Umidade do ar em Goiânia atinge menor nível hoje

11:27 1 Comments A+ a-


Goiânia pode registrar hoje a mais baixa umidade do ar até agora. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) no Estado previu queda para 15%, o que já é considerado estado de alerta. Ontem, a Capital registrou umidade de 22%, longe dos 17% registrados na última semana de julho, mas baixa o bastante para deixar os órgãos responsáveis em estado de alerta. A temperatura, que atingiu picos de 33°, poderá subir para 34°.

Segundo a chefe do Inmet em Goiás, Elizabete Alves Ferreira, a média de temperatura no Estado este ano está de acordo com os índices de 2008, mas, ainda assim, acima da média histórica. Nas regiões Norte e Oeste do Estado, a temperatura máxima pode chegar a 37°. A sensação incômoda de calor tende a se agravar. Até setembro, considerado o período crítico da seca no Estado, a umidade poderá cair para 10%, semelhante à registrada no Deserto do Saara, na África.

A umidade relativa do ar é considerada agradável acima de 50%. Abaixo de 20% é considerado estado de alerta, passível de intervenções dos governos, como suspensão de aulas e atendimento intensificado nas unidades de saúde. O Inmet já emitiu estado de alerta aos órgãos responsáveis (Defesa Civil e secretarias de Saúde).

Doenças
Com o tempo seco, as doenças respiratórias tendem a atacar mais a população. A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) estima que Cais e Ciams recebam entre 20% e 30% mais pessoas com crises de asma, bronquite ou infecções das vias respiratórias. Os mais atingidos são crianças e idosos, mais vulneráveis aos males típicos do período. A orientação é que, a qualquer sinal de doença, o paciente vá a um posto de saúde para ser medicado e passar por sessões com aerosol.

Em casa, a recomendação é manter o ambiente úmido e ventilado. Soluções simples como bacias com água e toalhas molhadas são válidas para garantir noites de sono mais agradáveis. Aparelhos umidificadores garantem climatização do ambiente, mas devem estar sempre limpos, do contrário são fontes de micro-organismos.

Ingerir mais líquido para garantir a hidratação do corpo é outra dica para evitar incômodos durante a seca. Exercícios ao sol entre meio-dia e 17 horas devem ser evitados.

1 comentários:

Write comentários
Anônimo
AUTHOR
24 de agosto de 2010 17:05 delete

vamos morrer desidratrados! igual peixe fora d'agua.

Reply
avatar