigues e secretários de Estado que o acompanharam. Há o interesse deles em comprar soja, óleo e farelo de soja para alimentação de aves, gado e suínos, mas há uma disposição ainda maior na formação de parcerias que permitam a instalação de fábricas em Goiás.

As terras férteis de Goiás, a localização estratégica e os incentivos fiscais oferecidos pelo Governo do Estado provocaram mais interesse dos bielorussos. Protocolos de intenção vão ser assinados entre os governos e a movimentação de missões comerciais vai ser intensificada nos próximos meses.

O governador Alcides Rodrigues avalia que as expectativas têm sido superadas em todos os sentidos. O interesse dos poloneses pelo etanol, pela soja e pela carne, pode abrir as portas do mercado europeu para os produtores goianos.

Na Bielorússia foi visitada a maior fábrica de tratores do mundo (o mais barato, com 59 cavalos-força em torno de R$ 20 mil) e de caminhões pesados usado na mineração (o maior deles com capacidade de carga de 280 toneladas chega a custar até U$ 4 milhões) para mineração, os empresários locais foram mais que taxativos na intenção de vender, de fechar parcerias e – para eles o mais interessante – instalar uma fábrica em Goiás.

Amanhã, a comitiva se desloca para Praga, capital da República Tcheca, onde mantém à tarde o primeiro encontro de negócios. A agenda vai ser retomada na segunda-feira, com a mesma intensidade – e, esperam os goianos – a mesma aceitação dos países anteriores.

Fonte: Goiás Agora

Banda Calypso em Goiânia 2010 - Tour 10 Anos

12:24 12 Comments A+ a-

Data: 06/03/2010
Local: Eclipse Show
Fone: (62) 3296-1335

Pista - R$ 20,00
*sem open bar

Extra Vip - R$ 50,00
*Cerveja, refrigerante, água e vodka c/ suco.
*Valores referente ao primeiro lote de ingressos

Ponto de Vendas: Rival Calçados

Black or White - 3ª Edição

12:55 0 Comments A+ a-


Data: 19/03/2010
Local: Oliveira's Place
Fone: (62) 8414-5190
Site: www.cia2.com.br

Horário: 22h30.

Atração Internacional:
- Kevin Barnett | 3plus.talent (House Music)

Line Up:
- DJ Ferris (House Music)
- DJ Mex (House Music)
- L.I.C.A (Hip Hop)

Open Bar de:
- Vodka
- Cerveja
- Água
- Refrigerante
- Sucos
- Buffet de Salgados Finos

Valores:
Ele - R$ 100,00
Ela - R$ 50,00

* Valores acima referentes ao 1º Lote e meia entrada.
* Os valores podem sofrer alteração sem aviso prévio.

Maiores informações pelo telefone de contato.

COMTUR faz planejamento para 2010

12:32 0 Comments A+ a-

Na primeira reunião anual convocada pelo presidente da entidade, Euler Morais, os membros do COMTUR avaliaram o planejamento de atividades e os eventos que podem receber apoio institucional da entidade no ano de 2010. Além disso, os membros do COMTUR ficaram de apresentar sugestões para o aperfeiçoamento da lei que criou o Fundo Municipal de Turismo (Fumtur). Segundo Euler Morais, o Fumtur precisa ter um caráter mais dinâmico para se tornar uma efetiva fonte de recursos para investimentos em projetos de turismo.

Realizado no dia 11 de fevereiro, em uma das salas de reunião do Adress West Side Hotel, no Setor Oeste, em Goiânia, o encontro dos membros do COMTUR serviu também para a apresentação de um relatório de iniciativas empreendidas no ano passado e que devem produzir resultados importantes neste ano.

Segundo Euler Morais, já no próximo mês, o ministro do Turismo, Eduardo Barretto deve vir a Goiânia para participar do lançamento do projeto de remodelação total do Parque Mutirama. As obras serão custeadas por antecipação de recursos da ordem de R$ 56 milhões do Prodetur Nacional Goiânia. Além de brinquedos modernos, o Parque Mutirama vai receber também infraestrutrura de acesso e mobilidade, com viaduto ligando os bosques, sob a marginal Botafogo, e piso adequado para passeios.

Outra boa notícia dada por Euler Morais é a conclusão do processo licitatório para contratação de empresa especializada na fixação de placas de indicação de trânsito direcionadas para o turismo. Uma empresa mineira venceu a licitação que prevê a colocação de cerca de 200 placas indicativas, em inglês e português, a partir das vias federais de acesso a Goiânia, informando aos interessados os caminhos mais adequados para se chegar aos atrativos turísticos de Goiânia, a exemplo do Centro Cívico, onde se localiza a maior parte dos prédios estilo art-déco de Goiânia.

No próximo dia 20 de março, a Secretaria de Turismo de Goiânia deve concluir o processo de licitação para o projeto de estudo de mercado cujo objetivo é identificar áreas em que será possível viabilizar a implantação de novos atrativos turísticos. Esse projeto faz parte do Plano de Desenvolvimento Integrado do Turismo Sustentável (PDITS) previsto como um dos pré-requisitos do contrato com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) no âmbito do financiamento vinculado ao Predetur Nacional Goiânia. "Esse estudo vai clarificar a visão de que é possível incluir Goiânia no cenário do turismo como uma capital de lazer e entretenimento, além de consolidá-la como uma capital de turismo de negócios", explicou o presidente do COMTUR.

Ainda em março, segundo Euler Morais, a realização das comemorações de Natal em Goiânia devem passar por licitação. Espera-se encontrar apoio privado para levar as festas natalinas a pelo menos cinco regioões da Cidade, tendo os parques municipais como palco principal dos eventos. A idéia é conseguir patrocínio suficiente para tornar o Natal em Goiânia um atrativo turístico semelhante ao que acontece em cidades como Curitiba, Gramado e São José dos Campos

Fonte: Secretaria Municipal de Turismo de Goiânia

Belo em Goiânia

12:22 2 Comments A+ a-

Data: 14/04/2010
Local: Atlanta Music Hall
Fone: (62) 3257-7000
Site: www.atlanta.art.br
Lançamento do seu novo CD "Primavera"!

Show: - Belo

Valor Pista:
Meia - R$ 24,00
Inteira - R$ 48,00
* não incluso open bar.

Valor Pista VIP:
Individual - R$ 50,00 (2º Lote)
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

Valor Extra VIP:
Individual - R$ 70,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

Valor Mesas:
Para 4 Pessoas - R$ 200,00
Para 4 Pessoas - R$ 300,00
Para 4 Pessoas - R$ 400,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

Valor Camarote Empresarial:
Individual - R$ 100,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

- Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
- Todas as mesas são para 4 pessoas e seus valores são de acordo com a sua localização.
- O valor do camarote empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Postos de Venda:
- Atlanta Music Hall
- Rival Calçados
- Drogaria Santa Donata
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Banda [+]Hori em Goiânia

12:35 43 Comments A+ a-

Data: 07/03/2010
Local: Atlanta Music Hall
Fone: (62) 3257-7000
Site: www.atlanta.art.br

Direto da Malhação ID
para a Atlanta!

Horário: 19h.

Show:
- Banda [+]Hori

Valor Pista VIP:
Individual - R$ 25,00
* não incluso open bar.

Valor FrontStage:
Individual - R$ 35,00
* incluso água e refrigerante.

Valor Extra VIP:
Individual - R$ 40,00
* incluso água e refrigerante.

Valor Mesas:
Para 4 Pessoas - R$ 200,00
* incluso água e refrigerante.

Valor Camarote Empresarial:
Individual - R$ 60,00
* incluso água e refrigerante.

- Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
- Todas as mesas tem seus valores de acordo com a sua localização.
- O valor do camarote empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Postos de Venda:
- Atlanta Music Hall
- Rival Calçados
- Drogaria Santa Donata
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Mais informações e reservas pelo telefone de contato.

Carnaval de Rua de Goiânia 2010 (12/02 á 15/02)

14:59 2 Comments A+ a-

A Secretaria Municipal de Cultura (Secult) dá inicio a partir de hoje, às 16 horas, ao “Carnaval de Rua de Goiânia”. A programação que começa nesta sexta-feira vai até o dia 15, segunda-feira. Hoje e amanhã, a animação fica por conta dos mais dez blocos carnavalescos e grupos musicais que passaram pela estrutura montada na Av. Araguaia, no trecho entre as avenidas Contorno e Independência. O cortejo dos blocos sairá de frente ao Hotel Holliday, na Rua 4, às 16 horas.

Nos dias 14 e 15, serão realizados os desfiles das escolas de samba da Capital, que começarão às 21 horas. Antes e depois dos desfiles, às 20 e às 23 horas, ocorrerão shows musicais no palco do evento.
Toda a programação é gratuita e contará com estrutura completa para receber o público como arquibancadas, praça de alimentação e banheiros químicos. Segundo a organização do “Carnaval de Rua de Goiânia”, durante os quatro dias de festa a programação será encerrada sempre e pontualmente às 2 da madrugada.
Confira a programação completa do “Carnaval de Rua de Goiânia”:

Sexta-feira (12-02)
A partir das 16 horas – desfiles de blocos
- Bloco Negróide Baque Cerrado
- Baque Sinhô Mascarado (Pirenópolis)
- Maria Bonita (percussão feminina)
- Cia. de Teatro Boca Grande
A partir das 21 horas, show com:
- Grupo de Volta ao Samba
- Grupo Coró de Pau
Sábado (13-02)
A partir das 16 horas – desfiles de blocos
- Cia. Boca em Boca (Anápolis)
- Boca do Lixo (Anápolis)
- Batuque Revolução (Goiânia)
- Bloco do Pequi (Circo Lahetô)
- Bumba meu Boi (Anápolis)

A partir das 21 horas, show com:
- Fat Samba
- Grupo Visual Ilê

Domingo (14-02)
- A partir das 20 horas show com o grupo de Afoxé
- Às 21 horas desfile da Escola Mocidade do Samba
- Às 22 horas desfile da Escola Brasil Mulato
- A partir das 23horas apresentação do Grupo de Frevo e Percussão de Goiás

Segunda-feira (15-02)
- Às 21 horas desfile da Escola de Samba Alá Ás
- Às 22 horas desfile da Escola de Samba Rainha de Goiás
- A partir das 23 horas apresentação do Grupo de Frevo e Percussão de Goiás

Goiânia com 70 edifícios acima de 30 andares

12:45 1 Comments A+ a-


O ''boom'' da construção civil em Goiânia trouxe para a capital 70 edifícios com mais de 30 andares em um periodo de 2006-2009, entre estes estão Lançamentos,em construção e construídos.

Lista com os Edifícios
Colocação-Nome/andares/término da obra

01-Premier Unique 44 andares 2012
02-Winner Sport Life Residence –A 40 andares 2012
03-Winner Sport Life Residence –B 40 andares 2012
04-Essencialle Premier 38 andares 2010
05-Terrazas del Flamboyant 37 andares 2011
06-Eminent – Setor Bueno 37 andares 2010
07-L’essence Platine 36 andares 2011
08-Maginific 35 andares 2010
09-Beautiful Residence 35 andares 2012
10-Jezz LifeStyle 35 andares 2012
11-Visage Universitário 35 andares 2010
12-L’essence Suiça 35 andares 2008
13-Evidence Office 35 andares 2009
14-L’essence du Parc 35 andares 2009
15-Zeus Park House 35 andares 2011
16-Twenty Three Residence 35 andares 2012
17-The One – A 34 andares 2012
18-The One – B 34 andares 2012
19-Borges Landeiro Modernidad –A 34 andares 2010
20-Borges Landeiro Modernidad –B 34 andares 2010
21-Oeste Tower Residence 34 andares 2009
22-L’essence Flamboyant 34 andares 2009
23-L’essence Bueno 33 andares 2009
24-L’essence du Lac 33 andares 2011
25-Residencial Sublime 33 andares 2011
26-Park House Flamboyant –A 33 andares 2011
27-Park House Flamboyant –B 33 andares 2011
28-Borges Landeiro Orient-A 33 andares 2010
29-Borges Landeiro Orient-B 33 andares 2010
30-Borges Landeiro Santorini 33 andares 2011
31-Borges Landeiro Olympus – A 33 andares 2010
32-Borges Landeiro Olympus – B 33 andares 2010
33-Borges Landeiro Athenas 33 andares 2011
34-Premier Du Parc 33 andares 2010
35-Chateau Bouganville 33 andares 2010
36-Brezze LifeStyle 33 andares 2010
37-Sky LifeStyle 32 andares 2010
38-Dream Life Residence 32 andares 2010
39-Residencial Altana 32 andares 2009
40-The Place 32 andares 2010
41-Champ de Mars 32 andares 2011
42-Champion Sport Life Residence-A 32 andares 2012
43-Champion Sport Life Residence-A 32 andares 2012
44-Visage Platine 31 andares 2011
45-Ícone Residence 31 andares 2010
46-Imperador do Park –A 31 andares 2011
47-Imperador do Park –B 31 andares 2011
48-Torre Del Triunfo – A 31 andares 2011
49-Torre Del Triunfo – A 31 andares 2011
50-Twenty Five Park 31 andares 2009
51-Evidence Ville 31 andares 2009
52-Bossa Nova Life Style 31 andares 2010
53-City Hall Park
54-Le Parc 31 andares 2009
55-Sol de la plaza 31 andares 2009
56-Residencial Tadeu Baptista 30 andares 2003
57-Maison Autentique-A 30 andares 2011
58-Maison Autentique-B 30 andares 2011
59-Aquarela –A 30 andares 2011
60-Aquarela –B 30 andares 2011
61-Palazzo Avenazzo 30 andares 2007
62-Tedence Home Resort 30 andares 2009
63-Vaca Brava Park 2010
64-Chateau de Versailles 30 andares 2011
65-Reserva Gran Parc-A 30 andares 2010
66-Reserva Gran Parc-B 30 andares 2010
67-Monte y Sierra - A 30 andares 2010
68-Monte y Sierra - B 30 andares 2010
69-Gran Thriunfo - A 30 andares 2011
70-Gran Thriunfo - B 30 andares 2011

Fonte: Blog Goiânia Vertica

Ferrovia Leste-Oeste será licitada em julho

11:27 0 Comments A+ a-

Em visita técnica aos principais trechos da Ferrovia Norte-Sul em Goiás, o governador Alcides Rodrigues, acompanhado pelo presidente da Valec, Juquinha das Neves, anunciou para julho deste ano a licitação do trecho goiano da Ferrovia Leste-Oeste.

Quando estiver concluída, serão 1.490 quilômetros interligando os estados da Bahia, Goiás e Mato Grosso. O projeto, de responsabilidade da Valec, empresa pública vinculada ao Ministério dos Transportes, está previsto para o PAC II, a ser lançado pelo Governo Federal. A previsão de investimentos é de R$ 6 bilhões até 2012. “Até março deste ano o Governo Federal vai licitar mais 2,2 mil quilômetros de ferrovias”, disse Juquinha.

Segundo estudos feitos pela Valec, a Ferrovia Leste-Oeste vai promover o desenvolvimento das economias locais e gerar aproximadamente 30 mil empregos diretos. Os principais produtos a serem transportados pelos trilhos da ferrovia são soja, farelo de soja e milho, além de fertilizantes, combustíveis e minério de ferro. Outro benefício é a conexão com a malha ferroviária nacional, o que representa o aumento da competitividade dos produtos do agronegócio e a possibilidade de se criar novos polos agroindustriais e de exploração de minérios.

Fonte: Goiás Agora

Lula inaugura Barragem do João Leite amanhã

11:11 1 Comments A+ a-


Uma das maiores obras de engenharia na área de saneamento no Brasil, a Barragem do Ribeirão João Leite vai ser inaugurada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pelo governador Alcides Rodrigues na próxima sexta-feira, dia 12. A solenidade de inauguração acontece a partir das 10 horas, na barragem, que fica na região Norte de Goiânia, junto ao morro do Bálsamo.

A Barragem do Ribeirão João Leite é considerada uma das obras mais importantes da história de Goiânia. Além de garantir o abastecimento de água tratada para a capital, regula a vazão do manancial, podendo atingir até oito mil litros por segundo, o que vai garantir também o abastecimento das cidades da região metropolitana até 2040, com previsão de atender 3 milhões de pessoas.

Após a conclusão da barragem e o início da formação do lago, que aconteceu em dezembro último, a Saneago e o Governo de Goiás já iniciaram a construção das adutoras de água bruta e tratada, elevatórias e da Estação de Tratamento de Água - ETA, que completam o Sistema Produtor de Água João Leite.

Referência para o BID
Na barragem do João Leite foram investidos R$ 188 milhões, incluindo as desapropriações e os 34 programas ambientais. Já nas outras obras (ETA, adutora de água bruta, adutora de água tratada e elevatórias) estão sendo investidos R$ 183 milhões. Metade do valor investido na barragem foi financiado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID e o restante veio de recursos próprios da Saneago, do Estado e do Orçamento Geral da União.

Na construção da barragem foi utilizado o que há de mais moderno em tecnologia da construção civil, o CCR (Concreto Compactado com Rolo). A obra também tem sido referência do BID para outras obras semelhantes em todo o mundo, financiadas pelo banco, principalmente no que se refere aos projetos ambientais.

Fonte: Goiás Agora
Imagens: Saneago




Fest Riso Goiânia : A Divina Comédia - Stand Up

11:46 0 Comments A+ a-

Depois do sucesso do lançamento do festival em Janeiro com casa lotada no Teatro Rio Vermelho com Felipe Andreolli (CQC). O 1º Fest Riso Goiânia, apresenta “A DIVINA COMÉDIA – Stand UP” com Felipe Hamachi, Maurício Meirelles e Rogério Morgado, dias 27 e 28 de Fevereiro no Teatro Católica (PUC/GO).

Datas: 27 e 28 de Fevereiro
Gênero: Standy Up Comedy
Duração: 70 minutos.
Horário: 20 horas

Ingressos: Meia R$ 30,00 – idosos, estudantes, professores ou qualquer pessoa que levar 2 kg alimentos na hora do espetáculo.

Não recomendado para menores de 14 anos

Teatro Católica (PUC/GO)
Endereço: Avenida Fued José Sebba, Nº 1184, Jardim Goiás"
Fone: 3515 1124 / 8163 9287

Ingressos a venda na bilheteria do teatro
Bazar Paulistinha (Flamboyant) tel 3515 1124
Livraria Leitura (Goiania Shoping) tel 3942 0121
Tribo Restaurante
Komiketo Sanduicheria tel 3255 4040

Release: A Divina Comédia Stand Up

Snopse:

“A Divina Comédia Stand Up” é composto pelos humoristas Felipe Hamachi, Maurício Meirelles e Rogério Morgado, é o show de Stand Up Comedy mais comentado do Brasil. Tanto que em menos de um ano em cartaz, lotou todas as apresentações com um público estimado de 20 mil pessoas. Sucesso de público e crítica, o espetáculo apadrinhado por Danilo Gentili do CQC, reúne três do melhores humorista da atualidade.

Sempre com convidados especiais, os humoristas se revezam no palco e mostram um repertório cômico, fazendo de cada apresentação um espetáculo único. Nomes como Sérgio Mallandro, Marco Luque, Rafael Cortez e Warley Santana iniciaram suas carreiras no Stand-up com shows no A Divina Comédia Stand Up.

Em comum, antes de partirem para o ataque, os três humoristas fazem troça de si mesmos, seguindo a regra da autodepreciação na comédia stand-up. Enquanto Felipe Hamachi costuma abrir a noite com piadas pouco lisonjeiras sobre sua origem nipônica, Maurício Meirelles brinca com o fato de ser carioca, Rogério Morgado fala sobre sua gordura.

Portanto, é mesmo imperdível deixar de conhecer esse trio que tanto sucesso está fazendo pelo Brasil.

Corra, porque do jeito que vão indo, muito brevemente eles seguirão por caminhos solos.
Faz parte do show.

Confira:
Rogério Morgado : http://www.youtube.com/watch?v=4tOOknvSnO8
Felipe Hamachi: http://www.youtube.com/watch?v=WizFdqd0dms&feature=related
Maurício Meirelles: http://www.youtube.com/watch?v=12wPBeS_X-s&feature=related

Aparecida de Goiânia Infraestrutura recebe reforço

11:17 2 Comments A+ a-


Lourdes Souza

Uma parceria com o governo federal permitirá à Prefeitura de Aparecida de Goiânia intensificar o recapeamento nas ruas de 48 bairros após o período chuvoso. O repasse de R$ 22 milhões garantirá investimentos em infraestrutura, com contrapartida R$ 2,5 milhões. O pacote de obras contempla também a construção de ponte na Avenida V-5, no Setor Vera Cruz, e da instalação de galeriais pluviais e drenagem no Jardim da Luz e Maria Inês.

Ao todo serão três convênios, que foram assinados pelo prefeito Maguito Vilela e o gerente regional da Caixa Econômica Federal, Edivalde Ribeiro do Prado, na quarta-feira, 3. Os acordos são oriundos de projetos de 2009, com execução prevista para este ano. Os recursos devem ser liberados na próxima semana pelo banco. Segundo Edivalde Ribeiro, os processos já estão em condições de liberação, dependendo apenas de pequenas questões técnicas.

A expectativa do secretário de Infraestrutura, Mário Vilela, é de que as obras de recapeamento do asfalto comecem em abril. Os reparos na pavimentação devem atingir uma extensão de 110 quilômetros, sendo que os primeiros bairros a receber as obras serão escolhidos conforme a situação da malha viária.

Atualmente, Mário Vilela diz que entre os bairros com a pavimentação mais deteriorada estão Papillon Park, Vila Brasília e Cidade Vera Cruz. Segundo ele, o levantamento da situação de cada região está sendo realizada para a execução das obras, que deve se prolongar por quatro meses. Para o prefeito Maguito Vilela, os investimentos em asfalto vão fortalecer a economia e a qualidade de vida da população local. Durante a solenidade de assinatura do convênio, ele afirmou que, além da geração de empregos, de riquezas para a cidade, as obras são importantes porque ainda vão trazer economia para o município. “Hoje, estamos gastando muito com a operação tapa-buracos e o recapeamento é a melhor solução para várias ruas e avenidas da cidade. Tudo isso terá benefícios também para a saúde, pois ajudará a eliminar um pouco da dengue e outras doenças.”

A construção da ponte na Avenida V-5, que liga o conjunto Vera Cruz e a Cidade Vera Cruz, deve se iniciar em 40 dias. O secretário de Infraestrutura, Mário Vilela, diz que o processo licitatório está sendo realizado e o projeto receberá R$ 772 mil, sendo R$ 592 mil do governo federal e R$ 180 mil do município. Segundo ele, a obra liberará o fluxo de veículos no local, já que toda a extensão da via, exceto a ponte, já foi duplicada. Nos bairros Maria Inês e Jardim da Luz, as obras de implantação de galerias pluviais e drenagem estão em fase final.

Com o adiantamento destas obras, os dois bairros também começaram a receber a pavimentação das ruas. Segundo Mário Vilela, foram investidos cerca de R$ 2 milhões de verbas do município para o asfalto. Ele comenta que a previsão é de que esta obra, assim como outras em andamento na cidade, seja inaugurada a partir de abril.

Em relação ao recapeamento e a construção da ponte, a previsão da prefeitura é de que até julho tudo esteja concluído. Maguito Vilela comenta que, além destas obras, há ainda R$ 10 milhões de emendas parlamentares que devem ser liberados ainda neste ano. “Quero continuar contando com a colaboração do governo federal e também do governo estadual para conseguir cumprir nossas metas”, diz. Segundo ele, os investimentos em obras de galerias pluviais são fundamentais porque fazer asfalto sem galerias é como jogar o dinheiro do povo fora. “Estamos fazendo a coisa correta, do ponto de vista da engenharia e do meio ambiente”, disse.

A parceria firmada em Aparecida de Goiânia se repete em outras cidades do País. O gerente regional da Caixa Econômica Federal, Edivalde Ribeiro do Prado, diz que o governo federal, via Caixa, está fazendo um trabalho ordenado com 58 prefeituras. “ Com esses recursos, do município e do governo federal, a população terá mais qualidade de vida, saúde, cidadania”.

Confira as obras


Construção da ponte V-5, no setor Vera Cruz

* Repasse da União R$ 592.000,00
* Contrapartida do município R$ 180.000.00
* Valor Global da obra 772.000,00

Recapeamento de 48 bairros

* Repasse da União R$ 9.750.000,00
* Contrapartida do município R$ 500.00,00
* Valor Global R$ 10.250,00

Drenagem e construção de galerias pluviais – Jardim Luz e Maria Inês

* Repasse da União R$9.180.00,00
* Contrapartida do município R$ 1.819.534,00
* Valor Global R$ 10.999.524,00

Fonte: Tribuna do Planalto

Festa da Fantasia 2010 - Goiânia - 15 Anos

12:38 87 Comments A+ a-

Data: 24/04/2010
Local: Goiânia Arena

Skol Apresenta:
15 Anos de uma Balada Inesquecível!

Horário: 22h30.

Atrações:
- Jesus Luz
- Leilah Moreno
- Marlboro
- Hand's Up
- Fabrício Peçanha
- Paciornik

Line Up:
- Renato Borges
- Mex
- Rafael Ramalho
- André Pulse


:: ÁREA VIP - OPEN BAR ::

Estrutura:
- Incluso vodka, cerveja, água, refrigerantes, sucos e salgados finos.
- 2 megas pistas de dança: Skol Arena e Fantasy Arena, onde se apresentam os melhores DJ's do Line Up.
- Lounge para descanço e relaxamento.
- Lanchonetes especializadas.
- 5.000m2 de área coberta.

Valores:
Ele - R$ 80,00
Ela - R$ 60,00

- Os valores acima são referentes à meia entrada.
- O valor do convite feminino é promocional.

:: CAMAROTE - OPEN BAR ::

Estrutura:
- Incluso whisky 8 anos importado, vodka importada, cerveja, água, refrigerantes e sucos.
- Restaurante com serviço completo de jantar, salgados finos, sanduíches, pizzas, sorvetes e bombons.
- Entrada exclusiva.
- Bares e banheiros exclusivos.
- Salão de beleza exclusivo e SPA.
- SET's exclusivos dos melhores DJ's.
- Lounge para descanço e relaxamento.
- 3.000m2 de área coberta.

Valores:
Ele - R$ 250,00
Ela - Esgotados os Ingressos Femininos

- Os valores acima são referentes à meia entrada.
- O valor do convite feminino é promocional.

Postos de Venda:
- Trupe do Açaí
(Av. 136)
- Yakimaki Temakeria
(62) 3215-1200

Informações Importantes:
- 1º Lote válido para compra antecipada até 15 de Março ou até o lote se esgotar, o que ocorrer primeiro.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.
- Os portões serão abertos às 22h30, chegue cedo e evite filas.
- Compre seus ingressos nos postos de venda autorizados e evite falsificações.
- Segurança especializada e Polícia Militar com viaturas na área externa.
- Ambulâncias e para-médicos no local.
- Censura no camarote de 18 anos, proibido o consumo e venda de bebidas alcoólicas para menores de 18 anos.
- Não use drogas, tolerância zero, e se beber não dirija!

Maiores informações pelo telefone de contato ou pelo site oficial.

Zeca Pagodinho em Goiânia

12:28 0 Comments A+ a-

Data: 27/03/2010
Local: Atlanta Music Hall
Fone: (62) 3257-7000
Site: www.atlanta.art.br

O Cantor Mais Popular do Brasil!

Show:
- Zeca Pagodinho


Valor Pista:
Meia - R$ 19,00
Inteira - R$ 38,00
* não incluso open bar.

Valor Pista VIP:
Individual - R$ 40,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

Valor Extra VIP:
Individual - R$ 120,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

Valor Mesas:
Para 4 Pessoas - R$ 500,00
Para 4 Pessoas - R$ 600,00
Para 4 Pessoas - R$ 800,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

Valor Camarote Empresarial:
Individual - R$ 150,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

- Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
- Todas as mesas são para 4 pessoas e seus valores são de acordo com a sua localização.
- O valor do camarote empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Postos de Venda:
- Atlanta Music Hall
- Rival Calçados
- Drogaria Santa Donata
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Mais informações e reservas pelo telefone de contato.

Presidentes do Leste Europeu vão receber Alcides

12:13 0 Comments A+ a-


Durante a missão que o Governo de Goiás vai realizar no Leste Europeu, o governador Alcides Rodrigues será recebido pelos presidentes da Ucrânia, República Tcheca e da Bielo-Rússia. A informação foi confirmada hoje durante café da manhã oferecido aos embaixadores no Brasil da Ucrânia, Volodymyr Lakomov, da República Tcheca, Ivan Jancarek, e da Polônia, Jacek Junosza. Os três representantes conversaram com Alcides, falaram das potencialidades e interesses de cada país e receberam como presente um livro sobre a história e economia do Estado.

Pela primeira vez, a Polícia Federal vai integrar uma missão governamental. O delegado Luciano Dornelas vai participar da viagem e tratar do tráfico de seres humanos, ainda grande para estas regiões. Alcides Rodrigues está otimista quanto aos resultados práticos desta missão: “Teremos audiência com presidentes de três países, o que só confirma a seriedade com a qual somos tratados por estas autoridades”. “Temos uma política internacional diferenciada, feita por pessoas sérias e que trabalharam muito para que esta missão seja realizada”, reitera.

Embaixador da Ucrânia, Volodymyr Lakomov disse que acordos para serem firmados com Goiás estão prontos. “Não só na área de fertilizantes, mas também há projetos de importância mundial”, disse. A Ucrânia é o maior país da Europa, composto por 24 províncias, e é o quinto país mais populoso do continente. É grande produtor de fertilizantes. Nitrato de Amônio e ureia são os itens mais exportados para o Brasil.

Embaixador da República Tcheca, Ivan Jancarek disse que a visita do governador será o segundo passo para fortalecer a relação comercial entre Goiás e o País. Em outubro, o secretário da Indústria e Comércio, Luiz Medeiros, esteve na República Tcheca, dando o passo inicial. “República Tcheca é membro da União Europeia, tem localização privilegiada, o que abre o mercado da Europa para Goiás”, explicou. “É um país industrial, mas precisamos de soja e etanol, o que podemos comprar daqui”, acrescentando ainda que negócios no setor de carne e açúcar ainda podem ser firmados.

A comitiva goiana, chefiada pelo governador e formada por secretários de Governo, prefeitos, empresários e pelos reitores da UEG e UFG, deixa o Brasil no sábado, dia 13, e volta no dia 26 de fevereiro. A programação começa pela Polônia, na cidade de Poznan e, em seguida, Varsóvia. No dia 18, está prevista a chegada do grupo em Minsk, capital da Bielo-Rússia, onde ficam até o dia 20. A comitiva segue para Praga, capital da República Tcheca, onde permanece até dia 23. O próximo destino será Kiev, na Ucrânia, onde a missão fica até o dia 25, quando retorna ao Brasil.

Fonte: Goiás Agora

Chiclete com Banana em Goiânia - Nana Fest

11:27 65 Comments A+ a-

Data: 20/03/2010
Local Inédito: Br 153 (em Frente ao CEL da OBA)
Hora: 22hrs

Show Chiclete com Banana
Participação: Enzo e Henrique
Dj’s: Mex e Rafael Ramalho

Área Vip c/ Abada:
R$30,00

Extra Vip Open Bar com Abadá:
(Cerveja, Agua, refri, Vodka Orloff, Suco)
Feminino: R$50,00
Masculino: R$80,00

Camarote Open Bar com Abadá:
(Limitado somente 2000 convites)
(Cerveja, Agua, Refri, Suco, Vodka, Champagne, Whisky Importado)
Feminino:R$100,00
Masculino:R$150,00

Postos de Vendas:
Tribo
Bobs
Taurino
iupex.com
Nobel (Anápolis)
Fun Tour (Brasília)
Aloha (Brasília)

Realização:
Nobel
Grupo Up Music
Conceito
G4
Vanilson Bueno

SGPA já anuncia locação de áreas para a 65ª Expo - Goiás

12:42 0 Comments A+ a-


A locação de áreas para montagem de estandes para a 65ª Exposição Agropecuária de Goiás, para o período de 15 a 31 de maio, já pode ser feita na sede da Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA), entidade promotora do tradicional evento no Parque de Exposições Dr. Pedro Ludovico Teixeira, em Goiânia. Ao dar esta informação, o diretor administrativo da entidade, Pedro Alves de Oliveira, observou que a Exposição Agropecuária de Goiás “constitui um dos maiores eventos do agronegócio do Brasil e o maior do Centro-Oeste”.

A mostra atrai mais de 700 mil pessoas no seu período. Ao fazer parte desse grande evento, a marca exposta “ganha a visibilidade dos esforços da mídia da exposição aliada à repercussão nos veículos de comunicação e pelos formadores de opinião”, constata Pedro Alves de Oliveira.

No ano passado, a exposição de maio propiciou um alto volume de negócios, superior a R$60 milhões. A Expo - Goiás promove nas duas semanas mega-shows musicais, rodeio internacional PBR, leilões de animais e programas como a Alameda Cultural, o Museu Agropecuário, o Projeto Escola e uma série de palestras técnicas destinada aos expositores.

A perspectiva na área pecuária é de cerca de cinco mil animais, entre bovinos, eqüinos, suínos, capriovinos, aves e pequenos animais.

Cotas de patrocínios
A SGPA criou cotas para montagem de estandes dos patrocinadores Master, Gold e Silver. A Cota Patrocinador Master consiste na ocupação de espaço físico, assinatura de mídia eletrônica de 500 inserções nas principais emissoras de televisão de Goiânia, 6 mil inserções nas principais emissoras de rádio de Goiânia, comerciais no telão ao lado do palco nos dias de shows e inserções ainda na rádio interna do parque. Há ainda inserções na mídia impressa, bandeira com a logomarca na abertura do rodeio, entre outros eventos, além de merchandising na arquibancada e locais de shows e julgamentos de bovinos e eqüinos.

A Cota Patrocinador Gold objetiva também aproveitamento de áreas para montagem de estandes do patrocinador, mídia eletrônica e bandeira com logomarca na abertura do rodeio, citações do nome do patrocinador pelos narradores durante o rodeio, entre outros aspectos.

Cota Patrocinador Silver consiste também na concessão de área para montagem de estande, aproveitamento da mídia eletrônica, rodeio, credenciais para expositores, serviços e estacionamento.

Maiores detalhes: 62.3269.6800 (PABX)
ou o Departamento Comercial: 62.3269.6818/6819
ou pelo e.mail: comercial@sgpa.com.br

Logo Postarei as Grades de Shows da Pecuária 2010
Aguardem.. Assim que Divulgarem, Eu Postarei no Blog.

Sete municípios Perdem Subsídio na Tarifa de Ônibus

12:27 0 Comments A+ a-

Medida votada pela câmara deliberativa entra em vigor no sábado e atingirá 26 mil passageiros que usam o Eixo Anhanguera

Usuários do Eixo Anhanguera de sete municípios da Região Metropolitana de Goiânia (RMG) passarão a pagar tarifa cheia, no valor de R$ 2,25, a partir do próximo sábado. Eles se juntam aos passageiros de outros dez municípios da Grande Goiânia (veja quadro) que já pagavam a tarifa normal.

A medida foi autorizada pela Resolução 064 da Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC), em 11 de novembro do ano passado, e atingirá diariamente cerca de 26 mil passageiros que atualmente pagam o equivalente a R$ 1,125 (metade da tarifa).

A Metrobus, empresa estadual que tem a concessão da linha do Eixo Anhanguera, está realizando adequações nas 19 plataformas instaladas ao longo dos 13,5 quilômetros da linha para a cobrança da complementação tarifária, a partir de sábado.

O presidente da Metrobus, Francisco Gedda, explica que haverá mudanças nas bilheterias e que os passageiros não entrarão mais direto para a área de embarque das plataformas, sem passar pelas catracas, como acontece atualmente.

Gedda calcula que só com o subsídio dos passageiros desses municípios a Metrobus gasta, atualmente, R$ 740 mil por mês. Terão de pagar complementação moradores de Goianira, Brazabrantes, Santo Antônio de Goiás, Bonfinópolis, Senador Canedo, Aparecida de Goiânia e Trindade.

Reações
As adequações que estão sendo feitas nas bilheterias das plataformas do Eixo Anhanguera já provocam reações por parte de usuários, que reclamam das filas que se formam, especialmente nos horários de pico. “Antes havia uma catraca para quem pagava com sitpass (bilhete eletrônico), que agora foi bloqueada e não há mais vendedores do lado de dentro para pagamento em dinheiro”, protesta a auxiliar de escritório Solirian Cândida de Almeida, que todos os dias embarca e desembarca na estação da Rua José Hermano com a Anhanguera, em Campinas.

“Agora até mesmo quem paga com sitpass tem de repassar o bilhete para o funcionário da bilheteria e só depois ele libera”, explica Solirian. A vendedora Keila Pinheiro relata que está chegando mais tarde em casa depois da mudança na bilheteria. “Os ônibus continuam passando com intervalos curtos e em número suficiente. O problema é que nós não conseguimos entrar rapidamente na estação para pegá-los”, diz.

Para o presidente da Metrobus, a decisão da CDTC faz justiça ao unificar as tarifas. “Por que só os moradores desses municípios contavam com esse subsídio?”, questiona Francisco Gedda, lembrando que os usuários de Bela Vista, há cinco anos, pagavam tarifa de R$ 4,80 e agora todos os 17 municípios da Grande Goiânia pagarão o mesmo valor, R$ 2,25. “Não é justo que um morador de uma cidade a 50 quilômetros pague o mesmo que o de Goiânia”, avalia.

Goiânia
Gedda destaca que a retirada do subsídio para esses municípios não é uma ação do governo estadual, por meio da Metrobus. “É uma decisão da Câmara Deliberativa, onde prefeitos de outros municípios têm direito a voto e a Prefeitura de Goiânia tem quatro votos”, disse. A medida não altera os usuários de Goiânia, que continuarão pagando meia tarifa no Eixo Anhanguera (ou R$ 1,15 para pagamento em dinheiro).

O presidente da Companhia Metropolitana de Transportes Coletivos (CMTC), Marcos Massad, informa que tinha conhecimento sobre o início da cobrança de complementação tarifária, mas esclarece que a companhia não interfere na composição de tarifas. Conforme diz, a companhia tem o papel de fiscalizar a execução do serviço prestado para saber se está correta.

Medida havia sido revelada em junho
A notícia de que os usuários do Eixo Anhanguera de Goianira, Brazabrantes, Santo Antônio de Goiás, Bonfinópolis, Senador Canedo, Aparecida de Goiânia e Trindade teriam de pagar complementação de tarifa já havia sido dada pelo POPULAR no dia 17 de junho de 2009. A reportagem mostrou que a Metrobus já havia decidido retirar o subsídio e estava instalando catracas em todos os terminais.

Fonte: O Popular

Prefeito e Governador vão Discutir Concessão do Eixo Anhanguera

12:25 0 Comments A+ a-


O pedido da Metrobus para prorrogação da concessão do Eixo Anhanguera por 20 anos, renovável por mais 20 anos, continua parado na Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC) da Região Metropolitana de Goiânia, onde foi apresentado em agosto do de 2009.

As discussões avançaram pouco no ano passado, houve um desentendimento sobre a quem pertence o patrimônio da empresa (Estado e Município reivindicam os bens) e ficou acertado que o assunto será decidido politicamente, entre o governador Alcides Rodrigues e o prefeito Iris Rezende. “Estamos aguardando o acerto entre eles”, diz o presidente da CMTC, Marcos Massad. “Pessoalmente, já presenciei o prefeito sugerir umas cinco vezes ao governador que resolvam logo o assunto”, diz.

A concessão da Prefeitura de Goiânia para a Metrobus vencerá em 31 de dezembro deste ano. A Metrobus apresentou o pedido de prorrogação, mas a CMTC quer condicioná-lo à garantia de que serão feitos os investimentos necessários no Eixo Anhanguera, que diariamente transporta entre 180 e 200 mil usuários.

Só com ônibus serão necessários cerca de R$ 120 milhões. Para a expansão da linha até o Jardim das Oliveiras, em Senador Canedo, e o Conjunto Vera Cruz, na saída para Trindade, serão necessários entre cerca de R$ 220 milhões”.

Fonte: O Popular

Festa do Barão de Goiânia

13:20 2 Comments A+ a-


Data: 27/2/2010
local: Estancia Santa Catarina
telefone: 6284024839/6299789395
site: www.festadobaraogoiania.com.br

Local Inédito:
Estancia Santa Catarina (Saida Para Rio Verde, 300 Mts Após o Eclipse a Direita)

A Parir das 22hs

Atrações
Crossover Live! (Tune)
+
Thiago Mansur (Pink Elephant)

Warm Up:
Daniel Arantes

Open Bar:
-Vodka Absolut
-Chamapgne Muum
-Cerveja Heinkenn e Sol
-Refrigerantes Coca Cola
-Água
-Café da Manhã

Ingressos Limitados de 1 Lote:
Feminino: 50 / Masculino: 100

*Lounge Vip P/ 10 Pessoas*

-Espaço Exclusivo e Diferenciado com:
1 garrafa de Vueve Clicquot brut Champagne
1 garrafafa de Vodka Grey Goose
1 garrafa de Whisky Chivas
1 pack com 12 Energéticos Burn
6 convites femininos + 4 convites masculinos
Pelo tel: 62-78128992

Organização:
André
Carlos Junior
Daniel Arantes
Gauthier
Rafael Carvalho

Postos De Vendas:
-Lojas Calvin Klein
-Burger King
-Organizadores
-Tele Entrega: 62-99789395

Venda on Line:
Www.festadobaraogoiania.com.br
Www.iupex.com

Informações: 62 - 84024839

Ivete Sangalo em Goiânia

13:08 9 Comments A+ a-

Data: 13/03/2010
Local: Atlanta Music Hall
Fone: (62) 3257-7000
Site: www.atlanta.art.br

A Musa do Axé!
Show:
- Ivete Sangalo

Valor Pista:
Meia - R$ 39,00
Inteira - R$ 78,00
* não incluso open bar.

Valor Pista VIP:
Individual - R$ 80,00 3° Lote
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

Valor Extra VIP:
Individual - R$ 150,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

Valor Mesas:
Verdes - R$ 600,00
Azuis - R$ 800,00
Amarelas - R$ 1.000,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

Valor Camarote Empresarial:
Individual - R$ 250,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

- Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
- Todas as mesas são para 4 pessoas e seus valores são de acordo com a sua localização.
- O valor do camarote empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Postos de Venda:
- Atlanta Music Hall
- Rival Calçados
- Drogaria Santa Donata
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Mais informações e reservas pelo telefone de contato.
Promoção:
Acesse o site da Atlanta Music Hall e concorra a ingressos para o show!


Zé Ramalho em Goiânia

12:51 0 Comments A+ a-

Data: 27/02/2010
Local: Atlanta Music Hall
Fone: (62) 3257-7000
Site: www.atlanta.art.br

Uma Voz Inconfundível!

Show:
- Zé Ramalho

Valor Pista:
Meia - R$ 30,00
Inteira - R$ 60,00
* não incluso open bar.

Valor Extra VIP:
Individual - R$ 100,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

Valor Mesas:
Verdes - R$ 250,00
Azuis - R$ 300,00
Amarelas - R$ 400,00
* incluso cerveja, água, refrigerante e vodka com suco.

Valor Camarote Empresarial:
Individual - R$ 100,00
* incluso cerveja, água, refrigerante, vodka com suco, whisky 8 anos e buffet de frios e caldos.

- Todos os valores acima são referentes ao 1º Lote.
- Todas as mesas são para 4 pessoas e seus valores são de acordo com a sua localização.
- O valor do camarote empresarial é de acordo com a capacidade de cada camarote.
- Valores sujeitos a alteração sem aviso prévio.

Postos de Venda:
- Atlanta Music Hall
- Rival Calçados
- Drogaria Santa Donata
- Tkts Express
(62) 8406-4949

Mais informações e reservas pelo telefone de contato.

Ever Green Fest - Goiânia

12:38 0 Comments A+ a-


Data: 06/03/2010
Local: Haras Luar (Saída para Rio Verde)
Fone: (62) 8410-3541, (62) 7811-3770 e (62) 8159-2816
Site: www.evergreenfest.com

Grow Your Mind.
Green The World.

Horário: 22h.

O haras mais glamouroso de Goiânia te convida para mais uma Super Balada V.I.P. Luxo, requinte, sofisticação e respeito ao meio ambiente, isso é Ever Green!

Atrações:
- DJ Mário Fischetti (3plus)
- DJ Luca di Napoli (Pacha Búzios)
- DJ Mex (House Garden)
- DJ Rafael Ramalho (House Garden)
- VJ Fabinho

Open Bar:
- Vodka
- Cerveja
- Refrigerante
- Água

Ingressos:
Ela - R$ 40,00*
Ele - R$ 80,00*

* Valores acima referentes a meia entrada e 1º lote.
* Valores sujeito a aumento sem aviso prévio.
* O 1º lote é válido até 27/02/2010.

Camarotes:
- Apenas para grupo de amigos
- Reservas pelo (62) 8410-3541

Mais informações pelos telefones de contato ou pelo site.

Terminal do Garavelo vai ser reconstruído

11:38 0 Comments A+ a-


Prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela se reúne com presidente da CMTC, Marcos Massad, para tratar da reforma que deve começar em março

O prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela, recebe o presidente da CMTC, Marcos Massad
O prefeito Maguito Vilela (PMDB) recebeu no fim da tarde de ontem (1º), em seu gabinete, o presidente da Companhia Metropolitana de Transporte Coletivo (CMTC), Marcos Massad. A visita foi para inteirar o prefeito sobre o andamento das obras nos terminais Garavelo e Veiga Jardim. “Tratamos das providências necessárias para melhorar, ampliar e suprir a demanda destes terminais o quanto antes”, pontuou Maguito Vilela.

O presidente da CMTC ressaltou que o projeto para a reforma do Terminal Garavelo está totalmente aprovado e deve começar nos próximos dias. “Já estamos fazendo a limpeza da área e vamos colocar tapume nos próximos dias para começar a obra o quanto antes, mais possivelmente no início de março, assim que o terminal provisório ficar pronto”, destacou Massad.

À exemplo do que ocorreu no Terminal do Cruzeiro, uma área próxima ao Garavelo também está sendo negociada para abrigar temporariamente o embarque dos passageiros durante a obra, que deve durar quatro meses. O prazo um pouco maior é necessário porque o terminal será totalmente refeito. “O Garavelo vai ficar mais moderno que o Cruzeiro porque ele será um terminal novo, não vamos reaproveitar nada. Toda a estrutura vai ao chão e será refeita”, frisou o presidente da CMTC.

Após a obra, orçada entre R$ 5 e 6 milhões, de acordo com a CMTC, o Terminal Garavelo ficará com o dobro do tamanho atual. “Adquirimos seis lotes, por meio de desapropriação, para poder ampliar a área total da estação. A CMTC pagou os lotes, mas tivemos todo o apoio da prefeitura nesse processo burocrático. O prefeito Maguito tem sido um grande parceiro”, pontuou Massad. “Todo o empenho da prefeitura é indispensável para que a população de Aparecida possa ter um transporte adequado”, rebateu Maguito.

Terminal Veiga Jardim
Quanto ao Terminal Veiga Jardim, a CMTC informou que o projeto está em fase de desapropriação de áreas vizinhas. “Estamos fazendo uma desapropriação e desafetação de outra área para poder ampliar o Veiga Jardim também. Inclusive trouxemos esse material para que o prefeito possa acompanhar o andamento de todo o processo. O Veiga Jardim está no final e no início do município de Aparecida, no corredor norte-sul. Então vamos adequá-lo, para quando iniciarmos o corredor norte-sul, sua reforma já estar em andamento”, finalizou Marcos Massad.

Fonte: Diário da Manhã

Epidemia de dengue em Goiás

11:34 0 Comments A+ a-



Autoridades alertam: casos de dengue em Goiânia aumentaram 439% nas três primeiras semanas de 2010
Lourdes Souza

Uma epidemia de dengue atinge as cidades goianas desde o início do ano. Em 142 municípios foram registrados casos da doença, sendo que em 18 a situação é de alto risco. O último balanço da Secretaria Estadual de Saúde (SES) mostra que 9.141 pessoas tinham contraído a dengue no Estado até o dia 23, sendo que quatro morreram, três na Capital e outro em Aparecida de Goiânia. Outras quatro mortes suspeitas, duas em Goiânia, Nova Veneza e Aragarças, estão em investigação. Ao se comparar as três primeiras semanas deste ano com o mesmo período de 2009, constata-se que as contaminações aumentaram 439,93%.

Mais da metade dos casos estão concentrados em Goiânia e Aparecida de Goiânia, as cidades mais atingidas pela dengue até o momento. Juntos, os dois municípios contabilizam 6.115 pessoas contaminadas e as quatro mortes confirmadas. Goianira é a terceira cidade com mais casos, 457, seguida de Campos Belos com 327 e Senador Canedo, 261.

O avanço nos casos deixa as autoridades de saúde em alerta. Uma operação emergencial contra a doença se iniciou na última segunda-feira, 25, após reunião entre o governador Alcides Rodrigues, secretária estadual de Saúde, Irani Ribeiro, e prefeitos e secretários de Goiânia e região Metropolitana.

Denominada 'Operação de guerra contra a dengue', a ação foi iniciada em Aparecida de Goiânia, que até agora registrou 1.382 contágios da doença, mais que o dobro do ano passado. Na cidade, as equipes visitaram dez bairros, nesta última semana, com o apoio de 77 homens do Exército.

Na quinta e sexta-feira passadas, os esforços foram concentrados no Alto Paraíso, Madre Germana e bairro Cardoso, onde o gerente de Endemias do município, Raimundo Nonato de Miranda, e homens do Exército vistoriam as residências e lotes baldios. Na semana passada, a operação foi intensificada com visitas a dez bairros, entre eles Garavelo, Garavelo Park, Jardim Tropical, Buriti Sereno, Veiga Jardim, Colina Azul, Jardim Tiradentes. Ao todo 14 bairros foram visitados na cidade desde a segunda semana de janeiro.

O gerente de Endemias diz que as ações de combate à dengue foram reforçadas há duas semanas e vão continuar nos próximos dias. Na cidade, os bairros com maiores incidências da doença são Garavelo, com 113 notificações, e Buriti Sereno, 86. Além do apoio de 77 homens no Exército, a cidade recebeu quatros carros de fumacê e um caminhão para coleta de pneus.

Com o apoio do Exército também foi montada uma tenda para acolhimento e reidratação de pacientes no Cais do Garavelo. Na sexta-feira, Vanessa Vaz de Souza e Maria Barbosa foram atendidas no local, onde tomaram soro no período da manhã. O diagnóstico das duas era dengue.

O secretário de saúde de Aparecida, Rafael Nakamura, diz que a estrutura para atendimento foi ampliada para atender os casos de dengue, que lotam os postos de saúde. O plantão passou a contar com mais sete médicos e os laboratórios das unidades de saúde passaram a funcionar 24 horas.

População
O aumento no número de casos de dengue fez com que as autoridades pedissem o apoio da população nas ações preventivas. Durante a reunião com os representantes dos municípios goianos, o governador Alcides Rodrigues, disse que o encontro não foi somente para ampliar as ações de combate, mas sobretudo para conscientizar os cidadãos. Segundo ele, no atual contexto, é importante que cada um faça a sua parte evitando deixar água parada e lixo acumulado em suas residências.

O mesmo apelo foi feito pelo prefeito de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela, que reforçou que se não houver ajuda da população a tendência é que os casos aumentem. “Só o poder público não dá conta. A participação do Exército brasileiro é um símbolo para mostrar que a situação é de guerra realmente contra a dengue”. Como exemplo, Vilela pediu que todos os poderes começassem a fazer varreduras em suas unidades contra a proliferação do mosquito.

Em relação às ações para atender a população de Aparecida de Goiânia, Maguito Vilela disse que irá dobrar o número das unidades do Programa de Saúde da Família (PSF) e construir duas unidades de pronto atendimento. No momento, tendas e cadeiras de hidratação foram montadas nos postos de saúde para reforçar o atendimento da demanda.

Goiânia
Na Capital, onde até o dia 23 de janeiro foram constatados 4.733 casos de dengue, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) intensificará as ações de combate a partir desta segunda-feira, 1º. Em parceira com a Agência Municipal de Obras (Amob) e Companhia de Urbanização de Goiânia (Comurg), a operação fará vistoria em 14 bairros até o próximo sábado, 6.

A escolha dos bairros teve como critério a incidência de notificações. As visitas vão acontecer na Cidade Jardim, Bairro Vitória, Santa Helena, São José, Criméia Leste, Vila João Vaz, Setor União, Morada do Sol, Setor Centro-Oeste, Vera Cruz II, Jardim Ana Lúcia, Setor Sudoeste, Vila Isaura e Jardim Petrópolis. Além das visitas das equipes às residências, haverá também aplicações de larvicidas e fumacê. O recolhimento de lixo e limpezas das bocas de lobos ficarão sob a responsabilidade da Comurg e Amob. Nas últimas duas semanas, as equipes vistoriaram imóveis em 24 bairros de Goiânia.

Mais chuvas, mais mosquitos
A antecipação do período chuvoso no Estado, que começou no final do ano passado, é um dos fatores que favoreceu o aumento no número de casos de dengue. A gerente de Vigilância Epidemiológica da SES, Magna Maria Carvalho, diz que o acúmulo de água nas residências e lotes baldios beneficia a proliferação do mosquito Aedes Aegypti. Mas comenta que as chuvas não são as únicas responsáveis pela alta incidência da doença.
Segundo ela, não existe uma única explicação para a epidemia de dengue e sim vários fatores como o acomodação da população na prevenção e a falta de políticas públicas nas cidades. Magna comenta que em vários municípios do Estado ainda não há acesso à água e as pessoas usam cisterna, que é um local propício para focos da dengue.

Além disso, em Goiás, o vírus 1 voltou a circular neste ano. Agora, três vírus - 1, 2 e 3 - estão em circulação segundo informações da SES. Segundo a gerente de Vigilância Epidemiológica, o retorno do vírus 1 também está entre os fatores que contribuíram para a ampliação nos índices da doença. Ela comenta que este retorno é natural, mas pega um número grande pessoas que não está imune. Quem havia sido contaminado pelo vírus 2, no ano passado, poderá ser contaminado pelo tipo 1 agora. Isso porque quem foi contaminado fica imune. Os casos mais graves acontecem quando há duas contaminações, o que favorece a manifestação da dengue hemorrágica. De acordo com Magna, o vírus, que não está relacionado com os tipos graves de dengue, deve ter retornado a partir de uma contaminação em outra região do país.

A gerente da Vigilância Epidemiológica do Estado diz que o agravamento nos casos de dengue não acontece somente em Goiás. De acordo com ela, outros dois Estados da região Centro-Oeste, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul vivem surtos da doença. Magna diz que a tendência é de que nos próximos 15 dias os casos de dengue comecem a regredir. A intensificação das ações, segundo ela, deve favorecer a ampliação do combate à doença.

Para o atendimento da população, houve a contratação de profissionais e o aumento nos estoques de medicamentos, como paracetamol e soluções de sais para a rehidratação que foram enviados pelo Ministério da Saúde, na última semana. Segundo ela, os casos de dengue devem ser tratados, inicialmente, nas unidades da rede básica. A estrutura do Hospital de Doenças Tropicais (HDT) e Hospital Geral de Goiânia (HGG) – unidades de referência – foram ampliadas para atender pacientes com quadros graves. O HGG reservou 20 leitos para suporte ao HDT, o único hospital de referência para a doença em Goiás.

Interior
As cidades do interior concentram as maiores incidências proporcionais ao número de habitantes. Barro Alto lidera este ranking com 129 contaminações, entre 1º e 23 de janeiro, para uma população de 6.676 pessoas. Na mesma situação estão outros 17 municípios – Goianira, Campos Belos, Ceres, Nova Glória, Nazário, Crixás, Serranópolis, Doverlândia, Santa Terezinha de Goiás, Santa Bárbara, Iporá, Hidrolândia, Rialma, Pontalina, Senador Canedo, Aragarças e Nova Crixás. Em Goiânia, Aparecida e em outras 44 cidades, o nível de incidência é classificada como médio risco, quando se compara os níveis de casos com o número da população. Ao todo, 142 municípios possuem casos de dengue registrados e os outros 104 ainda estão com um quadro silencioso.

Saiba mais

Como prevenir

* Cobrir qualquer local em que haja água acumulada
* Não guardar pneus em áreas abertas
* Manter as lajes cobertas, sem poça de água e esfregá-las, diariamente, com vassoura
* Guardar as garrafas de cabeça para baixo
* Manter os pratos em vasos de plantas sem água ou com um pouco de areia
* Esfregar, com bucha, recipientes que tenham plantas aquáticas
* Evitar o acúmulo de lixo

Sintomas

* Febre, dor de cabeça e incômodo atrás dos olhos. Há também vermelhidão e coceira pelo corpo.

Tratamento

* Repouso e analgésicos até a internação e reposição de líquidos na veia por soro, dependendo do quadro da doença. Em casos de sintomas da dengue, deve-se evitar o uso de medicamentos que contenham ácido acetilsalicílico, como AAS e Aspirina.

Fonte: Tribuna do Planalto

A ascensão dos prédios comerciais

11:29 0 Comments A+ a-


Gilberto G. Pereira

Na lógica do capital, a prova do crescimento econômico está no número de empreendimentos da construção civil. Quer saber se a economia está aquecida na cidade, olhe para o alto e para os lados e veja se há casas e prédios sendo construídos, se há pedreiros, serventes e engenheiros transitando feito formigas para entregar logo a obra. Agora, se um bom número dessas construções estiver no segmento de prédios comerciais, isso significa que a cidade não só está crescendo na linha tradicional de seu mercado, mas também absorvendo novos negócios e, acima de tudo, trazendo novos grupos de investimentos. É o que acontece com Goiânia neste momento.

De acordo com o Sindicato da Indústria da Construção no Estado de Goiás (Sinduscon-GO), atualmente, há cerca de 20 empreendimentos na capital goiana, na linha de edifícios comerciais de alto padrão, sendo lançados ou em projetos. A maioria desses prédios está sendo erguida nos setores Oeste e Bueno e Jardim Goiás. No meio do triângulo formado pelos três bairros há outro que também é a menina dos olhos dos investidores, o setor Marista, cortado pela Avenida 136, uma das mais badaladas pelo mercado imobiliário.

Vários edifícios comerciais já estão sendo ou serão construídos na Avenida 136, entre os quais está o projeto do Nasa Business Style, da EBM Incorporações, prédio de 27 pavimentos lançado recentemente como um dos mais modernos e completos da cidade, incluindo um heliponto entre os serviços oferecidos, além de espaço para lazer dos executivos, que contarão com uma piscina com raia de 25 metros.

A flexibilidade de espaço é outro diferencial desses novos prédios. O Nasa, por exemplo, com início das obras previsto para o mês de abril, vai oferecer salas que variam de 39 a 697 m2, podendo abrigar uma multiplicidade de tipos, indo do pequeno escritório de um profissional liberal aos complexos escritórios de multinacionais. “Todos, no entanto, com a mesma qualidade e os mesmos acessos aos serviços”, garante o diretor comercial da EBM, Rodrigo Meirelles.

A Brookfield Incorporações também sentiu o aquecimento do mercado quando lançou um empreendimento na Praça Tamandaré, em novembro do ano passado, chamado The Prime Tamandaré Office, que num final de semana vendeu 60% das unidades. Construído numa área de 29 mil m2, o edifício tem 305 salas, cinco lojas e um mezanino, distribuídos em 23 andares.

Outra empresa que aposta nessa retomada dos prédios comerciais é a Opus Inteligência Construtiva, que já lançou três edifícios em Goiânia. Um deles é o New World, localizado na Avenida T-63, no setor Bueno, com 17 pavimentos, sendo um duplex, e mais dois mezaninos, totalizando 20 andares para cima, ou seja, sem contar os subsolos. O New York, com as mesmas medidas do primeiro, seguiu a demanda do setor Marista, sendo erguido na Avenida 136.

A previsão de entrega dos dois empreendimentos é, respectivamente, em março próximo e setembro de 2011. Em agosto de 2012, a Opus quer entregar seu prédio mais diferente, o JK, que está sendo construído na Avenida E, no jardim Goiás. O edifício possui 16 pavimentos, sendo três deles duplex, além de um mezanino, chegando desse modo a 20 andares também. O maior diferencial do projeto, no entanto, é a construção de um jardim suspenso no meio do prédio.

Otimismo
O Sinduscon vê o aquecimento com otimismo. “Esse boom começou no final de 2008 com vários lançamentos, após um longo período em baixa”, diz o presidente da entidade, Roberto Elias de Lima Fernandes. Segundo ele, um dos fatores que possibilitaram a nova ascensão do mercado imobiliário, além da aposta na economia regional, aliada ao crescimento econômico nacional, foi o crédito facilitado.

Com a gama de cartas de crédito oferecida pela Caixa Econômica Federal e Banco do Brasil, as pessoas podem comprar uma sala em parcelas de até 15 anos, num valor um pouco acima do aluguel. “Em função disso, ficou mais fácil para um profissional liberal adquirir seu próprio escritório, ou consultório e trabalhar mais sossegado. Boa parte do que está sendo construído vai para esses profissionais”, diz.

Apesar da euforia relativa do mercado, Fernandes avalia o novo cenário com cautela. Segundo ele, para o porte de Goiânia e seu potencial de crescimento, o número de lançamentos e projetos indica uma tendência. “Mas é preciso analisar a sequência disso e acompanhar o ano de 2010 para ver se vendeu tudo ou não. Isso porque ainda não temos dados para saber o quanto o mercado tem para crescer, e o quanto do que se faz hoje é assimilação da carência passada”, diz.

De acordo com a pesquisa da Grupom Consultoria Empresarial, encomendada pela Associação das Empresas do Mercado Imobiliário de Goiás (Ademi-GO), o valor acumulado dos lançamentos, de dezembro de 2008 a novembro de 2009, chegou a R$ 1,4 bilhão. Embora o levantamento não faça a distinção de valores entre os segmentos, estima-se que desse total cerca de 3% a 5% foram investimentos no setor de prédios comerciais.

O que parece pouco apresenta-se como um gigante, se avaliado à luz do final da década de 90, quando não se via sequer um puxadinho para escritório. Hoje, uma espécie de diáspora se instala na malha da cidade, com os profissionais liberais deixando seus escritórios montados na própria residência, ou no centro de Goiânia, à procura de salas sofisticadas, que oferecem conforto, segurança, qualidade e, por que não, status, nas regiões mais ricas.

De acordo com Daniel Barcelos, gerente regional da CB Richard Ellis, a gigante no setor de administração de condomínios empresariais de alto padrão, parceira da EBM em seus empreendimentos, outra migração possível é das grandes empresas, que sairão de suas sedes e vão se instalar em edifícios comerciais. “Empresas multinacionais e nacionais estão instalando suas filiais em Goiânia, assim como as nacionais. Essas grandes empresas necessitam de salas de até 500 m2, onde só é possível encontrar nesses novos empreendimentos”, diz Barcelos.

É aí que entra a sensibilidade do empreendedor para investir. Segundo o presidente da Sinduscon, a entidade tem filiadas 2,1 mil empresas do ramo da construção. Destas, 250 atuam no mercado de execução de obras, em todas as áreas. Cerca de dez delas trabalham com edifícios comerciais, ou seja, aproximadamente 5% do total. “No começo dos anos 2000 não havia ninguém”, observa.

Antenas ligadas
Para o vice-presidente de Incorporação e Construção do Sindicato da Habitação e Condomínios do Estado de Goiás (Secovi-GO), Joaquim Barbosa de Oliveira, a construção de empreendimentos comerciais é uma espécie de antena do mercado como um todo, está ligada à saúde da economia, mais do que as edificações residenciais. “Só se coloca um CGC para funcionar se a economia estiver positiva”, diz ele.

Segundo Oliveira, o que se precisa analisar com cuidado num momento de boom, como foi em 2008 e promete retornar com força em 2010, é a conjuntura, como regiões de investimento, razões da alta procura e a situação do mercado nacional. “No primeiro caso, os empreendimentos estão bem localizados, sendo realizados em áreas muito valorizadas e dinâmicas, perto de shoppings, dos melhores restaurantes da cidade e dos serviços mais ágeis.”

Uma das razões da alta procura, segundo Oliveira, poderia ser um fator inibidor, porque boa parte desse movimento todo é apenas o atendimento à retomada de uma demanda reprimida. Segundo ele, durante um longo período Goiânia não teve investimento nesse setor. Começou nos últimos três anos, e por isso houve uma oferta significativa.
Por outro lado, há também o fato de a economia brasileira, de modo geral, e a goiana, em particular, ter conseguido assimilar o baque da crise internacional sem grandes seqüelas. “A perspectiva de crescimento do país é boa, com uma estimativa de que cresça mais de 4% em 2010. Neste caso, nada poderá parar esse crescimento do mercado de prédios comerciais”, diz Oliveira.

A tendência, portanto é que o mercado de edifícios corporativos continue em alta. A indústria da construção civil também aposta nisso (leia texto à página A-5). Tanto é que já se preocupa com a escassez de mão de obra. Mas é sempre bom ficar antenado, conforme diz Oliveira.

Segundo ele, o empresário incorporador é um ser de antenas, para quem a pesquisa de mercado é só uma ferramenta a mais, que se alia ao seu feeling na hora de saber se dá para investir mais ou recuar. O momento é de investir, diz ele, principalmente porque a cidade cresceu e necessita desses investimentos para suprir a demanda e continuar crescendo.

Fonte: Tribuna do Planalto